A maioria dos artistas angolanos consagrados paga para promoverem suas músicas em “CDs piratas”

Actualmente os artistas consagrados são os que mais pagam “piratas” para promoverem suas obras discográficas, Eps ou singles, principalmente os que fazem Ghetto Zouk e Afro House. O fenómeno não é de hoje, só aumentou nos últimos tempos por causa da pandemia do Covid-19, e os preços variam a partir dos 200 mil Kwanzas.

São vários os processos que uma música tem de passar para se tornar hit e a duplicidade é um dos principais, admitem os artistas, entre os quais de Rap, Semba e Afro, justificando que, se não recorressem à prática suas músicas nunca chegariam a zonas do país onde o uso da Internet ainda é deficitáro.

Isto não é uma coisa que acontece só hoje. Mesmo no passado também já acontecia. Cinco dos dez músicos e um dos três responsáveis de produtoras de referência no país entrevistados pela Carga admitiram que recorrem ao processo e os resultados são visíveis nos seus artistas. No entanto, há quem nunca recorreu à prática, porque acredita no poder dos órgãos de difusão massiva.

“Não. Porque ao longo dos anos, construí uma base sólida com as rádios e televisões em toda a África. Temos uma óptima parceria com distribuidoras, é fácil para nós chegarmos aos nossos consumidores”, respondeu a CEO da Cloe Management, uma produtora angolana com foco no Afro e que gere carreiras de vários artistas africanos.

Os preços para a duplicação de obras musicais, designada por “pirataria” começa nos 200 mil Kwanzas, dependendo do tempo de promoção e dos meios a utilizar. Se fôr CD são 200 mil Kwanzas/ mês. Se envolver pendrives, o preço já é outro. 

Quem trabalha na área, como é o caso de Gutinho Produções, percebe melhor o negócio. O agente começou como amador há  21 anos e hoje actua como profissional e afirma que todo o artista angolano consagrado solicita o seu serviço.

“O artista contacta, eu dou o preço. Ele faz o pagamento e começamos a trabalhar. Antes quem mais solicitava eram os artistas com menos nome, mas agora os que fazem mais são o que têm mais nome no mercado. A promoção de CDs e pendrives atinge até o povo da última carteira”, tentou justificar.

Em média é possível reproduzir dois mil CDs actualmente por semana, que depois são distribuídos aos consumidores por jovens à beira das estradas e em outras províncias do país onde há dificuldades de acesso à Internet.

De momento, os que mais recorrem ao serviço são os que fazem Ghetto Zouk, Afropop, vindos das principais produtoras do país, revela Gutinho.

“Todas as produtoras solicitam o meu trabalho, até os kotas, muitos deles não gostam que se cite seus nomes. Duplicar uma obra sem a autorização é que é pirataria. O que eu faço tem a autorização do próprio cantor. Só coloco músicas com autorização do artista”, defendeu-se Gutinho.

as cargas mais recentes

Kisom Unitel responde às acusações sobre supostas violações dos direitos dos artistas

há 9 meses
A Sociedade Angolana de Direitos de Autor acusa o Kisom Unitel de não respeitar os direitos dos autores e, além disso, diz que a plataforma de streaming está a funcionar de modo ilegal.

Morreu Astro, vocalista dos UB40

há 3 semanas
O cantor e multi-instrumentista morreu este sábado, subtamente aos 64 anos. Protagonista de hits como “Red red one”, a banda britânica já esteve em Angola e para um grande espectáculo.

Zap Viva exibe documentário de Kuduro `Fogo no Musseque´

há 1 ano
Realizado por Jorge António, a pesquisa apresenta depoimentos assim como demostrações deste estilo que se confunde como estilo musical e, ao mesmo tempo, de dança.

Kool Klever: Música `Black Woman´ já tem videoclipe

há 8 meses
Volvidos 13 anos após ao lançamento da música ‘Black Woman’, Kool Klever grava videoclipe da faixa e promete estreia para breve.

Grupo Mi Casa festeja disco de Ouro e partilha história do single `Mamela´

há 7 meses
O house extraído do mais recente álbum do grupo intitulado “We Made It”, acaba de atingir a marca de Disco de Ouro.

Katy Perry adia lançamento do disco

há 1 ano
Katy Perry comunicou aos fãs que seu álbum “Smile” vai demorar mais do que o esperado, para ser lançado. Numa publicação nas redes sociais, a cantora afirmou que o disco, que estaria disponível a partir do dia 14 de Agosto, sofreu alguns atrasos na produção e será “lançado” no dia 28 do mesmo mês.

Beam Me Up Scotty: Nicki Minaj relança mixtape com faixas inéditas

há 7 meses

RIH-ISSUE: Enquanto o novo álbum não vem, Rihanna lança discografia em vinil

há 3 semanas
Ao seu jeito, Rihanna anunciou o lançamento dos seus óctuplos álbuns num novo formato, em tradução livre feita por esta que vos escreve, a artista “alfinetou” os mais conservadores com um post: “As crianças de hoje nunca saberão o que é vinil”, disseram eles!” provocou, deixando disponível o ri-hanna.io/rihissue, onde se encontram a venda.

Galeria Tamar Golan apresenta “CaDespedida” da autoria de Mauro Sérgio

há 1 ano
“A CaDespedida é aquele momento nostálgico de um fim de dia bem passado. Termo cunhado nas eternas idas à praia na Luanda, Benguela e Porto Amboim do antigamente, onde passar um dia na praia era um evento preparado com cuidado, antecipado e esperado com ansiedade.

Bú Cherry: Do Kuduro para Kizomba

há 12 meses
A cantora, se apresenta num formato diferente daquele que as pessoas acostumaram-se a vê-la. Nesta nova versão, Bú Cherry demonstra uma grande evolução musical, uma artista multitalentosa, que tenciona “tocar” corações.

É oficial, `The Old Guard´ terá sequência

há 1 ano
`The Old Guard´chegou à Netflix neste fim de semana, e foi um dos filmes mais assistidos desde então. Protagonizado por Charlize Theron, o filme de acção é uma adaptação da HQ homónima de Greg Rucka, que possui cinco volumes. Isso explica o final aberto do filme que, segundo a Directora Gina Prince-Bythewood, pode sim ter uma sequência.

Adriano Tchitacumula: “Estrelas ao Palco é apenas um concurso, a verdadeira demonstração do meu talento começa agora”

há 6 meses

“Let’s Go Crazy: The Grammy Salute To Prince” transmitido na TV

há 2 anos
Quatro anos após a morte de Prince, o concerto de homenagem ao músico que juntou, na cerimónia deste ano dos Grammys, vários nomes do rock e da pop foi transmitido na televisão norte-americana.

Ariana Grande e Demi Lovato dão indícios de um possível projecto em conjunto

há 9 meses
Ao que tudo indica, Ariana Grande e Demi Lovato estão a trabalhar juntas numa colaboração. As duas artistas postaram a pista no Instagram, neste domingo (7), deixando os fãs bastante animados com a possibilidade.

Kanye West promove imagem da Rainha N’zinga

há 1 ano
O músico e empresário usou ontem a sua conta do Twitter e publicou um conjunto de imagens de figuras históricas, entre os quais reformadores das religiões, santos católicos e filósofos.

Kanye West acusado de “desrespeitar o Islão” com a sua colecção de ténis

há 1 ano
Yeezy Boost 350 v2 tornou-se tão popular que a Adidas não consegue desistir dele. Mantém a popularidade sem esforço, através dos anos e ganhou muitos modelos novos como a Asriel, que será apresentado oficialmente dentro de dias e que está a ser acusado de desrespeitar o Islão.