Artistas mostram como a arte lhes ajudou a romper os estigmas

Um grupo de artistas, ligado a diferentes áreas, vai apresentar, amanhã na Fundação Arte e Cultura, em Luanda, a exposição “Arte e Superação”,  evento acompanhado de  espectáculo de música e spoken word.

A mostra reúne às 18 horas, na galeria Tamar Golan, os artistas Eliart, Vopsi Moma, Yákala e Polas. Em seguida será animada com um espectáculo de música e spoken word na voz de Isis Hembe, Tê Pascoal e Walietcha Neto, no auditório Wyza da mesma fundação.

Eliana Patrícia Mateus “Eliart”, Alberto Jorge Moma “Vopsi Moma”, Paulo António “Polas” e Lino Campos “Yákala” são desafiados a questionar e mostrar como a arte tem ajudado a superar os abusos e preconceitos que enfrentam por causa da deficiência.

Este projecto artístico ” Arte e Superação” reúne artistas com deficiência física. Nesta primeira edição, os artistas plásticos apresentam obras inspiradas nos mais variados temas. O que se pretende é incentivar a inclusão social e dar a conhecer o poder que a arte tem sobre a mente das pessoas, mostrando a auto-estima apesar das suas condições físicas.

De acordo com o texto de apresentação “todos nós, independentemente do que somos ou possuímos, ‘Superação’ deve fazer parte, não só do nosso vocabulário quotidiano, mas, e acima de tudo, fazer parte da nossa atitude nessa existência se quisermos ‘ultrapassar’ uma certa situação desafiadora em que estivermos a passar”.

A “arte superação” é um projecto expositivo de artes visuais de artistas emergentes portadores de deficiência física, concebido com o objectivo de compartilharem ou demonstrarem como têm amenizado os desafios em que estão expostos diante da sociedade por meio da arte (artes visuais).

as cargas mais recentes

Michael B. Jordan é taxado como primeiro Super-Homem negro da história

há 1 ano
Aumentam cada vez mais os rumores sobre a possível estreia do actor no papel de Super-Homem, numa série da HBO Max, centrada no personagem Val-Zod: o segundo personagem a assumir o manto de Superman na era New 52 da DC.

Depois de várias ausências, Edmázia Mayembe aparece e toma de ‘assalto’ Top Best

há 1 ano
Disponibilizada no passado dia 8 de Fevereiro, a faixa da autoria de Edmazia Mayembe está disponível em todas as plataformas digitais e acaba de atingir o número um das televisões e rádios.

Músico Chakuisa cria rádio comunitária para ajudar a divulgar carreiras dos artistas

há 5 meses
Se estiver na Centralidade do Zango Oito Mil, sintonize a Rádio Zango 8000 no www. rádio 8000, uma sintonia criada pelo músico Chakuisa para ajudar a divulgar as canções de outros artistas. Com 75% da sua orientação editorial focada em música, a estação comunitária está a consquistar espaço no EUA, Canadá, Brasil, Bélgica e África do sul.

Nucho anuncia o álbum que lhe vai colocar no topo

há 2 anos
Nucho é um dos poucos rappers angolanos que conseguiu manter-se puro na última década. Em 2017, estreou-se com o álbum Sou[L] RAP e foi nomeado para o maior prémio da música feita em português. Depois disso, surgiram outras surpresas.

Show do Mês apresenta último grande show de Waldemar Bastos em Angola

há 2 anos
O Show do Mês leva este sábado as emoções do último grande espectáculo de Waldemar Bastos, músico falecido na passada segunda-feira e que foi ontem a enterrar no Cemitério da Galiza, em Portugal.

Chakuisa, um filho da Huíla com versatilidade para conquistar Angola

há 1 ano
Começou no Hip Hop/ Rap e tem dois trabalhos no mercado, incluindo participações de peso, só que desta vez, reestruturou sua carreira e anuncia “O Filho da Mapunda”, um Ep rico sonoridades e com uma variedade de línguas, que homenageia o bairro onde nasceu, na Huíla.

Falta de conhecimento leva a que muitos artistas não beneficiem dos rendimentos das suas obras

há 10 meses
Especialistas em gestão de direitos de autores estão preocupados com a falta de conhecimento por parte da classe artística, sobre as leis dos direitos de autores e conexos.

Linkin Park prepara o primeiro álbum sem Chester Bennington

há 2 anos
Ainda sem previsão de lançamento, o anúncio do oitavo trabalho de estúdio dos Linkin Park surge três anos depois da morte, por suicídio, de Chester Bennington aos 41 anos.

Fogo nos racistas: Bordão viralizado pela música de Djonga potencia merchandising do artista

há 1 ano
Repercutida inicialmente com alguma polêmica, a expressão se tornou símbolo da luta contra o racismo no Brasil, e recentemente, o elemento mais pujante da identidade visual do merchandising do artista.

Revista Carga traz pesos pesados para o Reportório

há 2 anos
Os dj´s Malvado e Dias Rodrigues, que sexta-feira, a partir das 19 horas, vão exibir os seus maiores sucessos musicais, no chamado “desfile de hits”.

Contra toda expectativa, Verstappen sagra-se campeão mundial da Fórmula 1

há 8 meses
Max Verstappen da Red Bull venceu, na tarde de hoje, o campeonato de Fórmula 1, “retirando” o oitavo recorde das mãos de Lewis Hamilton. O Neerlandês venceu graças a uma ultrapassagem na última volta do Grande Prémio de Abu Dhabi, após 22 corridas, tendo 395,5 pontos contra 387,5 de Hamilton. 

`Da lama para o topo´, Júnior Boyca está sempre a subir

há 2 anos
É um dos elementos d’Os Boyca e acaba de lançar o seu primeiro trabalho a solo, “Da Lama Para O Topo”, um single que vai dar nome ao seu próximo álbum, onde Júnior se apresenta e faz uma descrição daquele que é, ou pretende que seja, o seu percurso.

Música autobiográfica revela dissabores da trajectória de Halison Paixão

há 2 anos
Superação é o título da mais recente faixa musical de Halison Paixão, trata-se de testemunho cantado, que visa reforçar a esperança de todos que têm poucas possibilidades mas almejam alcançar algum sonho.

Duas semanas post mortem, Marília Mendonça é destaque na ForbesLife Fashion

há 9 meses
Pela primeira vez na história, a publicação brasileira traz o conceito sertanejo na capa e a “patroa da sofrência” é o grande destaque, ao lado de Maiara e Maraisa.

A Kizomba e a sua historiografia

há 2 anos
Enquanto dança, a Kizomba tem origem exactamente nessas farras denominadas “Kizombada”, com dançarinos de renome como Mateus Pele do Zangado, João Cometa e Joana Perna Mbuko ou Jack Rumba, que eram os mais conhecidos e ‘’escreviam’’ no chão as passadas notórias dos seus estilos de exibição ao ritmo do semba.

George Floyd era rapper e membro do mesmo grupo de DJ Screw nos anos 90

há 2 anos
À medida que mais informações começam a surgir sobre a morte de George Floyd, um homem negro que recentemente se mudou para Minneapolis e foi morto sufocado por um policial, tornou-se público que Floyd era na verdade um membro do lendário grupo de rap de DJ Screw, Screwed Up Click.