Afinal vidas angolanas também importam

A classe artística angolana quebrou o silêncio e decidiu dar um basta à indiferença perante a brutalidade e violência policial que, vezes sem conta, resultaram em mortes, como foi o mais recente caso de José Manuel, morto à tiro no Prenda. A bárbara acção, alegadamente cometida por um agente da polícia nacional, gerou uma corrente de protesto na indústria da música angolana.

O assassinato do jovem de 23 anos, ocorreu na madrugada de 12 de Julho, no bairro Prenda, em Luanda, e não foi o único acto atribuído a agentes da polícia nacional este ano, mas pode significar o fim do silêncio da classe artística angolana várias vezes acusada de insensibilidade perante a dor da perda dos concidadãos e de serem mais sensíveis à brutalidade policial praticada contra cidadãos dos Estados Unidos da América, Inglaterra, Portugal ou França.

Apontam-se os protestos nas redes sociais a favor do Black Lives Matter como provas disso, pois, dias depois do enterro de George Floyd, o país voltou a registar mais uma morte no Bairro Huambo. Tratava-se de António Domingos Vilola, de 21 anos, alguns dias antes do assassinato do adolescente Altino Arlindo Afonso “York”, 15 anos de idade, no bairro Simone Mucune, distrito do Camama, em Talatona.

Para atrás ficou o silêncio, porque músicos e figuras públicas angolanas como: DH, DNXL, Prodígio, Znobia, Bass, Ready Neutro, Eva Rap Diva, Flagelo Urbano, Bass, Freddy Costa, Cef Tanzy, Anna Joyce, Paulo Flores, Yannick Afroman, Gilmário Vemba, Prodígio, Og Vuino, Yuri da Cunha, Niiko, Sílvio Nascimento ou Lukenny Bamba decidem colocar fim às críticas sobre a letargia e vão aos poucos provando que, vidas angolanas também importam, sim!

as cargas mais recentes

Artistas angolanos beneficiam de carteira profissional já a partir de Junho

há 1 ano
O documento que representa um ganho da classe, é mais uma forma de assegurar o cumprimento dos princípios deontológicos dos criadores.

Já começou a contagem decrescente para a estreia do vídeo do single ‘Cidade à noite’

há 2 anos
Numa altura em que o rapper mais tem se dedicado à sua marca de vestuário, a música que retrata a realidade social, veio quebrar o silêncio de Young Double e considera “é evidente que não houve música mais impactante que Cidade à noite no último mês”.

SADIA ameaça levar Unitel a tribunal

há 1 ano
A Sociedade Angolana de Direitos de Autor exige 453 milhões de Kwanzas da operadora de telefonia móvel, pelas músicas executadas no Kisom Unitel e Toque de Espera.

Exposição ‘New Era For Humanity’ inaugura Marvilla Art District

há 1 ano
O Marvilla Art District é um projecto que nasce da vontade da MOVART Gallery, em parceria com a REWARD Properties, e tem como objectivo a criação de um polo artístico e a dinamização cultural de uma zona residencial em Marvila (outrora espaço industrial em decadência).

Chloe estreia single e videoclip de “Upgrade”

há 1 ano
“Upgrade” fala sobre o poder feminino e pretende transmitir uma mensagem de empoderamento da mulher como um ser humano forte e independente que entende o seu valor.

Stop Covid: Grafiteiros pintam murais das comunidades com os métodos de prevenção

há 2 anos
Um grupo de artistas plásticos está a ensinar, várias comunidades em Luanda, métodos de prevenção contra o coronavírus, usando a arte urbana “grafite”. Os grafiteiros tudo fazem para atingir mais bairros e vêem-se impossibilitados.

Beyoncé ‘forçada’ a retirar verso da canção do seu novo álbum “Renaissance”

há 2 meses

Vanda Pedro: “O teatro é ciumento, precisas de tempo para viver e aprender intensamente”

há 1 ano
“Uma mulher de acção e artista de grande potencial”, é como quer ser lembrada a profissional de 38 anos de idade, 25 dos quais dedicados a arte da representação. Uma trajectória que nas palavras de Vanda, foi pautada por muita intensidade entre “choros e risos” que, será imortalizada no livro.

G-Unit: Adeus para sempre

há 2 anos
Depois das especulações sobre o possível reencontro entre Lloyd Banks, Tony Yayo, Young Buck e 50 Cent está definitivamente consumado, já não há esperança de ver os antigos membros da G-Unit juntos.

Conheça as surpresas do Festival Internacional de Jazz da Cidade do Cabo edição 2020

há 2 anos
O quarto maior evento de Jazz do mundo e o primeiro do continente africano, traz para a vigésima primeira edição uma diversidade de vozes. Nomes como Lira, Lady Zamar e o rapper norte-americano Earl Sweatshirt vão juntar-se a veteranos do Jazz.

Nankhova: “No meu ranking sou um músico a seguir, um exemplo bom para a música nacional”

há 2 anos
Nankhova é um artista que dispensa apresentações, nos croquis de moda impressiona com o seu Je ne sois quoi e nas pautas musicais pretende transmitir a sua alma que é gerida pelo seu “grande Deus”.

“Mário Gomes e Dalú Roger são elementos que me dão o resultado que preciso em palco”

há 3 anos
Instrumentistas revelam cumplicidade em palco.

Killuanji: “Os fazedores do Rap gospel em Angola andam distraídos e tornam o estilo frágil e fraco ao ponto de ninguém os ouvir”

há 2 anos
Lançou recentemente o EP Apocrypha e embora esteja na música há mais de uma década, Killuanji considera que agora sim, a sua carreira começou. O rapper que faz da crença o seu sacerdócio assume-se como o “novo rosto do Rap Gospel em Angola”, e garante que chegou para dar uma lufada de ar fresco ao estilo.

Corpos de David Zé, Artur Nunes e Urbano de Castro terão sido encontrados

há 6 meses
Os restos mortais dos músicos Artur Nunes, David Zé e Urbano de Castro podem estar entre os dez corpos recuperados, cuja confirmação está a ser feita através da comparação de material genético.

Rapper Duas Caras preocupado com a perda de valores tradicionais em África

há 2 anos

Já começou o Festival #EuFicoEmCasa

há 3 anos
Serão no total 6 dias, 77 artistas e 40 horas de concerto transmitido em directo, pasmem… nas próprias contas de Instagram.