Carla Moreno: “Chegou o momento de tentar voos mais altos e apostar mais em mim”

Não basta ser uma exímia intérprete, Carla Moreno é a back vocal de muitos sucessos musicais nacionais, e prova que a música está de boa saúde sempre que sobe ao palco, fazendo juz ao talento. Com uma vasta carreira musical dividida entre Portugal e Angola, Carla quer reforçar o seu posicionamento associando-se à produtora Hey Hey Heyyy Entertainment, cujo CEO é o também músico, Sarissari. E para abrir com chave de ouro, vai disponibilizar no próximo dia 22 de Maio, a música “Cadê o Amor”. Numa conversa breve e descontraída, a artista falou-nos sobre esta nova etapa e fez um balanço positivo das suas décadas de carreira.

Acaba de se associar a produtora Hey Hey Heyyy. O que podemos esperar desta parceria?
Espero que corra bem, que seja o início de uma longa e próspera relação profissional e acima de tudo que eu consiga sempre provar-lhes que a sua aposta em mim foi uma escolha acertada.

É a primeira vez que se associa a alguma produtora em Angola?
Sim, é a primeira vez que me associo a uma produtora Angola.

Estamos acostumados a ver a Carla como Back vocal de outros cantores, podemos encarar esta parceria como um reafirmar da sua carreira?
Ainda tenho alguns compromissos enquanto back vocal. Porém, apesar de ser algo que amo fazer – porque tudo o que seja cantar é a minha paixão – chegou o momento de tentar voos mais altos e apostar em mim e na minha individualidade. Faz parte do processo de evolução e de crescimento de qualquer artista.

De regresso ao seu passado, conta com 20 anos de carreira “divididos” entre Angola e Portugal. Qual é o balanço que faz destas duas décadas a dar boa música?
Sou uma privilegiada por poder fazer e viver daquilo que amo. Sempre fui feliz nesse quesito e, apesar de saber que em qualquer arte é preciso sempre uma pitada de sorte, sei também o quanto me dedico e do meu valor enquanto cantora. Daí ter tido sempre bastante trabalho e ter sido sempre requisitada, felizmente.

Foi vencedora do Festival da Canção da Rádio LAC em 2018, com a interpretação do tema “E se fora eu” de Dino Ferraz. O que este reconhecimento significou para si?
Foi o momento profissional mais marcante para mim desde que estou em Angola. Fui escolhida por um compositor e músico que admiro bastante e o resultado foi o que todos ambicionavam. É uma grande responsabilidade ter de interpretar e defender uma composição. Mas ganhar é uma responsabilidade ainda maior, pois temos de constantemente provar que merecemos essa vitória.

A música “Cadê o Amor”, foi a eleita para dar início a nova etapa… Qual é a história desta música?
Essa música também é da autoria do compositor e músico Dino Ferraz. Depois do festival, enquanto ouvia alguns trabalhos que ele fez para vários outros artistas, ouvi esse tema e fiquei apaixonada. Não tive sequer de pensar muito. Às vezes não somos nós que escolhemos as músicas, mas sim elas que nos escolhem a nós.

as cargas mais recentes

Restos mortais de Pzee Boy vão hoje a enterrar

há 1 ano
Os restos mortais de Pzee Boy descem hoje ao campo santo enterrar por volta das 10h no Cemitério do Benfica, em Luanda. A cerimónia de condolências à família está reservada para as 12h no Club Emirais.

Segundo P. Diddy o R&B perdeu a sua essência e morreu

há 1 mês

Bengo terá Prémio Provincial de Teatro

há 6 meses
A província do Bengo passará a contar com um prémio de teatro, atribuído aos grupos que conseguirem vencer a final depois de passarem pela competição municipal.

Anitta terá música e camisola personalizada nos jogos da PlayStation

há 2 anos
A cantora será a representante brasileira na lista de músicas da FIFA 21 nos jogos de consolas. O anúncio foi feito ontem pela EA Sports. Para além de música, Anitta terá também uniforme personalizado no FIFA Ultimate Team.

Tributo a Chadwick Boseman chega a Netflix dia 17 e estará disponível por apenas 30 dias

há 1 ano
A Netflix surpreendeu os internautas, ao divulgar sem aviso prévio, o trailer do documentário `Chadwick Boseman- Retrato de um artista´.

Dr. Dre fala sobre a sua saúde: “Vou ter uma vida longa”

há 1 ano
A notícia sobre o seu estado de saúde, no princípio deste ano, mexeu com toda a classe artística. Passados cinco meses, Dre decidiu falar e dar mais detalhes sobre o assunto.

50 Cent está a produzir filme sobre Rainha N’zinga

há 10 meses
Curtis Jackson, mais conhecido por 50 Cent, anunciou, ontem, que está a produzir um drama sobre a rainha N’zinga, em parceria com a rede de televisão por satelite Starz, propriedade da Lionsgate.

Produtor Detergente impulsiona projecto de música infantil `Turma da Adriela´

há 1 ano
Já com o single ‘O Sol Tem Esse Poder’ disponível no YouTube, a Turma da Adriela vem indirectamente, dar resposta ao repto lançado no painel do último Show Piô, sobre a necessidade de incentivar vozes mirins a fazer conteúdos para a sua idade.

Making Of : “É No Pé”-Elástico Nandako ft Power Boyz

há 2 anos
Após ter disponibilizado o seu primeiro single colaborativo no passado mês de Maio, a Carga traz o Making Of do referido vídeo clipe intitulado “É No Pé”, gravado este sábado.

Angola marca presença no fórum internacional de Direitos de Autores e Conexos

há 3 dias
O evento internacional reúne alguns países de economias em transição e os de economia desenvolvida, dos quatro quadrantes do mundo.

Família real autoriza sessões de cinema públicas em casa

há 2 anos
A monarca permitiu que se realizassem sessões de cinema ‘drive-in’ no jardim da casa de campo da família, em Norflok, no Reino Unido.

Idris Elba anuncia lançamento de livros infantis inspirados na sua filha

há 2 anos
O actor britânico assinou um contrato global com a HarperCollins para publicar vários livros infantis, ainda sem título e data especifica, fez saber que serão lançados em 2022.

Familiares de Pablo Escobar processam rapper 2 Chainz

há 2 anos
Os familiares de Pablo Escobar abriram um processo crime contra os restaurantes do rapper 2 Chainz localizados em Atlanta. A batalha judicial obriga o músico à indemnização de 10 milhões de dólares e proíbe-o de usar o nome do ex-barão da droga.

Madrugada: Né Gonçalves disponibiliza amanhã o segundo single instrumental

há 1 ano
Madrugada é o segundo “aperitivo” antes do álbum, caracterizado como um Smooth Jazz ou mesmo Jazz Contemporâneo, combinado com o ritmo afro-cubano onde o piano e o baixo acústico também marcam presença.

Agora é no Reino Unido: Wizkid volta a fazer história com “Made in Lagos”

há 9 meses
Lançado em meio ao caos, devido à situação pandémica, ‘Made In Lagos’ continua a merecer reconhecimentos pelo mundo. No no passado, recebeu prémio Platina pela RAA, além de colocar o artista nigeriano no top da Billbord, e agora abre 2022 com um certificado Prata no Reino Unido.

Nova Energia distingue “Doutores” da música

há 2 anos
Os músicos Joãozinho Morgado (Percussão), Boto Trindade (Guitarra) e Teddy Nsingui (Guitarra) foram homenageados sábado, no encerramento da sétima temporada do Show do Mês.