Geração 80. volta a badalar cinema angolano com “A Nossa Senhora da Loja Do Chinês”

Depois do sucesso internacional do Ar Condicionado, a Geração 80. volta a “badalar” o cinema angolano com A Nossa Senhora da Loja Do Chinês. A primeira longa-metragem de Ery Claver é uma metáfora sobre o poder político.

O filme apresenta um enredo centrado nas ruas e espaços urbanos de Luanda e traz desde situações religiosas, sociais, económicas, como é o caso da cooperação China-África, mas tudo percebido por um contexto familiar.

Capaz de mover sensibilidades, A Nossa Senhora da Loja Do Chinês estreia em Junho deste ano e espelha um tempo presenta impregnado num passado não muito distante. Ery Claver, autor e realizador do filme, conversou com a Carga e falou detalhadamente sobre a longa-metragem.

É a sua primeira longa-metragem, como é que foi trazer o espaço urbano e as ruas de Luanda para o cinema?

É a primeira longa que eu dirijo, eu tenho trabalhado muito nas curta-metragens. Já trabalho há alguns anos. Para mim, filmar a cidade é como se fosse um estúdio. É uma coisa a que estou acostumado.

Em que partes e Luanda gravaram o filme?

Inicialmente queríamos fazer o filme todo no Cassequel. Estive há dois anos lá no bairro a fotografar, a pesquisar e a falar com as pessoas. Mas, infelizmente, não conseguíamos. Estávamos à procura de uma casa para fazer as cenas com os actores principais, não encontrámos a tal casa no bairro, então tivemos que ir para o Bairro Popular, saltámos o bairro Popular, Cassequel, Tourada, Baixa de Luanda, Samba e Cidade da China.

Traz uma situação que domina as sociedades africanas. A política e a fé são coisas que acompanham a vida dos angolanos. É uma narrativa vivida?

Acidentalmente sim, mas não de forma directa. Em cada personagem, tirei vários elementos. Não tem uma só personagem. Não consigo ter uma descrição única para cada personagem, para cada facto ou enredo. São várias personagens.

É quase regra contar o que se lê, vive ou vivencia. Que mensagens quis passar na trama?

O jogo que eu quis fazer assim entre aspas é que, quando nós estamos a analisar questões do poder-questões políticas, nos podemos ir buscar numa situação doméstica. Temos todas as camadas do poder dentro de uma casa. Ao invés de abordar uma situação política, eu prefiro abordar essa metáfora dentro de uma casa.

Está a nos dizer que esta metáfora pode ser aplicada ao poder político ou religioso angolanos?

Boa parte da minha intenção é esta, é que se veja assim. Que se faça essa analogia assim.

Por que decidiu transportar esta temática para o cinema?

Eu acho que para mim, mais do que estarmos a discutir política-sobre quem tem razão ou não, o mais importante é percebermos como é que ela funciona. De uma forma ou de outra, nós conseguimos perceber como é que as ligações do poder são feitas. E nós experimentamos isso em pequenos detalhes, em pequenos pormenores. Uma crítica social ou uma crítica, para mim é mais importante que seja assim.

Em que situações podemos aplicar estas abordagens?

São várias situações no filme. Trazemos também a questão da chuva, da Santa, a situação da China em África-como eles estão aqui presentes, mas ao mesmo tempo é uma uni presença. Porque tu não tens uma ligação directa com eles, mas eles estão tão presentes e fazem tão parte do nosso quotidiano. Quase que nos “engolem” de forma impulsiva.

Em que período específico do país se enquadra o tempo da diegese?

O tempo do filme é presente, acompanha a situação do Covid-19. As pessoas usam máscaras, é tempo presente. Mas a metade do filme tem um flashback que eu chamo de prelúdio, que se passa na Tourada e que faz uma citação antes dos acontecimentos do filme, de há 10 anos, mas não é uma data específica.

A Religião e a Política são temas muito sensíveis. Como é que acha que a sociedade poderá absorver A Nossa Senhora da Loja Do Chinês?

Sabendo que estamos a lidar com uma situação muito delicada, sei que vai ferir algumas sensibilidades, mas espero que as pessoas percebam que nós não temos o domínio da ficção, a ficção não é controlada. Se tu matas alguém num filme não te faz um assassino. É apenas uma visão ficcionada, é uma abordagem. Estamos também preocupados com isso, mas esperamos que as pessoas também tenham bom senso.

Que lições aprendeu e gostava de repeti-las nas próximas longa-metragens?

Aprendi é que é possível fazer filme, por mais que as pessoas pensem, claro, é preciso muito dinheiro. É preciso muita preparação. disponibilidade, mas acima de tudo é possível, se tiveres a equipa certa.  

Esperamos algumas nomeações ou prémios, à semelhança do Ar Condicionado.

Nós, inicialmente esperamos que sim.

as cargas mais recentes

Filhos de figuras proeminentes do Rock unem-se e formam uma banda

há 8 meses
Os Suspect208 é uma banda formada por três filhos de três grandes figuras do Rock. Falamos de Scott Weiland (Stone Temple Pilots), Slash (Guns N’ Roses) e Robert Trujillo (Metallica).

JAY-Z encaixou mais de 300 milhões de dólares com a venda da sua marca de champanhe a Louis Vuitton

há 5 meses
Revelações da Forbes dão conta de que JAY-Z acabou por lucrar pouco mais de trezentos milhões de dólares, contudo, a marca ficou avaliada em muito mais.

Cantora norte-americana recusa ser homenageada com uma estátua no Capitólio

há 5 meses

Chakuisa, um filho da Huíla com versatilidade para conquistar Angola

há 1 mês
Começou no Hip Hop/ Rap e tem dois trabalhos no mercado, incluindo participações de peso, só que desta vez, reestruturou sua carreira e anuncia “O Filho da Mapunda”, um Ep rico sonoridades e com uma variedade de línguas, que homenageia o bairro onde nasceu, na Huíla.

Black Eyed Peas e Post Malone lideram cartaz do Rock In Rio Lisboa

há 9 meses
A organização do Rock In Rio Lisboa divulgou, o “line-up” do Palco Mundo para a edição de 2021. O festival, que precisou ser cancelado este ano devido à pandemia mundial do novo coronavírus, acontecerá nos dias 19, 20, 26 e 27 de Junho.

Lewis Hamilton é oficialmente condecorado com o título “Cavaleiro do Reino Unido”

há 7 meses
O piloto da Mercedes integra a lista de Honras de Ano Novo da Ordem do Império Britânico para receber, em Janeiro, o título de ‘Cavaleiro’ do Reino Unido pelo seu trabalho como desportista do país.

Tributo a Chadwick Boseman chega a Netflix dia 17 e estará disponível por apenas 30 dias

há 3 meses
A Netflix surpreendeu os internautas, ao divulgar sem aviso prévio, o trailer do documentário `Chadwick Boseman- Retrato de um artista´.

Razões e Rimas: O super Herói de Todos os Tempos

há 1 mês
A EP é da autoria do também integrante do lendário grupo “New Joint”, Kamané Kamas, que tem vindo a dar cartas dentro do movimento hip hop lusófono, assumindo a posição de um dos mais influentes da actualidade de moçambique.

Madonna multada com 1 milhão de dólares por defender comunidade LGBTQ+

há 1 ano
A cantora revelou, através das suas redes sociais, que a Rússia obrigou que pagasse 1 milhão de dólares, depois de ela ter feito um discurso de defesa dos direitos da comunidade LGBTQ+ durante um concerto em São Petersburgo.

Careca Não: O início de uma nova revolução

há 3 meses
`Careca não´ é um apelo à tolerância e ao respeito pelas diferenças, a música marca o posicionamento de Dino Ferraz, na luta pela aceitação do cabelo negro crespo masculino, na sociedade angolana.

Chris Brown está a ser acusado de espancar uma mulher até deslocar a textura da cabeça

há 1 mês
De acordo com a suposta vítima, Chris Brown bateu-a na nuca com tanta força que a textura da parte de trás da cabeça saiu. Este final de semana, a polícia deslocou-se à casa do cantor.

Ex-estrela da Disney revela que se tornou actriz pornográfica por causa de Hollywood

há 10 meses
Conhecida pelo seu protagonismo na série da Disney ‘O Mundo é dos Jovens’, interpretando Rachel, Maitland Ward revelou que decidiu entrar para o entretenimento adulto por causa do desprezo de Hollywood.

Jay-Z decide processar o fotógrafo da icónica capa do álbum “Resonable Doubt”

há 1 mês
O rapper e empresário move um processo judicial contra Jonathan Mannion, o homem que o fotografou em 1996 para o seu primeiro álbum “Resonable Doubt”, por entender que este está a explorar o seu nome e imagem.

“No Kuduro as mulheres nos dão capote”

há 1 ano
Presidente Gasolina lamentou o conformismo com que vivem os kuduristas actualmente. Este ano, o cantor está de volta com várias novidades para quebrar o “gralho”.

Netflix anuncia nova data de lançamento da última temporada de La De Papel

há 6 meses

Pharrell Williams anuncia construção de escolas destinadas a famílias de baixa renda

há 1 mês
Denominado Yellowhab, o projecto tenciona inicialmente, fornecer educação gratuita numa primeira fase, para 40 a 50 alunos.