Conheça Márcia Itchêlika, a nova promessa do Guetho Zouk

Começou no Kuduro e hoje constrói uma carreira sólida no Guetho Zouk. Já lançou quatro músicas e está neste momento a gravar um vídeoclipe, enquanto projecta o primeiro EP. ‘Dona de uma voz forte’, Márcia Itchêlika vem de uma família de sembistas, mas se assume como a esperança feminina do Zouk em Angola e elegeu o mercado internacional para começar suas conquistas.

Por que decidiu cantar?

O que me leva a cantar é a minha paixão e amor pela música, porque sempre sonhei em ser uma artista profissional.

Como é que começa a sua carreira?

Eu canto desde muito pequena. A minha carreira começou em 2008 a 2009 como kudurista do grupo os Bilhas, mas apenas há 2 anos comecei a seguir a carreira profissional no Guetho Zouk.

O que aconteceu para mudar de estilo?

Foi repentino. Fui convidada para integrar um grupo que fazia Tarraxinha e com eles gravei uma música e continuo no Guetho Zouk até agora. Quero atingir o patamar mais alto da música com o Guetho Zouk.

A quantos passos está de lá?

Estou já a pensar em produzir um EP com diversos estilos. Neste momento, estou a analisar o título do mesmo, mas ainda não tenho uma data certa para o lançamento, tudo vai depender do meu trabalho.

Quantas músicas possui?

No total são quatro. Mas tenho contado apenas duas, a ‘Na Lua’ e ‘Nosso Casamento’, que estão no You Tube e em outras plataformas digitais. Estou também a produzir o vídeoclipe de “Nosso Casamento”.

Que participações traz neste EP?

Irei contar com a participação do Jandir Three, Nelly Da Bulls e outros músicos que ainda não posso revelar.

Com que músicos gostaria de partilhar a mesma canção?

Gostaria de estar no mesmo palco e a cantar a mesma música com o mais velho Pedrito, Yola Semedo, C4 Pedro, Baló Januário, Dodó Miranda e Totó.

No mesmo ano em que se preparava para estoirar, de repente, aparece a pandemia. Como tem lidado com esta situação?

Na verdade, há mal que vem para bem, não está a ser fácil para mim e, de certeza, para todos nós. A sensação não é boa, porque estamos muitos limitados. Mas graças a Deus estamos a trabalhar muito.

Que planos traçou para se impor no mercado? 

Na verdade, os planos são segredos. A minha intenção é surpreender os ouvintes.

 Que ouvintes são esses?

O meu público. Não posso afirmar dizendo que é um, quando, na verdade, sinto o carinho e o apoio do pessoal de cabinda ao Cunene, da diáspora nas mais vaiadas idades.

Que valores traz para a música angolana?

As minhas sonoridades irão acrescentar bons valores à música angolana, porque já tenho alguns fãs que olham para mim como um espelho.

Para que mercados centrou a sua carreira?

A minha carreira esta focada para o mercado internacional.

Não é paradoxal, uma vez que vive e é angolana? Como pretende fazer isso?

Tenho talento e capacidade para transmitir boa música.

Que palcos já pisou?

Já pisei vários palcos, mas uma das melhores recordações que tenho foi quando participei no concurso Estrelas de Angola na Banda TV.

Qual é o seu maior sonho?

Ser conhecida internacionalmente.

É a única da sua família que canta?

Não. A Márcia do Carmo André Da Silva tem o tio Mig, Don Caetano e os Irmãos Kaffala.

as cargas mais recentes

Phay Grand O Poeta pondera parar de cantar

há 1 mês
O rapper dificilmente cede entrevistas, e nem sequer tem páginas no Facebook ou YouTube, mas aceitou o desafio do Show Time, para falar sobre os seus hits, considerados hinos do Rap nacional e do que depende o futuro da sua carreira.

Gilmário Vemba fala do seu futuro no cinema

há 7 meses

Euclides da Lomba: “Foi uma falha não atribuírmos nenhum prémio a Carlos Burity”

há 3 meses
A Direcção Nacional da Cultura diz sentir-se culpada e admite ter falhado pelo facto de não atribuir nenhum prémio a Carlos Burity e aventa a possibilidade de atribuição a título póstumo.

Conheça a história da dança teatral de protesto, o ballet contemporâneo

há 7 meses
É um tipo de dança que não se limita a um conjunto de técnicas específicas, (Ballet; Hip-Hop; Jazz e outras…) abrangendo assim uma variedade de géneros, ritmos, formas e performances.

Desfile de hits “acorda” o hip hop em plena quarentena

há 6 meses
A nação hip hop “parou” para testemunhar a exibição dos hits de Raiva e DH, numa noite com todas as condições para ficar na história deste género musical.

Cloe Management é a mais nova representante da Content Connect Africa em Angola

há 7 meses
A empresa angolana de agenciamento e gestão internacional de carreira artística, comunicou recentemente a sua mais nova parceria com a empresa sul africana Content Connect Africa-CCA.

Mauro Pastrana trabalha “Alone”

há 4 meses
“Alone” é o novo projecto do músico Mauro Pastrana, que contará com cinco faixas musicais.

Show do Mês faz maravilha

há 5 meses
Foi o quinto Show do Mês online e o primeiro com transmissão no canal 2 da TPA. Num período de Estado de Calamidade, com muitas limitações impostas por conta do Covid-19, a Nova Energia faz sentir o seu lado camaleónico, adaptando-se as circunstâncias e reinventando-se como ninguém.

Jovens do Prenda festejam 52º aniversário no Show do Mês

há 2 semanas
Os Jovens do Prenda festejam sábado o seu 52º aniversário de existência no Show do Mês Live, num concerto aguardado com muitas expectactivas pelos fãs do conjunto.

Rapper Kadaff apresenta loja virtual

há 6 meses
Com o objectivo de criar uma estrutura sólida, particularmente na carreira a solo, o músico decidiu criar uma loja online para satisfazer as necessidades dos fãs.

Por onde anda o Queima Bilha?

há 5 meses
A concorrência com Sebem obrigou os dois Kuduristas a esmerarem-se, trazendo sucessos atrás de sucessos. No entanto, Queima Bilha ficou pelo caminho, “desaparecendo do mapa” musical sem deixar rastos.

Jackson Five lidera ranking entre as Boy Bands

há 3 meses
O site da edição americana da revista Rolling Stone publicou uma lista com as 75 melhores canções já gravadas por “Boy Bands”, trazendo faixas que vão desde “Why do Fools Fall In Love“ de Frankie Lymon & The Teenagers de 1956 (no 23° lugar).

Together At Home, house concert do Global Citizen transmitido em live streaming

há 6 meses
Organizado em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a curadoria foi feita em colaboração com a cantora Lady Gaga, arrecadou 127,9 milhões de dólares durante o evento.

Dybala testa positivo pela quarta vez

há 6 meses

Morreu Serginho Trombone

há 7 meses
O artista era tido como um dos instrumentistas mais importantes da Música Popular Brasileira.

Paulo Flores em concerto no dia da Paz

há 7 meses
Quatro de Abril é o dia em que os angolanos festejam a Paz, mas o quatro de Abril de 2020 será diferente dos anteriores, tudo porque o mundo debate-se com a Pandemia do Covid-19.