16 anos de “Artes ao Vivo”

A efeméride é marcada com uma exposição online que imprime a historiográfica do projecto, bem como um debate entre Lukeny Bamba e Kool Klever, cujo tema será a “Existência, persistência e a criação do Artes ao Vivo”, amanhã, a partir das 14 horas no Eclético FM.

Nasceu na Galeria Cenárius, mas já passou por vários spots da cidade de Luanda e fixando “residência” no Espaço Bahia com um formato de microfone aberto contemplando música, poesia e outros atractivos, numa iniciativa do rapper e poeta Lukeny Bamba. A completar dezasseis anos de existência amanhã, o Artes ao Vivo, é um dos mais palpáveis testemunhos da promoção da arte moderna e contemporânea de Angola.

Um dos papéis do “Artes ao vivo” é o de ser instrumento de educação e inserção social. Em cada uma das suas edições, o evento atrai diferentes olhares ampliando assim o conhecimento e convivência com a arte. A mente por trás do projecto contou em exclusivo como tudo começou: “Participei várias vezes num evento do género em Louisiana-baton rouge (sul dos Estados Unidos) onde eles recitavam “spoken word” o apresentador “Xero” tornou-se meu amigo. E quando regressei a Luanda uma vez que actividades do género existem em todo mundo e aqui não existia decide criar um Evento microfone aberto na galeria cenários na cidade alta em 2004”, relembrou Lukeny.

16 anos de “Artes ao Vivo”

Actualmente, as apresentações artísticas são viradas para a intervenção social, sendo um espaço de sinergia para formadores de opinião, que em 2018 entrou para a TPA2 e além do seu formato inicial, assumiu a vertente de debates e congregou uma corrente spoken que conta com a apresentação de vários poetas “mestres” no spoken word, com temas direccionados para as apresentações colectivas.

Indubitavelmente um “celeiro” de promoção e das artes angolanas, o impacto no desenvolvimento cultura é claramente reconhecido, com grandes talentos da nossa música nacional e não só, que deram os “primeiros passos” naquele palco: Nástio mosquito, Nelson ngenohaita, tunezas, c4pedro, Nadia pimentel, Ndaka yo wiñi, Jack Kanga, kanda e muitos outros. E porque um projecto de tamanha dimensão não podia ser redigido por apenas um homem, Lukeny Bamba juntou-se à Africk, Keita mayanda, Olissassa, Dilson de Sousa, Kardo Bestilo, Shynia Jordão, Myriam, Glória, Elisangela Rita, Victor Barros, Fábio Carvalho, nomes que com o artista engrenaram nesta “aventura”. Uma equipa que se mostra cada vez mais de pedra e cal nesta empreitada onde quem sai a ganhar é a cultura angolana.

as cargas mais recentes

Cinemas reabrem quarta-feira

há 7 meses
As salas de cinema, em Luanda, reabrem a partir de quarta-feira, seis meses depois do encerramento por conta da pandemia do Covid-19, informou a comissão multissectorial através de um decreto.

Né Gonçalves lança nova música e anuncia álbum com participações inesperadas

há 9 horas
A riqueza poética patente na música de Né Gonçalves alterou recentemente as listas de produção da Apple Music, Spotify e New Music, em Portugal.

Morte de Sindika Dokolo afecta cultura angolana

há 5 meses
Sindika Dokolo foi o maior coleccionador de arte contemporânea de África. Foi também o maior coleccionador de obras plásticas da lusofonia. A sua morte, nesta quinta-feira, deixa um vazio à música, à dança e à arte contemporânea angolana.

Conheça Jomo Fortunato, o novo Ministro da Cultura, Turismo e Ambiente

há 6 meses
O recém-nomeado Ministro da Cultura, Turismo e Ambiente é um homem de cultura, historiador da Música Popular Angolana, professor, cronista do Jornal de Angola e organizador da Feira do Livro e do Disco de Luanda.

Bob da Rage Sense: Na linha da frente dos protestos

há 10 meses
Ao contrário de muitos artistas que se limitam a “protestar” nas redes sociais, o rapper saiu às ruas para também dar voz às palavras de ordem: “Vidas Negras Importam”, “Justiça, justiça, nós queremos justiça” e “Só queria respirar, mas até para isso tenho que suplicar”.

PLASTICIDADES Anti-Covid-19: Exposição em homenagem a Paulo Jazz pode ser vista até ao dia 31

há 3 meses
A exposição que memora a vida e obra de Paulo Jazz, foi inaugurada no passado dia 4 de Janeiro e insere-se nas celebrações do Dia da Cultura.

DMX revela que é tripolar

há 7 meses
A revelação foi feita durante o “Ruff Ryders Chronicles”, transmitido pelo canal BET. Durante a entrevista de Earl Simmons, nome de registo de DMX, que tomou um rumo mais emocional, por ser confrontado com o assunto das suas múltiplas personalidades.

Nankhova: “No meu ranking sou um músico a seguir, um exemplo bom para a música nacional”

há 3 meses
Nankhova é um artista que dispensa apresentações, nos croquis de moda impressiona com o seu Je ne sois quoi e nas pautas musicais pretende transmitir a sua alma que é gerida pelo seu “grande Deus”.

Prodígio completa “30 e Tal” anos e oferece um presente aos fãs

há 3 meses
A prenda chama-se “30 e Tal”, uma música com Paulo Flores, circunstancialmente lançada no dia em que Prodígio assinalou o 32° aniversário. Não os trinta e dois anos de carreira, mas de idade, pois o rapper rima há 21 anos.

Kanye West entrega documentos de candidatura à Comissão Federal de Eleições

há 9 meses
Após rumores sobre a desistência às eleições presidenciais de 2020, Kanye West entregou ontem um conjunto de documentos à Comissão Federal de Eleições dos EUA para formalizar a sua candidatura. O comité político do rapper chama-se “Kanye 2020” e o projecto político “Birthday Party”.

Dr. Dre diz que redes sociais destroem a mística da música e dos artistas

há 11 meses
Dre foi mais longe ao afirmar que, se estivesse no início de carreira, talvez odiasse as redes sociais, por elas destruírem a mística, que é a principal característica da música. “É prazeroso esperar o que está por vir”, disse.

Já podemos viajar nas “Aventuras de Robbie Wan Kenobie”, o oitavo álbum de Bob da Rage Sense

há 11 meses
O novo álbum de Bob Da Rage Sense chegou hoje, às plataformas digitais. Em dia de celebração de “Star Wars” a saga de George Lucas, Bob, fã acérrimo da obra, edita o seu oitavo álbum, propositadamente intitulado “As Aventuras de Robbie Wan Kenobie” .

The Weekend. Ligaduras no rosto ” é o reflexo sobre a cultura absurda das celebridades de Hollywood”

há 2 meses

“Estou a ser cobiçada por várias produtoras”

há 1 ano

Prenda de Natal: Milionário Records apresenta colectânea musical

há 4 meses
Chega ao mercado angolano uma colectânea de canções sugestivas, repleta de estrelas da editora milonário records, apresentando vinte e oito músicas de doze artistas, que fazem parte da extensa família MR, cujo lançamento será feito durante quinze dias, trazendo várias propostas musicais no estilo Kizomba, R&B, Naija, Guetto Zouk, para este período fraternal do ano.

Celebrações do nascimento do movimento Hip Hop encerram dia 27 na Universidade Hip Hop Angola

há 8 meses
A Universidade Hip Hop em Angola, tem em curso um ciclo de actividades on line, com transmissão na sua página do Facebook e no seu Canal do YouTube, que incluem Live Show, Deejay Jam, WebTalk, Webinar e Workshop.