Don Kikas: “A música tradicional devia ter um lugar intocável para não perdermos a matriz”

O músico está a celebrar 25 anos de carreira e na próxima semana vai protagonizar um grande espectáculo, no Capitólio, em Lisboa. Em entrevista à Carga, apresentou o alinhamento artístico e aproveitou para falar sobre suas ambições e que gostaria de ter conseguido ao longo dos 25 anos, para além de descrever o actual estado do Kizomba.

O concerto acontece às 14 horas e 30 minutos do próximo domingo no Capitólio, em Lisboa, e será transmitido pela TPA, RTP Internacional e em várias plataformas digitais e será nostálgico, porque Don Kikas promete reviver sucessos de álbuns como Sexy Baby, Pura Sedução, Xeque Mate e Raio X.

É difícil, para não dizer impossível, dissociar a música de Don Kikas da vida dos angolanos, pois, numa altura em que o país enfrentava a guerra fratricida, a fome e a desgraça roíam a esperança de muitos angolanos e as canções de Don Kikas, em particular, “Esperança Moribunda” , “ Na Lama do Amor” e “Angolamente Sensual” serviram de bálsamo e animavam as pistas de dança.

O quê está a marcar os 25 anos de carreira e que alinhamento artístico preparou?
O concerto vai ser basicamente uma viagem pelos temas mais conhecidos e marcantes da minha carreira nestes 25 anos. Considerando que uma das coisas mais marcantes para mim foi ter criado uma relação longa e harmoniosa com o meu público de vários países, começando por Angola, então vai ser também uma celebração de irmandade entre os povos.

Músicas estas que passaram a fazer parte da memória colectiva dos angolanos. Quando recua no tempo e se recorda de onde tudo começou, o que lhe vem à alma?
Uma sensação de gratidão por meu povo me ter dado a oportunidade de ver algumas músicas minhas a resistirem no tempo. É importante perceber que entre artista e o público, o povo é sempre quem manda.

O que gostaria de conquistar nesses 25 anos ainda não conseguiu?Gostaria de concretizar o sonho de ver e fazer parte de uma verdadeira internacionalização e expansão da música angolana a nível mundial. Sei que temos potencial para isso. Faltam-nos as melhores estratégias.

Habituou os seguidores a espectáculos com guitarra, piano, harmónica, baixo, bateria e percussão. Qual será o formato do concerto?
Terá uma duração de duas horas. Terei uma banda de 10 elementos composta por músicos que já trabalham comigo há bastante tempo. Terei pelo menos dois convidados de luxo, artistas mais velhos, com quem tive o prazer de fazer duetos que foram grandes sucessos.

Como é que projecta os próximos 25 anos?
25 anos é muito tempo. Mas espero continuar a fazer a minha música com entrega e sinceridade de sempre e que o público continue a gostar e a dar-me a oportunidade de subir aos palcos.

Qual é o seu ponto de vista sobre o actual estado da música, sobretudo os estilos que mais se dedica Kizomba e Guetho Zouk?
Creio que já esteve melhor em alguns aspectos. Mas também temos aspectos positivos dos últimos tempos. A nível de originalidade, acho que temos estado a perder. Os artistas estão a tornar-se cada vez mais previsíveis na música que fazem, e isso quebra o encanto da arte. Entretanto, é muito positivo o surgimento de muitos jovens promissores com grande talento, tanto cantores como instrumentistas. Falta-nos também termos um mercado nacional mais estável, com mais oportunidades para os músicos, independentemente dos lobbies e esquemas já conhecidos. Assim como a música tradicional devia ter um lugar preservado e intocável, para não perdermos a matriz.

as cargas mais recentes

Coronavírus: Yanick prevê maus momentos para os músicos

há 1 ano
Sem “papas na língua”, falando para a Revista Carga, o rapper Yanick Ngombo “Afroman” reconheceu que se a situação do Coronavirus se prolongar os músicos vão passar maus momentos.

Após ser interna por trombose, Anitta tranquiliza os fãs

há 10 meses
A cantora foi internada ontem depois de ter sido diagnosticada com trombose. A informação inicialmente difundida pela imprensa brasileira foi confirmada pela própria, tranquilizando que se sente bem e receberá alta hospitalar ainda hoje.

Anitta adia lançamento do novo CD

há 6 meses
A cantora Anitta informou que o lançamento do seu novo álbum foi adiado para 2021, devido a pandemia do Coronavirus. Numa conversa com os fãs, pelo Tik Tok, a brasileira fez o anúncio oficial e explicou o motivo.

Lewis Hamilton será condecorado com título de “Cavaleiro” pela Rainha da Inglaterra

há 5 meses
Com sete títulos mundiais, o piloto de 35 anos está prestes a sagrar-se o melhor de sempre da Fórmula-1.

Anna Joyce e C4 Pedro integram lista dos artistas africanos que “todos devem ouvir”

há 3 semanas
O site brasileiro Mundo Negro elegeu os oito artistas africanos lusófonos “obrigatórios” nas playlists da actualidade, dos quais figuram os angolanos C4 Pedro e Anna Joyce.

Azealia Banks chama Anitta de “lixo” e afirma: “Prefiro a Ludmilla”

há 7 meses
A cantora e compositora Azealia Banks foi directa nas críticas a Anitta. Durante o novo episódio do podcast “Cheapy’s Two Cents”, da sua autoria, e que é transmitido nos Estados Unidos, as críticas cingem-se à recente parceria de Anitta com Cardi B.

Eminem festeja 20º aniversário de “Marshal Mathers”

há 11 meses
O artista de “Lose Yourself” partilhou um vídeo no Instagram anunciando uma festa online marcada para 27 de Maio (quarta-feira), legendando o post com letras da sua música “I´m Back”.

Torneio de basquetebol assinala aniversário da Kianda

há 3 meses
Seis equipas vão disputar o torneio Cidade de Luanda, em Basquetebol sénior masculino e feminino, numa realização da Associação Provincial de Luanda, que visa comemorar os 445 anos da capital do país.

Fotogaleria: Yuri da Cunha protagoniza “dueto” épico com Teta Lando

há 4 dias

Mbappé é diagnosticado com covid-19 e desfalca selecção francesa

há 7 meses
Integrado na selecção francesa, que defrontará a Croácia, Kylian Mbappé acusou positivo a Covid-19, sendo de imediato afastado do grupo comandado por Didier Deschamps, noticiou o jornal A Bola.

Artur de Almeida e Silva reeleito Presidente da Federação Angolana de Futebol

há 5 meses
Artur de Almeida e Silva assumiu a Federação Angolana de Futebol em 2016, por um mandato de quatro anos reconduzível e foi ontem reeleito para o cargo, em que vai ficar até 2024.

Rodrigo Lombardi encerra campanha Live `Emoção Globo´

há 8 meses
O actor será o último convidado Live da campanha no Instagram do canal Globo ON, embora a campanha ‘Emoção Globo’ continue com outras facetas, como é o caso agora do desafio de dança #EmoçãoGlobo. Não perca, hoje a partir das 21 horas, Sofia Lucas vai entrevistar o talentoso Rodrigo Lombardi, na página oficial da Globo On .

Músico Lawilca tenta a terceira

há 11 meses
Sete anos depois do lançamento do seu segundo disco, intitulado “Não sou o mesmo homem”, o músico Lawilca reaparece com o terceiro álbum, com lançamento previsto para este ano.

Documentário sobre a génese dos Racionais MC’s chega à Netflix

há 4 meses
A produção vai contar em detalhes como Ice Ble, Mano Brown, KL Jay e Edi Rock deram início ao mais bem sucedido projecto de Rap brasileiro, até então.

Ana Vilela “cancela” conselhos da música Trem Bala e afirma “O mundo é um lugar horrível”

há 4 meses
Atendendo ao ano atípico que se vive, os internautas e seguidores entraram no clima da brincadeira, que virou “meme”, mas ao mesmo tempo, razão para análise íntima e reflexiva sobre o impacto de maus acontecimentos, acumulados num só ano.

Trunfos do DJ Malvado

há 4 meses
Ainda na “ressaca” dos seus 28 anos de carreira, ficámos a conhecer quais as “pérolas” que nunca faltam na playlist de DJ Malvado.