Cee Lo Green é acusado de misoginia após criticar hipersexualização de Cardi B, Megan The Stallion e Nicki Minaj

Cee Lo Green, teceu alguns comentários após o lançamento do videoclipe “WAP”, o integrante dos Gnarls Barkley quis, na verdade, deixar a sua opinião sobre o estado do Rap, no que toca especificamente às mulheres. Para o também rapper, que falava em entrevista à Far Out Magazine, deveria haver um “tempo e um lugar” para o “conteúdo adulto” na música, lembrando que “muita música hoje é lamentável e decepcionante em nível pessoal e moral”.

O repúdio ao actual cenário musical, não partiu apenas do artista e foi quase que surpreendente o número de homens que se insurgiu ao novo trabalho colaborativo entre Cardi e Megan, de acordo com a imprensa internacional, “tanto famosos quanto comuns”.

No ponto de vista de Cee Lo, embora Cardi e Megan estejam falando especificamente sobre fazer sexo com homens, não há um único homem no vídeo. Portanto, torna-se uma música sobre uma mulher não apenas aproveitando o poder de seu próprio corpo, mas se gabando disso. E admitiu que, uma mulher que se liberta costuma assustar os homens, por um motivo ou outro.

“Talvez, esse tipo de empoderamento seja assustador para os homens que procuram tirar a autonomia da mulher durante os encontros sexuais”, disse. “Houve uma época em que éramos experientes o suficiente para codificar certas coisas. Poderíamos expressar a quem se destinava com o estilo de linguagem que usamos. Mas agora a música é desavergonhada, é pura selvageria.”

Quanto a Nicki Minaj, Cee Lo disse acreditar que ela merece o seu lugar no topo entre as rappers, mas que, às vezes, o seu conteúdo parece “desesperador”. Sugerindo que a rapper poderia ser eficaz de muitas outras maneiras mais construtivas.

Os comentários de Cee Lo foram recebidos com reacção negativas nas redes sociais, com muitos o acusando de misoginia. Enquanto que a própria Megan debochou do artista.

as cargas mais recentes

Britney Spears pede fim da curatela “abusiva” do pai

há 4 meses
Tudo começou em 2007 quando Britney sofreu um colapso público, tendo sido posta sob curatela legal, na qual os seus activos financeiros e bens passaram a ser controlados pelo seu curatelado, no caso, o pai James Spears, juntamente com um advogado.

Burna Boy: “Não importa onde estejas, nem o que pensas fazer, se acreditares em ti alcançarás tudo o que quiseres”

há 7 meses
Ao reagir à vitória, Burna Boy emocionou com um improvisado discurso em Inglês e Iorubá.

NGA junta-se a Dino D’Santiago na luta contra o racismo

há 8 meses
O músico Dino D’Santiago protagoniza no dia 6 de Março um espectáculo musical. O concerto marca as celebrações dos trinta e um anos de existência do jornal O Público.

TOP 10 – LOVE SONGS

há 10 meses

ORLEI: Há 10 anos a provar que o Rock em Angola já não morrerá

há 1 ano
Devido sua magnitude, O Rock Lalimwe Eteke Ifa ” O Rock Nunca Mais Morrerá ” confunde-se com as celebrações da fundação da cidade do Huambo. Este ano, o evento assinala o 10° aniversário e a organização reinventou-se e trouxe 10 dias de espectáculos intensos com as principais bandas de Rock nacional.

Mayra Andrade é voz da trilha sonora de filme co-produzido por Jay-Z

há 2 semanas
A cantora cabo-verdiana deu voz à trilha sonora de ‘The Harder They Fall’, um filme co-produzido por Jay-Z, e que estará disponível a partir de 3 de Novembro na Netflix.

`Ar Condicionado´ chega às telas angolanas

há 1 ano
O filme angolano `Ar Condicionado´ foi seleccionado para o `We Are One: A Global Film Festival´, festival de cinema online gratuito em todo mundo através do youtube, de 29 de Maio a 7 de Junho.

Impulsionadores do Bambarákatcha já contam 10 anos de estrada

há 1 ano
Staff Paulo é um grupo de músicos e bailarinos angolanos criado em 2010, e constituído por quatro elementos, artisticamente conhecidos por: Paulo Karbura, Paulo Gibele, Paulo Guedes e o Paulo Bruno. Inicialmente como um grupo só de dança de estilo afro beat (House).

Cage One: “Sempre fui mal compreendido por ser diferente, agora estou a mostrar que estava certo”

há 1 ano

Koffi Olomide assina com produtora dirigida por angolano e anuncia novo álbum

há 2 meses
O “Rei do Soukus” prepara-se para colocar “Légende” (lenda), no mercado. O álbum sai num momento em que acabou por assinar com a Goldmann, produtora gerida pelo angolano Mário Kiesse da Costa.

Sebem: homenageado ao nível do seu palmarés

há 1 ano
A TV Zimbo transmitiu o show de homenagem ao Sebem. Foi um momento memorável para nossa cultura, sendo este género musical uma das referências da cultura angolana.

Sabia que a filha de George Floyd é a mais nova accionista da Disney?

há 1 ano
Desde acções da Disney a bolsas escolares, várias iniciativas foram tomadas para que Gianna, tenha opções no futuro. Com apenas 6 anos de idade, a órfã tem mostrado que já entendeu o impacto significativo que seu falecido pai deixou para trás, “o meu pai mudou o mundo”.

Segunda parte dos “recuerdos” do Sons do Atlântico já tem data

há 10 meses
No dia 19 de Dezembro as 22:00, o ZAP Viva exibe a segunda parte do sétimo festival “Sons do Atlântico” que aconteceu a 4 de Maio de 2019, na Baía de Luanda.

Preto Show fala da estreia do seu programa no Afro Music Channel

há 1 ano
Em breve entrevista à Carga esta tarde, o autor de “Internacional Banger” informou que o seu programa é um talk show que vai ao ar no próximo sábado, a partir das 14 horas, e será exibido duas vezes por semana e destina-se a ajudar as famílias mais carenciadas.

A Beautiful Revolution 2: Novo álbum de Common chega já esta sexta-feira

há 2 meses
O rapper anunciou que dará continuidade ao `A Beautiful Revolution´ originalmente lançado em 2020, e a parte dois será lançada já esta sexta, dia 10 de Setembro.

Burna Boy apresenta detalhes do seu novo álbum produzido por P. Diddy

há 1 ano
Intitulado “Twice As Tall”, o novo álbum do músico nigeriano teve a produção executiva de Puff Diddy, Bosede Ogulu e o próprio Burna Boy.