A partir de produções amadoras, Cossom constrói carreira profissional nas redes sociais

Cossom “The Greather”, de 19 anos de idade, é o mais novo cantor de Rap e R&B e já começou a prender o público nas redes sociais. Suas letras retratam sobre os amores, as paixões e o sentimento de abandono vividos entre os jovens. A partir do distrito de Camama, o cantor procura captar a atenção das produtoras e apresenta durante a primeira entrevista da carreira seus projectos musicais.

Que músicos contribuíram para que você tomasse a decisão de cantar profissionalmente?
Comecei a cultivar a veia profissional há quatro anos no distrito onde nasci, no Bairro Azul e até hoje as minhas maiores influências continuam a ser os músicos que residem lá.

Quantas músicas tem disponível?
Neste momento, tenho dois projectos disponíveis, um lançado em 2018 e o outro em 2020. Em breve,vou disponibilizar vídeos clipes de duas músicas “Desculpa” e “New Lies”.

Com que participações contou?
 Não houve participações, todas a solo.

A partir de produções amadoras, Cossom constrói carreira profissional nas redes sociais

Quais são as novidades que tem para este ano?
Para este ano, estamos a preparar os vídeos clipes das duas músicas e temos outros vídeos clipes para serem lançados, estamos apenas à espera do momento mais propício.

E quando é que pode ser este momento?
Nada melhor que chamar, primeiramente, a atenção do público e vou trazendo diferença e algo mais original.

Quem escreve as suas músicas?
Sou o autor de todas as minhas canções. Trago melodias originais, trabalho imenso nisso.

Por que prefere focar suas abordagens a jovens da sua faixa idade?
Acho que fica mais fácil para mim, uma vez que eu sou desta faixa etária.

E que mensagens procura transmitir?
Variadas. É dito que as composições vêm da alma e o que vem depende do que estamos a viver no momento, então depende.

Vem cantando a solo. Não consta dos seus planos partilhar música ou projectos com outros artistas?
Penso sim. Gostava de ter participações com Abdiel, Yola Semedo, Heavy C e Totó ST.

Como está a sua carreira neste preciso momento?
A carreira se encontra em fase de expansão, uma vez que estamos a trabalhar arduamente para atingir o ápice.

Para quem está a começar, conseguir uma produtora é difícil. Como tem lidado com isso?
Na verdade, nunca foi um problema para mim, tenho os meus próprios materiais e consigo fazer as minhas captações em casa, assim que conseguir assinar com uma produtora, vou apostar aperfeiçoar mais o meu conhecimento sobre música, porque ali as responsabilidades aumentam.

Como se tem preparado para vencer os desafios?
Tento a partir de agora desenvolver a capacidade de ser humilde, acho que isso derruba qualquer coisa.

as cargas mais recentes

Já estão abertas as candidaturas para a 2ª Edição da Residência Artística LUUANDA

há 6 meses
O colectivo cultural Pés Descalços informou em nota, que vai decorrer até ao dia 30 de Junho, as candidaturas para a 2ª Edição da Residência Artística LUUANDA.

Kyaku Kyadaff regressa ao Show do Mês

há 7 meses
O show do mês de Abril marca o regresso do músico ao projecto que conhece bem, depois de várias passagens nas temporadas anteriores, com destaque para 2015 em que foi o cabeça de cartaz.

Meninas do Maculusso preparam grande show

há 2 anos
O reencontro é um tributo aos 28 anos de existência do grupo.

Bola de Ouro 2020 não será atribuída a nenhum jogador

há 1 ano
A France Football anunciou hoje que a Bola de Ouro 2020 não será atribuída, por “circunstâncias excepcionais, uma decisão que acontece pela primeira vez desde 1956.

Lukie disponibiliza videoclipe do tema “Amor”

há 10 meses
Gravado em Maputo, na Ponta do Ouro, este novo vídeo reflecte a mensagem principal do tema: amar incondicionalmente, “como o mar infinito”.

Agora é oficial, Netflix quer pôr fim às partilhas de contas

há 7 meses
A Netflix está a testar um novo recurso que restringe a partilha de conta apenas com quem estiver no mesmo recinto.

Tá a Bater Show com Gerilson Insrael acontece já neste domingo

há 7 meses
O próximo domingo, 11 de Abril, está reservado para o músico que rapidamente conquistou o País com a canção “Minha bêbada”.

Regresso do Zwela Spoken Word marcado para amanhã

há 1 ano

Sandra Cordeiro anuncia EP mais comercial e menos clássico

há 1 ano
Trata-se de um maxi single com quatro faixas musicais nos estilos Kizomba, Afro Folclórica, Balada e Semba, que seria publicado no mês passado, mas que, devido à pandemia, estará à disposição dos fãs, por via digital, depois do levantamento do Estado de Emergência.

Hochi Fu lança plataforma para promover e ajudar os artistas a rentabilizarem seus singles

há 2 anos
Denominada Kwata singles, a mesma permitirá o artista ganhar dinheiro com o seu single, para além de ajudar a promover a sua música gratuitamente.

Novo álbum de Dj Khaled já está disponível e traz participações de Nas e Jay-Z

há 6 meses
Oficialmente disponível desde hoje, “Khaled Khaled” comporta 14 faixas musicais. O famoso dj lançou seu 12º álbum sem um single principal e quase sem aviso prévio.

As Gingas protagonizam despedida do Show do Mês no formato live

há 1 mês
Mais um “reencontro” digno de ser guardados nos corações e mentes. A decorrer já no próximo sábado, dia 18, no conceito Hospitality, o último Show do Mês no formato live promete fortes emoções, e não poderia ser diferente.

“Como evitar que o Covid-19 afecte a psique do seu filho”- Carlinhos Zassala explica tudo

há 2 anos
Nesta entrevista, o bastonário da Ordem Dos Psicólogos de Angola fala das consequências dos espectáculos online, deixa conselhos às gestantes, ensina que tipo de atitude os que estão em quarentena institucional devem adoptar e, também ensina o que ler e assistir para evitar o pânico.

Mais de 300 actores endereçam carta aberta a Hollywood

há 1 ano
Mais de 300 actores e realizadores, incluindo Idris Elba, Queen Latifah e Billy Porter escreveram uma carta para Hollywood a pedir que a empresa cinematográfica aposte mais em conteúdos anti-racistas e apelam para o fim do “legado da supremacia branca” na indústria.

FIFA aprova regras que permitem jogadores representar mais de uma selecção

há 1 ano
A Federação Internacional de Futebol aprovou ontem durante o seu 70.º Congresso, em Zurique, uma alteração nos regulamentos para a mudança de federações por parte dos jogadores que podem representar mais do que um país.

Nankhova: “No meu ranking sou um músico a seguir, um exemplo bom para a música nacional”

há 9 meses
Nankhova é um artista que dispensa apresentações, nos croquis de moda impressiona com o seu Je ne sois quoi e nas pautas musicais pretende transmitir a sua alma que é gerida pelo seu “grande Deus”.