Artista Ricardo Fanju transforma blindados e tanques de guerra em belas obras de artes no Bailundo

O artista espanhol Ricardo Fanju começou no Bailundo, província do Huambo, o projecto de transformação dos blindados e tanques de guerra em belas obras de artes, trazendo para o mundo e para os angolanos a mensagem de uma Angola sem guerra e, transformar o que noutrora seria motivo de tristeza em verdadeiros pontos turísticos.

A ideia de pintar os tangues surgiu depois de o artista ver os tanques, sujos, feios, estragados, formando parte da paisagem. Imaginou que podiam ser um “reclame” atrativo, um ponto de interesse turístico, o país dos tanques pintados.

O projeto consiste em pintar os blindados e tanques de guerra abandonados, que estão espalhados por todo o país, mas dando começo na sede do Bailundo, zona onde a guerra golpeou muito. Pretende-se para isso reunir os esforços, os de artistas angolanos emergentes e os artistas já consolidados, e os esforços que o artista considera mais importantes, os das crianças angolanas a pintar um blindado, dando vida a esta nova etapa de Angola.

Pretende-se ainda dar a conhecer ao mundo que a etapa da guerra e dor em Angola já foi superada, que Angola está realmente a mudar, e não há nada melhor que uma imagem que vale mais que mil palavras, uma imagem que é capaz de transformar uma lembrança desse passado obscuro e sombrio em algo bonito e alegre.  É dizer ao mundo, “Sim, em Angola ouve muita guerra e destruição, mas isso já é parte do passado, hoje você pode vir ao nosso país com total tranquilidade, será bem recebido”.

“Nas minhas viagens pelo país sempre encontrei a mesma imagem, blindados ao longo da estrada, como se fosse algo normal, quando é algo totalmente anormal, que em poucos lugares do mundo acontece. Sendo uma visão desoladora, vamos pelo menos torna-la bonita e atrativa”, disse o artista Ricardo Fanju.

Colocar Angola no mapa já que, de acordo com o artista, na Europa quase ninguém sabe aonde fica Angola, sendo que a única coisa que conseguem imaginar são “minas, miséria, guerra e catanas”, não obstante as valências que Angola tem; fechar feridas, promover a arte como veículo de integração, figuram-se entre os grandes objectivos do projecto.

“No meu país, ainda se fala da guerra civil que terminou no ano 1936!!! Ainda há velhos ressentimentos entre os dois bandos antigamente enfrentados. Queremos aprender dos nossos erros, e tratar que não se repitam cá. Os que têm talento podem se expressar, dando valor ao país com as suas contribuições”, destaca Ricardo Fanju.

O projecto está em fase embrionária e já foram pintados dois tanques de guerra. O artista receia descarta o risco pelos engenhos explosivos, porquanto receia mais das abelhas que encontra nos blindados e nos sucateiros que estão a cortar os tanques aos bocados para vender como ferro velho. “Agora a sério, sempre vamos pelo lado seguro, sabemos aonde podemos entrar, são zonas de transito habitual das pessoas”.

as cargas mais recentes

Netflix lança teaser do documentário sobre Kanye West

há 9 meses
Seis meses após noticiarmos que um documentário sobre Kanye West vem sendo produzido há duas décadas, a Netflix confirmou o facto com o lançamento do teaser e divulgação do título, Jeen-Yuh.

Fundação Arte e Cultura reforça apoio à formação artística durante o confinamento

há 2 anos
Cem pessoas entre crianças e adolescentes, da Ilha de Luanda, bairro Casas Novas, sector Ponta, começaram a receber nesta semana manuais de apoio para a formação artista.

Joker: Joaquin Phoenix em negociações para protagonizar mais dois filmes

há 2 anos
Fontes próximas das negociações, citadas pelo britânico “Mirror”, dão conta que o actor está a negociar dois possíveis novos filmes envolvendo a personagem -e a confirmar-se será mesmo o contrato mais bem pago da carreira do actor.

Mais uma obra enriquece o Rock nacional

há 2 anos
Trata-se do primeiro EP dos Lunna, uma banda de Metal Alternativo que tem brilhado em festivais como Rock Lalimwe Eteke Ifa, Rock in Rio Catumbela, entre outros.

Bonga: “Sinto-me um kota realizado”

há 2 anos
O dia 28 de Junho de 2020 será lembrado como um dos dias mais importante da cultura nacional, tudo por causa de Bonga, Paulo Flores e Yuri da Cunha. A Carga traz as reacções do espectáculo.

Drake atinge feito inédito e ultrapassa Os Beatles, Michael Jackson e Madonna

há 2 anos
O rapper tornou-se o artista com mais músicas no Top da Billboard. O recorde pertencia durante anos a Madonna e Drake já havia empatado, mas esta semana atingiu 40 músicas na parada. Veja a lista completa dos artistas que mais colocaram músicas no do Top 10 dos EUA.

Uma voz de Portugal que canta Angola: Clarah Helen lança nova música

há 2 meses
Em 2014, lançou os primeiros temas “ Se Xota e Kel Dj” e, três anos depois, apresentou “Segundo plano”, uma composição de CEF Tanzy, com a qual alcançou grande protagonismo e veio a figurar, inclusive, no Top 10 do Mais Kizomba. Clarah Helen aparece agora em grande estilo com uma nova música intitulada “Meu Sonho”.

Lenço usado por Messi no adeus ao Barça será vendido ao equivalente a 632 milhões de Kwanzas

há 10 meses
O comerciante é um adepto anónimo que terá estado presente no Auditori 1899, de Camp Nou, e terá recolhido o objecto utilizado por Messi do caixote do lixo.

Sul-africano Bokkieult lança A Million Chances, um álbum que comunica com os angolanos

há 1 ano
Mais do que simples álbum, A Million Chances servirá como importante instrumento de pesquisa sobre tendências da música africana, para as futuras gerações, já que Bokkieult é considerado um dos maiores pesquisadores de música no seu país.

Snoop Dogg e DMX confrontam-se em batalha de hits

há 2 anos
Snoop Dogg e DMX vão confrontar-se na próxima quarta-feira na batalha de hits do Live Verzuz. O encontro está a ser apelidado como “A batalha dos cães” e Snoop Dogg pede que Jay-Z esteja presente para testemunhar o acto e justifica.

Lil Wayne decepciona fãs ao apoiar Donald Trump nas eleições

há 2 anos
Embora a maioria do meio artístico demonstre total repúdio por Donald Trump, o artista de New Orleans não pareceu ter se intimidado com possíveis criticas e boicotes por se posicionar ao lado dele.

Jay-Z liga para governador de Minnesota a exigir justiça

há 2 anos
Muitos rappers participaram de protestos em várias partes dos Estados Unidos da América a exigir justiça pela morte de George Floyd. Os que não puderam, contribuíram para o Freedom Funds, que fornece dinheiro sob fiança para os presos manifestantes.

MCK e Kool Klever iniciam projecto de levar o “Rap Académico” às comunidades

há 1 ano
O projecto foi lançado no início do ano passado mas, devido à situação pandémica, não foi possível prosseguir naquele ano e arranca este mês com dois espectáculos, sendo o primeiro no Cazenga e segundo no município de Viana.

Leonel Messi quer sair do Barça em 2021

há 2 anos
Nos últimos dias, instalou-se o mal-estar no balneário da equipa catalã, devido os maus resultados, sobretudo depois do reinício do campeonato. A Cadena SER avança que o avançado argentino pretende terminar o contrato e sair do Barça em 2021.

Kuduro é consumido até na NBA

há 4 meses
Mais do um que género musical e dança, o Kuduro é já um fenómeno nos países de expressão portuguesa, bem como em algumas partes do mundo. Essencialmente influenciado pelo folclórico, o Kuduro partilha raízes do Semba, Kizomba, Sungura Rap, Rumba, Soca das Caraíbas,  Techno, House Music e Afro House, aliás, foi pela via do House que chegou, na última semana, à NBA.

Andebol: Selecção júnior feminina apura-se ao Mundial

há 4 meses
A selecção nacional júnior feminina de andebol apurou-se, ontem ao Campeonato do Mundo da categoria, após vencer a sua congénere da Zâmbia, por 57-22, no segundo jogo do grupo preliminar “A” do Campeonato Africano da modalidade.