Artista Ricardo Fanju transforma blindados e tanques de guerra em belas obras de artes no Bailundo

O artista espanhol Ricardo Fanju começou no Bailundo, província do Huambo, o projecto de transformação dos blindados e tanques de guerra em belas obras de artes, trazendo para o mundo e para os angolanos a mensagem de uma Angola sem guerra e, transformar o que noutrora seria motivo de tristeza em verdadeiros pontos turísticos.

A ideia de pintar os tangues surgiu depois de o artista ver os tanques, sujos, feios, estragados, formando parte da paisagem. Imaginou que podiam ser um “reclame” atrativo, um ponto de interesse turístico, o país dos tanques pintados.

O projeto consiste em pintar os blindados e tanques de guerra abandonados, que estão espalhados por todo o país, mas dando começo na sede do Bailundo, zona onde a guerra golpeou muito. Pretende-se para isso reunir os esforços, os de artistas angolanos emergentes e os artistas já consolidados, e os esforços que o artista considera mais importantes, os das crianças angolanas a pintar um blindado, dando vida a esta nova etapa de Angola.

Pretende-se ainda dar a conhecer ao mundo que a etapa da guerra e dor em Angola já foi superada, que Angola está realmente a mudar, e não há nada melhor que uma imagem que vale mais que mil palavras, uma imagem que é capaz de transformar uma lembrança desse passado obscuro e sombrio em algo bonito e alegre.  É dizer ao mundo, “Sim, em Angola ouve muita guerra e destruição, mas isso já é parte do passado, hoje você pode vir ao nosso país com total tranquilidade, será bem recebido”.

“Nas minhas viagens pelo país sempre encontrei a mesma imagem, blindados ao longo da estrada, como se fosse algo normal, quando é algo totalmente anormal, que em poucos lugares do mundo acontece. Sendo uma visão desoladora, vamos pelo menos torna-la bonita e atrativa”, disse o artista Ricardo Fanju.

Colocar Angola no mapa já que, de acordo com o artista, na Europa quase ninguém sabe aonde fica Angola, sendo que a única coisa que conseguem imaginar são “minas, miséria, guerra e catanas”, não obstante as valências que Angola tem; fechar feridas, promover a arte como veículo de integração, figuram-se entre os grandes objectivos do projecto.

“No meu país, ainda se fala da guerra civil que terminou no ano 1936!!! Ainda há velhos ressentimentos entre os dois bandos antigamente enfrentados. Queremos aprender dos nossos erros, e tratar que não se repitam cá. Os que têm talento podem se expressar, dando valor ao país com as suas contribuições”, destaca Ricardo Fanju.

O projecto está em fase embrionária e já foram pintados dois tanques de guerra. O artista receia descarta o risco pelos engenhos explosivos, porquanto receia mais das abelhas que encontra nos blindados e nos sucateiros que estão a cortar os tanques aos bocados para vender como ferro velho. “Agora a sério, sempre vamos pelo lado seguro, sabemos aonde podemos entrar, são zonas de transito habitual das pessoas”.

as cargas mais recentes

Irmãos Mussungo apresentam conceito ‘Mussungology Tour the World”

há 4 meses
A Fundação Arte e Cultura, focada na promoção da cultura nacional, pelo incentivo a educação para as artes, e a promoção dos artistas Angolanos, vai apresentar no próximo dia 08 de Outubro, das 18h às 22h30, em parceria com Befo Music, o conceito ‘Mussungology Tour the World’, um casamento que une a inauguração da exposição individual “Lisbon in my mind” de Adão Mussungo na Galeria Tamar Golan e o Concerto Musical “Befology 77” do músico PJ Mussungo, no auditório Wyza Anfiteatro, na Fundação Arte e Cultura, Ilha de Luanda, junto à Escola 1205, paragem da Casa Lisboa.

“A Mulher do Fim do Mundo”, de Elza Soares, é eleito o melhor disco da década

há 2 anos
O site especializado em música, “Scream & Yell” também elegeu, a par de Elza, David Bowie, com “Blackstar” (2016).

Sintoniza Viva Nation Rádio: Conversation a dois

há 12 meses
O programa `Conversation a dois´ chegou à programação da plataforma de rádio online “Viva Nation Rádio” para servir de veículo de divulgação da música Palop no resto do continente.

C4 Pedro lidera o Top Best da Sadia com 5 faixas entre as 100 mais ouvidas

há 9 meses
Actualmente em destaque com a música `Right Right Right´, no Top 10, cuja a divulgação é semanal, o artista é o mais ouvido dentre o universo de 100 faixas monitoradas pela Sadia: Right Right Right, Pele Negra, Love Again, Nossas Coisas e African Beauty.

Heavy C aposta em novos talentos e anuncia dois álbuns

há 2 anos
O objectivo da aposta em novos talentos é a passagem de experiência, porque, entende, a falta de qualidade nos artistas emergentes acontece por conta da não passagem de testemunho.

Cleyton M cria versão de James Brown e Michael Jackson no Afro House

há 6 meses
Diferente dos anteriores sucessos, na nova música, Cleyton M (des)constrói sua personagem a partir do lendário James Brown e Michael Jackson num tema que versa bem os tempos actuais.

Sabia que a Direcção Nacional dos Direitos de Autor e Conexos foi sucedida pelo SENADIAC há um ano?

há 2 anos
Num dia como hoje, há exactos 12 meses, foi publicado o Decreto Presidencial n.º 184/19, que cria o Serviço Nacional dos Direitos de Autor e Conexos, abreviadamente designado por «SENADIAC», aprovado pelo Conselho de Ministros na sessão realizada a 30 de Abril de 2019.

Dimensão artistíca e cultural de Sindika Dokolo estarão em destaque amanhã

há 11 meses

Escola de música Tok’Aki promove concurso infantil `Canta Kandengue´

há 8 meses
São elegíveis, crianças dos 8 aos 13 anos de idade, para habilitar-se basta enviar um vídeo amador, o mesmo será publicado na página oficial da Tok’Aki e quanto mais votações receber, mais chances de ganhar terá.

Por onde andam os Wonderful One?

há 2 anos
O Wonderful One iniciou com cinco rapazes nos anos 1993/94, na altura residentes em Cacuaco, na província de Luanda, onde faziam espectáculos no intuito de entreter o pessoal. Começaram o projecto do grupo Kaporal, Ikuma Ful e C-Lau. Depois integraram D-Latoy e Sérgio Ozone.

Pongo Love confirmada no Festival Músicas do Mundo

há 2 anos
O evento reúne cerca de 30 músicos vindos da África, Europa e América. A cantora faz parte da lista dos primeiros 14 artistas apresentados esta sexta-feira.

UNAC quer aumentar espaços culturais no país

há 2 anos
Segundo o presidente da referida instituição de utilidade pública, José Fernandes, o aproveitamento dos espaços é a prioridade da UNAC, para ajudar a impulsionar o sector artístico, realçando que um melhor aproveitamento dos recintos culturais poderá garantir aos artistas, profissionais e amadores, mais espaços e oportunidades para apresentarem os seus trabalhos.

‘Emoção Globo’ é estar live em casa de Paulo Rocha

há 2 anos
O talento Globo Paulo Rocha é o próximo convidado ao LIVE ‘Emoção Globo’ que acontece nesta quinta-feira, dia 23, às 20 horas de Angola no perfil de Instagram do canal Globo ON.

O aniversário é de Sarissari mas o presente é para os fãs

há 2 anos
No dia em que comemorou mais um aniversário, o músico Sarissari lançou videoclipe da música `Banhada´ com a participação de Itary, artista também agenciada pela Hey Hey Heyyy Entertainment. Produzido a 50% durante o início do isolamento, o vídeo contou com o suporte técnico da Negro Pictures.

Toty Sa’med

há 2 anos
Parece ter chegado o momento de Toty Sa’med brindar os fãs com um álbum, depois de um percurso de mais de 10 anos.

Regresso do Zwela Spoken Word marcado para amanhã

há 2 anos