Don Kikas: “A música tradicional devia ter um lugar intocável para não perdermos a matriz”

O músico está a celebrar 25 anos de carreira e na próxima semana vai protagonizar um grande espectáculo, no Capitólio, em Lisboa. Em entrevista à Carga, apresentou o alinhamento artístico e aproveitou para falar sobre suas ambições e que gostaria de ter conseguido ao longo dos 25 anos, para além de descrever o actual estado do Kizomba.

O concerto acontece às 14 horas e 30 minutos do próximo domingo no Capitólio, em Lisboa, e será transmitido pela TPA, RTP Internacional e em várias plataformas digitais e será nostálgico, porque Don Kikas promete reviver sucessos de álbuns como Sexy Baby, Pura Sedução, Xeque Mate e Raio X.

É difícil, para não dizer impossível, dissociar a música de Don Kikas da vida dos angolanos, pois, numa altura em que o país enfrentava a guerra fratricida, a fome e a desgraça roíam a esperança de muitos angolanos e as canções de Don Kikas, em particular, “Esperança Moribunda” , “ Na Lama do Amor” e “Angolamente Sensual” serviram de bálsamo e animavam as pistas de dança.

O quê está a marcar os 25 anos de carreira e que alinhamento artístico preparou?
O concerto vai ser basicamente uma viagem pelos temas mais conhecidos e marcantes da minha carreira nestes 25 anos. Considerando que uma das coisas mais marcantes para mim foi ter criado uma relação longa e harmoniosa com o meu público de vários países, começando por Angola, então vai ser também uma celebração de irmandade entre os povos.

Músicas estas que passaram a fazer parte da memória colectiva dos angolanos. Quando recua no tempo e se recorda de onde tudo começou, o que lhe vem à alma?
Uma sensação de gratidão por meu povo me ter dado a oportunidade de ver algumas músicas minhas a resistirem no tempo. É importante perceber que entre artista e o público, o povo é sempre quem manda.

O que gostaria de conquistar nesses 25 anos ainda não conseguiu?Gostaria de concretizar o sonho de ver e fazer parte de uma verdadeira internacionalização e expansão da música angolana a nível mundial. Sei que temos potencial para isso. Faltam-nos as melhores estratégias.

Habituou os seguidores a espectáculos com guitarra, piano, harmónica, baixo, bateria e percussão. Qual será o formato do concerto?
Terá uma duração de duas horas. Terei uma banda de 10 elementos composta por músicos que já trabalham comigo há bastante tempo. Terei pelo menos dois convidados de luxo, artistas mais velhos, com quem tive o prazer de fazer duetos que foram grandes sucessos.

Como é que projecta os próximos 25 anos?
25 anos é muito tempo. Mas espero continuar a fazer a minha música com entrega e sinceridade de sempre e que o público continue a gostar e a dar-me a oportunidade de subir aos palcos.

Qual é o seu ponto de vista sobre o actual estado da música, sobretudo os estilos que mais se dedica Kizomba e Guetho Zouk?
Creio que já esteve melhor em alguns aspectos. Mas também temos aspectos positivos dos últimos tempos. A nível de originalidade, acho que temos estado a perder. Os artistas estão a tornar-se cada vez mais previsíveis na música que fazem, e isso quebra o encanto da arte. Entretanto, é muito positivo o surgimento de muitos jovens promissores com grande talento, tanto cantores como instrumentistas. Falta-nos também termos um mercado nacional mais estável, com mais oportunidades para os músicos, independentemente dos lobbies e esquemas já conhecidos. Assim como a música tradicional devia ter um lugar preservado e intocável, para não perdermos a matriz.

as cargas mais recentes

A partir de agora artistas e autores angolanos já podem ganhar com Tik Tok, Spotify, Apple Music ou BoomPlay

há 2 meses
A monetização dos direitos autorais para compositores, artistas, autores e publisher angolanos resulta de um acordo rubricado no mês de Maio entre a SADIA e as respectivas plataformas digitais de streaming.

Para não repetir versos Lil Wayne e Eminem revelaram que recorrem a Google

há 1 ano
Para evitar repetir os próprios versos, os dois rappers vão a Google para rever suas letras. Embora admitam que várias vezes tenham tido brancos, consideram a repetição um desrespeito à arte, que tem como objecto a criatividade.

Rihanna volta a ser a artista com mais músicas certificadas pela indústria

há 6 meses

Preto Show dá voz ao novo álbum do Dj brasileiro WC No Beat

há 12 meses
O DJ e produtor brasileiro WC No Beat apresenta esta quinta-feira, 20 de Agosto, o seu novo projecto musical que reúne 33 participações, entre elas está o angolano Preto Show.

Dr. Dre torna-se personagem da nova versão do jogo da GTA 5

há 8 meses
O lendário produtor será uma das personagens do GTA V, cuja actualização foi lançada ontem e apelidada de The Cayo Perico Heist, com várias novidades, como é o caso da ilha exótica, que abriga El Rubio, o traficante de drogas mais famoso do mundo.

Ronaldinho Gaúcho lança música nova e cria projecto musical

há 6 meses
O ex-jogador decidiu embarcar para um outro desafio. Abriu um estúdio e uma gravadora. Na última sexta-feira, o futebolista lançou sua segunda música e deverá lançar mais oito faixas até ao final do ano.

Força Suprema: Don G lança primeiro álbum a solo

há 10 meses
Don G, membro da Força Suprema, disponibilizou hoje o seu primeiro álbum. Intitulado “Guerreiros”, a obra surge da sequência de várias mixtapes e reflecte a experiência de vida do rapper.

Par de ténis usado por Kanye quebra record de vendas e torna-se o mais caro da história

há 3 meses
Os calçados foram vendidos o equivalente a 1 bilião e 170 milhões de Kwanzas. Trata-se do par de Nike Air Yeezys que Kanye West usou durante a actuação no Grammy Awards de 2008.

Rapper Duas Caras preocupado com a perda de valores tradicionais em África

há 5 meses

Taylor Swift acusada de plagiar no último álbum

há 1 ano
O álbum surpresa de Taylor Swift foi lançado na última sexta-feira (24) e vendeu mais de 1,3 milhões de cópias em 24 horas. A capa do disco, segundo a banda de metal Emperor, é um plágio da obra “Stridig” e apresenta evidências.

‘Old Town Road’ é oficialmente a música mais certificada pela RIAA

há 7 meses
Longe de ser um artista de “um só hit” , Lil Nas X continua a bater records, a faixa com a participação de Billy Ray Cyrus, é oficialmente 14 vezes platina. O maior número de certificações de platina para uma música.

Quavo aposta 1 milhão de dólares caso o álbum dos Migos não seja o melhor de 2020

há 1 ano
Quavo, um dos três elementos dos Migos, grupo de Hip Hop que ficou conhecido em 2013 com o single Versace, anunciou hoje o lançamento do terceiro álbum, acusando outros rappers de estarem a dormir e garante que o novo trabalho dos Migos vai ser o melhor de 2020-2021 e aposta 1 milhão de dólares com quem duvidar.

Cine Janela exibe performance de Thó Simões amanhã

há 1 ano
Intitulada “Intocável” em projecto de projeção audiovisual durante quarentena, a performance e Thó Simões será exibida amanhã, às 20 horas, na página @cine.janela.

Damásio Brothers apresentam primeiro fruto da internacionalização da carreira

há 5 meses

Artistas nigerianos em peso no espectáculo mundial em defesa do planeta “Global Citizen Live 2021”

há 3 semanas
Os músicos Burna, Davido, Femi Kuti e Tiwa Savage vão preencher o cartaz do Global Citizen Live deste ano. O concerto acontece em simultâneo nas cidades de Lagos, Rio de Janeiro, Nova York, Los Angels, Paris, Londres, Seul e Sydney.

Snoop Dogg vai abrir liga de boxe para lutadores profissionais e músicos

há 8 meses
Denominada The Fight Club, a liga vai promover vários eventos por ano e terá Snoop Dogg como anfitrião e locutor.