Conheça Triple Star C, o músico nigeriano que decidiu fazer carreira em Angola

O seu sucesso começou na Nigéria, pisando palcos com artistas como Davido, para além de actuar em festivais na África do Sul, Gana e RDC. Mas é em Angola que Triple Star C quer fazer a carreira e, aos poucos, vai ganhando título de promotor e representante do Afro Naija em Angola.

A aventura sempre esteve nos seus planos e pelo que tem conseguido parece que está a resultar, antes de optar por construir a carreira, já esteve no nosso país por duas vezes para estudar o mercado. Tal como os outros, Triple Star C tem conquistado seu espaço mercado angolano, actuando com nomes como MC Cabinda, e não pára de lançar novidades. O artista de 27 anos traz um naija cantado na sua língua nacional Igbo e Yoruba e também Inglês e assume-se como o representante do Afro Naija em Angola.

Como é que começa seu envolvimento com a música?
Comecei a carreira em 2011 na Nigéria, quando lancei o meu primeiro single “Balance Question”. Depois dei uma pausa. Em 2012 vim a Angola e em 2015 votei à Nigéria. Dois anos mais tarde voltei a Angola e comecei a cantar de novo.

Teve que interromper a carreira por algum tempo. Por que motivo?
Tive que parar de cantar por causa da escola e de algumas  dificuldades da língua, entre outros.

O que veio a Angola fazer?
Primeiro vim visitar o meu irmão que vive cá já há um bom tempo. Mas agora estou cá mesmo para a música.

Que estilo de música canta e quantas canções já cá gravou?
Faço vários estilos de matriz africana, com destaque para o Afro Naija, que é o que mais me identifica. São mais de 20 músicas gravadas em Angola.

O que fez com que decidisse seguir a carreira a partir de Angola realmente?
Amei mesmo Angola e vi também que eu tenho muito para dar aos angolanos. Trago uma vibe nova e diferente, quero apostar no negócio da música.

Pelo número de música que possui não pensa em gravar um EP com participações?
EP ainda não. Quero trabalhar mais. Tenho umas participações. Know You ft Khally 2manos, Minha Diva ft Kletuz e Gabeladas, Baby Bia ft Tino HD, Uami Ndongadas etc.

Como foi e com que músicos estabeleceu os primeiros contactos cá?
Nos primeiros anos foi muito difícil, mas depois começou a se tornar muito interessante. Tive algumas barreiras, mas graças a Deus são as situações que me meteram onde estou.

E onde é que está agora?
Não muito longe, mas já participei em muitos shows, começando lá na Nigéria, fui ao Ghana, Congo, África do Sul. Actuei com mesmo palco que Davido, Mc Cabinda e tantos outros artistas.

Qual é o seu maior sonho como músico?
O meu maior sonho é ser legendário na música, um lenda que pode ajudar muitos novos talentos. Quero ser o representante do Naija em Angola.

Vê-se que ainda não domina bem o Português, além do Inglês, em que outras línguas canta? 
Neste momento não faço músicas completas em Português, mas em Inglês e na minha língua Igbo e também Yoruba, por isso é que insisto em ter muitas participações nas músicas.

Isso de vir cá fazer Naija é apenas estratégico ou continuará a expandir este estilo em Angola?
Por ser nigeriano, às vezes muito gente cofunde minhas músicas com outros artistas que estão  lá na Nigéria, a minha maior preocupação agora  é vincar a minha marca. A ideia é conquistar o mercado como nigeriano depois e pode começar a fazer músicas em Português e Inglês. A minha música é para todo o mercado africano e mundial

Com quem é que trabalha e com que artistas angolanos sonha gravar algum projecto?
Trabalho de forma independente, não estou em nenhuma produtora. Gostaria de gravar projectos com artistas como Anselmo Ralph e Matias Damásio.

O que tem agendado para as próximas semanas?
Ainda esta samana, tenho a gravação da nova música que já está em estúdio e um vídeoclipe para se fazer.

Está cá há três anos consecutivos, mas as suas redes sociais ainda não há muitos fãs angolanos…
Sim, estamos a conquistar. não está fácil para a nossa parte, mas estamos a conseguir. Estou a completar dois anos no mercados angolano e estou a ver feedback.

as cargas mais recentes

Filme angolano estreia sexta-feira na Netflix

há 2 meses
O filme angolano “Santana” estreia esta sexta-feira (28) no canal de streaming “Netflix”, tornando-se na primeira longa angolana e segunda dos Palops, a ser exibida nesta plataforma.

Euclides da Lomba: “Foi uma falha não atribuírmos nenhum prémio a Carlos Burity”

há 3 meses
A Direcção Nacional da Cultura diz sentir-se culpada e admite ter falhado pelo facto de não atribuir nenhum prémio a Carlos Burity e aventa a possibilidade de atribuição a título póstumo.

Kanye West promove imagem da Rainha N’zinga

há 1 mês
O músico e empresário usou ontem a sua conta do Twitter e publicou um conjunto de imagens de figuras históricas, entre os quais reformadores das religiões, santos católicos e filósofos.

Power House divulga primeiro álbum com novos agenciados

há 8 meses
Dos agenciados estão Cleyton M, Jakilsa, Laika, Dr. Smith, Chris Oliver, Anny, conhecidos pelas suas habilidades artísticas.

Erick Shine liberta “O Mais Bruto do Game Vol.3 – O Deus da Guerra”

há 3 meses
Há muito que Erick Shine não “era tido e nem achado” nas lides do hip hop nacional, mas recentemente o rapper prometeu disponibilizar um trabalho para a manutenção daquilo que é o seu legado, e assim o fez.

Will Smith no papel de escravo fugitivo

há 5 meses
O renomado actor, será o protagonista de ‘ Emancipation’, um filme de época, baseado na história real de Peter, -um escravo fugitivo que incentivou o Exército da União a combater os racistas no sul dos Estados Unidos-. O director do filme Antoine Fuqua, acredita que Smith foi a escolha perfeita, pois gosta de aprofundar o assunto, tanto que se propôs a produzir com os seus parceiros do Westbrook Studios James Lassiter e Jon Mone.

Kanye West oferece um Sherp Pro como prenda de aniversário a 2 Chainz

há 2 meses
Parece já não haver motivos para duvidar da fortuna de West, só em três meses, o rapper gastou o equivalente a três triliões de Kwanzas para a campanha eleitoral e, para fechar, ofereceu como presente de aniversário um Sherp Pro ATV ao seu amigo 2 Chainz.

Anitta é desafiada a fazer live com músicas gospel

há 6 meses
Diferente de outros espectáculos, a artista brasileira não vai interpretar as suas próprias músicas e será desafiada a protagonizar uma performance com músicas gospel em voz e violão. O live visa arrecadar fundos para apoiar os desempregados e as famílias mais necessitadas.

Mais de 5 mil pessoas assistem diariamente o filme de produção nacional ‘Ar Condicionado’

há 5 meses
O filme começou a conquistar audiência muito cedo. Logo no primeiro dia de estreia foi seleccionado para concorrer às categorias “Audience Award” e “Fipresci Award” no Festival Internacional de Cinema de Roterdão, Holanda. A longa-metragem angolana soma e segue no festival We Are One: A Global Film, no YouTube, com um registo de 26 mil e 225 visualizações em menos de cinco dias.

Escritores angolanos assinam carta de protesto contra o racismo

há 5 meses
Os escritores angolanos Pepetela, José Eduardo Agualusa, José Luís Mendonça, Ondjaki, Adriano Mixingue e Abreu Paxe subscreveram uma nota de protesto contra as acções racistas registadas em várias partes do mundo, em particular nos Estados Unidos da América.

Phay Grand O Poeta pondera parar de cantar

há 1 mês
O rapper dificilmente cede entrevistas, e nem sequer tem páginas no Facebook ou YouTube, mas aceitou o desafio do Show Time, para falar sobre os seus hits, considerados hinos do Rap nacional e do que depende o futuro da sua carreira.

Scró Que Cuia encontra semelhanças do “Parte Cama” no novo videoclipe de Beyonce

há 3 meses
O cantor Scró Que Cuia disse, este sábado, ter encontrado semelhanças da coreografia da música “Parte Cama” (2017) no novo videoclipe “Already” da Beyonce, publicado na passada sexta-feira, 31 de Julho.

Paul McCartney lança disco com canções tocadas pelos Beatles

há 6 dias
O futuro lançamento se junta a dois outros álbuns, McCartney e McCartney II, criados unicamente pelo músico de 78 anos em momentos críticos de sua vida, nos anos 1970 e 1980, em que buscava um renascimento criativo.

Mais uma obra enriquece o Rock nacional

há 7 meses
Trata-se do primeiro EP dos Lunna, uma banda de Metal Alternativo que tem brilhado em festivais como Rock Lalimwe Eteke Ifa, Rock in Rio Catumbela, entre outros.

Joker: Joaquin Phoenix em negociações para protagonizar mais dois filmes

há 1 mês
Fontes próximas das negociações, citadas pelo britânico “Mirror”, dão conta que o actor está a negociar dois possíveis novos filmes envolvendo a personagem -e a confirmar-se será mesmo o contrato mais bem pago da carreira do actor.

Rappin Hood é nomeado King Zulu Nation Brazilian

há 8 meses
O rapper brasileiro recebeu a nomeação oficial, pelo fundador de estilo musical, DJ Afrika Bambaataa.