Do piano aos instrumentos de sopro: Adimaldo, o autodidacta que Tok’Aki

Adimaldo é professor autodidacta e criou Tok’ Aki, uma escola de música que administra aulas de piano, guitarra, canto, flauta, bateria, violino, kissanje, saxofone, dikanza só para citar alguns.

Seu envolvimento com a música começou na infância. Mais tarde, aperfeçoou e hoje suas habilidades vão da guitarra, passando pelo piano até aos instrumentos de sopro.

Como a união faz a força, o maestro de 22 anos uniu-se a mais vinte profissionais e esão a tranformar a Tok’ Aki numa grande escola de música.

O projecto que começou há um ano com lições de casa em casa e online já formou cerca de 60 alunos.

O professor deixa algumas dicas para os amantes da boa música.

Do piano aos instrumentos de sopro: Adimaldo, o autodidacta que Tok’Aki

De economista para professor de música parece ser muito distante. Como é que tudo começa?

Interessante questão. Na verdade, sempre fui apaixonado por música, inclusive também sou pianista, tenho noções de guitarra e flauta. Aproveitei do estudo em Economia e Gestão para saber como empreender melhor e concomitantemente fazê-lo na área da música.

Como e onde foi que aprendeu música?
Autodidactismo. Na igreja tinha um piano, que não estava a ser usado, eu passava horas e horas praticando e, mais tarde, um casal missionário ofertou-me um teclado , continuei a praticar e aprimorar. Depois, recebi algumas reciclagens de quem sabia melhor do que eu, e até hoje venho aprendendo.

Para um empreendedor, investir em escola de música parece ser muito arriscado, uma vez que a maioria dos artistas torna-se cantor em função do talento, e não propriamente por passar numa escola. O que lhe motivou a apostar na música?

Vi uma grande oportunidade porque as pessoas são mais produtivas quando trabalham com aquilo que amam e gostam.

Em Angola, os instrumentistas são pouco valorizados. Realçar aqui que olhando nessa perspectiva, comecei eu mesmo ensinando música ao domicílio, depois o número foi crescendo e hoje temos um team de 20 professores, cantores e intérpretes, tanto do sexo masculino como do sexo feminino. Alguns deles vieram dos bairros e hoje auferem mais do que um salário mínimo e conseguem suster eles e as famílias com o dinheiro do seu talento ou arte, que é a música neste caso.

Começou no piano. Como foi possivel evoluir para outros instrumentos músicais?

Do piano aos instrumentos de sopro: Adimaldo, o autodidacta que Tok’Aki

O segredo é a prática. Quando se aprende um instrumento, abrem-se portas para facilmente aprender outros. A música é universal, um dó no piano, continua sendo dó em outros instrumentos.

Quantos e que instrumentos pode tocar?

Eu toco piano, leio música (partituras) e faço arranjos. Guitarra toco alguns acordes e flauta sei as notas naturais.

É realmente emocionante. Quando olha para o nível que atingu e pensa em como tudo começou, o que lhe vem à alma?

Sentimento de gratidão, porque o dever ainda não foi cumprido e nem tão pouco chegámos onde tenciono. Sinto muita alegria e isso me impulsiona a acreditar que é possível, independentemente de qualquer situação. Então, vamos continuar a trabalhar arduamente.

Quem mais procura pelos seus serviços? Os músicos o solicitam?

Do piano aos instrumentos de sopro: Adimaldo, o autodidacta que Tok’Aki

Tivemos o privilégio de administrar aulas de canto ao Silvanio Ramos “Nlaukiddy” proveniente do Zaire e que tem músicas com Paulelson, Lil Saint, Nanuto.

Em termos de aprendizagem em que áreas os alunos mais se destacam?

Isso é muito relativo, porque depende muito da prática. Posso dizer que na sua maioria têm mais facilidade com as aulas de guitarra, mas, no seu todo, são bem dedicados.

Tecnicamente como é dar aulas de música em Angola?

Fim ao cabo acaba sendo proveitoso dar aulas aqui em Angola e ver o avanço que temos tido até aqui.

É das pessoas mais indicadas para falar sobre a qualidade de música que consumimos.

Temos poucos artistas investindo em licenciaturas em música, presumo que a busca de mais conhecimento poderia fortalecer o ecossistema no mundo da música

Qual é o seu maior sonho?

Do piano aos instrumentos de sopro: Adimaldo, o autodidacta que Tok’Aki

Gerar riqueza para mim e distribuir para a comunidade que estou inserido, por meio de novos postos de empregos, mudança de vida e impactar pessoas.

Aproveito para dizer que estou aberto a parcerias, sejam eles músicos ou empreendedores nessa área.

as cargas mais recentes

APPEC anuncia show solidário a favor dos artistas e homenageia Filipe Mukenga

há 3 anos
A recém-criada Associação Angolana dos Profissionais e Produtores de Eventos (APPEC) realiza, este domingo, o seu primeiro espectáculo multi-cultural em quatro palcos diferentes, para homenagear Filipe Mukenga e ao mesmo tempo recolher bens alimentares para os profissionais ligados à cultura, fortemente afectados pela crise pandemíca.

ZAP dá Carga no Apoio às Instituições Caridosas em tempos de COVID-19

há 3 anos
Com o avanço global do COVID 19, a ZAP tem vindo a tomar as medidas necessárias para apoiar as Instituições apadrinhadas pelo projecto de responsabilidade social VIDAS ZAP, na prevenção e não propagação do Vírus.

Vocalista do “Roupa Nova” internado com Covid-19

há 2 anos
Após enfrentar um câncer e passar por um transplante de medula, o vocalista do grupo “Roupa Nova”, Paulinho, enfrenta uma nova batalha pela vida.

Prodígio e Paulo Flores marcam espectáculo de reabertura dos palcos portugueses

há 2 anos

Nameless e Sam The Kid juntos no tema “Houdini”

há 2 anos
Já está disponível o novo single “Houdini”, de Nameless que conta com a produção inconfundível de Sam The Kid.

Wizkid esgota em 12 minutos estádio de Londres com capacidade para 23 mil pessoas

há 1 ano

Formiga: Trajectória da jogadora será contada em documentário

há 2 anos
A história da recordista mundial, será adaptada aos cinemas, num projecto que conta com o roteiro e direcção da cineasta Taís Amordivino.

Músicos homenageiam Jacinto Tchipa

há 1 ano
Sabino Henda, Flay, Zé Manico, Man Sambila e Bela Chicola subirão este domingo no palco do Live no Kubico para interpretar os principais sucessos de Jacinto Tchipa, músico falecido em Novembro último por doença.

Burna Boy representa músicos africanos na Casa Branca

há 2 anos
Burna Boy foi o único artista africano presente na lista dos quarenta e seis músicos cujos temas foram seleccionados para a cerimónia inaugural de Biden e Harris à Casa Branca.

Convidados num show? Um desafio sem precedentes para a Força Suprema

há 3 anos

Young Buck está de volta com EP “40 Days & 40 Nights”

há 2 anos
Após enfrentar uma fase extensiva de adversidades, Young Buck revela-se cada vez mais determinado a dar o seu melhor enquanto artista. Nos referimos ao lançamento da nova EP, distribuído sob o selo Cashville Records, composto por 7 faixas musicais, e participações de Oskie e Tray8.

“Back In Black” dos AC/DC lidera lista dos 20 álbuns de Rock mais vendidos de todos os tempos

há 2 anos
Dos 20 álbuns de Rock e Metal mais vendidos no maior mercado do mundo (Estados Unidos), o destaque vai para o “Back In Black”, dos AC/DC gravado há 40 anos.

Companhia Cubico Mwangole representa Angola no projecto do Mandela Day

há 2 anos
Promovido pela organização ONE.org para África, o projecto está agora na sua segunda fase, que compreende desafios entre grupos de dança de renome do continente Africano.

Sting diz que se sente arrependido pela separação dos The Police

há 2 anos

Britney Spears pede fim da curatela “abusiva” do pai

há 2 anos
Tudo começou em 2007 quando Britney sofreu um colapso público, tendo sido posta sob curatela legal, na qual os seus activos financeiros e bens passaram a ser controlados pelo seu curatelado, no caso, o pai James Spears, juntamente com um advogado.

Black Eyed Peas e Post Malone lideram cartaz do Rock In Rio Lisboa

há 2 anos
A organização do Rock In Rio Lisboa divulgou, o “line-up” do Palco Mundo para a edição de 2021. O festival, que precisou ser cancelado este ano devido à pandemia mundial do novo coronavírus, acontecerá nos dias 19, 20, 26 e 27 de Junho.