Gilmário Vemba fala do seu futuro no cinema

Pela primeira vez, o humorista assume papel de protagonista numa longa- metragem. A tragicomédia traz à baila o drama da dívida e teve uma produção de 12 milhões de Kwanzas. Vai estrear o próximo mês em Angola e no estrangeiro. Gilmário revelou que está a preparar outros filmes e fala sobre o seu futuro com o cinema.

O que motivou Gilmário Vemba e Anacleto Abreu a produzirem o filme?

Era um mercado bom para entrar. Achei que podia usar também um bocadinho da imagem e da influência que tenho para poder, de alguma forma, impulsionar o mercado cinematográfico nacional. O cinema nacional ainda não é aquela coisa que entusiasma todo o mundo. Nós pensamos em fazer uma coisa em todo o país.

Isto quer dizer que estaremos a ver um Gilmário Vemba a trocar os palcos do humor pelo cinema?

Isso nunca! Mas, com certeza que vão ver mais filmes do Gilmário. Já estamos a pensar na produção de ‘A Dívida 2’.

Quando é que pretendem estrear a ‘A Dívida’?

Já está todo ele preparado. Estamos apenas a aguardar a data de estreia. Temos a agenda do lançamento para o dia 17 de Abril, mas estamos um tanto quanto receosos pela situação de quarentena que o mundo vai observando.

Sei que estará também em Moçambique e mais tarde em algumas cidades europeias. Qual será o método de distribuição?

Vai tudo para o ar em simultâneo em Moçambique (Beira, Maputo…) e em Angola. Cá vamos estar em todas as salas do Cine Max: Luanda, Benguela, Lubango, Huambo. Estamos também a encetar contactos para Portugal e São Tomé e Príncipe.

Gilmário Vemba fala do seu futuro no cinema

Quanto ao elenco, como é que está constituído e distribuídos os papéis?

Está constituído por novos talentos e outras caras do teatro e do cinema nacional, como a Neide Van-Dúnem, David Enoque, Valdano Lukizaia e Cláudia Bezerra. Eu sou o protagonista e a Cláudia a Vilã principal.

Como encarou o desafio de, pela primeira vez, assumir o papel de protagonista de um filme?

Gostei da estória e adaptamo-la à nossa realidade. Estamos numa sociedade onde as pessoas estão mais agarradas em parecer ter, o que as deixa amarradas a vida toda. Criam dividas para sustentar determinados luxos e depois acabam sendo escravas dessas mesmas dividas.

Disse que tiveram uma produção independente. Consegue nos dizer quanto ficou orçada a produção?

Tivemos de apertar ao máximo. Portanto, conseguimos reduzir o orçamento até 12 milhões de Kwanzas.

 O mercado cinematográfico do país ainda é um incipiente. Que estratégias estão a adoptar?

Queremos que o filme possa ir também em plataformas com a Netflix, Zap Filmes. Vamos continuar a trabalhar para que chegue a todo mundo e ter dinheiro suficiente para podermos produzir mais coisas e com maior qualidade, ainda que não nos dê o retorno, vamos continuar a produzir.

Em termos de captação, a que partes de Angola tiveram de gravar a longa-metragem?

Dado os recursos escassos, gravamos no Kilamba, Rua Rainha Ginga, Cacuaco, Zango, Benfica… acabou girando por Luanda toda. O filme faz 120 minutos, com linguagem aceitável e nivel de conhecimento para menores de 12 anos.

O que se pode destacar neste filme?

Tentamos trabalhar o filme a nível de Hollywood, mesmo dentro dos nossos pequenos recursos, conseguimos trazer um filme que se pode ver em estórias videográficas que podem ser compreendidas desde o princípio, meio e fim.

as cargas mais recentes

Beyoncé oferece 1 milhão de dólares a pequenos empreendedores

há 2 meses
A iniciativa foi anunciada com o lançamento do single “Black Parade” no Juneteenth e ganhou corpus com a doação dos primeiros 1 milhão de dólares aos pequenos empresários negros.

Pelé grava música para festejar 80º aniversário

há 1 semana
O lendário futebolista brasileiro Pelé está a três dias de completar 80 anos e brindou os fãs com uma canção escrita e cantada por si, intitulada ‘Acredita no Veio’, agora gravada em colaboração com a dupla mexicana Rodrigo y Gabriela.

Impulsionadores do Bambarákatcha já contam 10 anos de estrada

há 6 meses
Staff Paulo é um grupo de músicos e bailarinos angolanos criado em 2010, e constituído por quatro elementos, artisticamente conhecidos por: Paulo Karbura, Paulo Gibele, Paulo Guedes e o Paulo Bruno. Inicialmente como um grupo só de dança de estilo afro beat (House).

Paulo Flores e Prodígio voltam a juntar-se em novo projecto musical

há 7 meses
Intitulada Nzambi-Deus”, o single antecipa o álbum “A Bênção e a Maldição” e aborda sobre a eterna pergunta que não para de ecoar, e será disponibilizado hoje às 18 horas no canal do YouTube criado pelos dois artistas e que visa promover a arte.

Profissionais e Produtores de Eventos & Cultura já têm entidade reguladora

há 4 meses
Num exclusivo à Carga, o Porta-voz do projecto, Kizua Gourgel, esclareceu o que é necessário para fazer parte, como surge, e para onde vai a iniciativa em meio a crise pandémica.

Muhatu: 4ª edição da maior competição de spoken word no feminino acontece dia 29 de Setembro

há 3 meses
Já com o processo de inscrições a decorrer, para a edição `MUHATU 2020´, a competição anual, que já conta com 3 edições realizadas (2017, 2018 e 2019), vai adaptar-se ao “novo” normal social, tendo a 4.ª edição realizada completamente on-line.

Idris Elba promove concerto virtual “Africa Day Benefit Concert at Home”

há 6 meses
O concerto virtual é uma iniciativa do cineasta britânico, que visa arrecadar fundos para “aliviar” os efeitos económicos que África tem sofrido, face a pandemia do Covid-19. O encontro reunirá um rol de artistas africanos e será transmitido pela MTV Base, no próximo dia 25, dia de África.

Cantora Helga Fêty denuncia roubo de identidade

há 4 meses
A cantora Helga Fety denunciou a utilização de contas falsas em seu nome, por alguém que se faz passar por si para pedir dinheiro emprestado.

Paulo Flores homenageia Waldemar Bastos e Carlos Burity em novo álbum

há 3 meses
Intitulado ‘Independência’, no novo disco o artista “regressa às origens” do Semba e exalta o ritmo ancestral usado como instrumento de luta.

Geração 80 lança playlist para ouvir durante o Isolamento social

há 6 meses
A ideia é partilhar diferentes trabalhos que mostram a diversidade de produção e de parceria com artistas angolanos.

Covid-19: Nelson da Luz testa positivo em Portugal

há 2 meses
O V. Guimarães informou esta segunda-feira da existência de um caso positivo à Covid-19 no plantel. Trata-se do angolano Nelson Luz, o mais recente reforço a chegar ao clube vindo do 1°de Agosto.

Morreu o jornalista Edgar Cunha

há 3 meses
Morreu hoje, em Portugal, vítima de doença, o jornalista da Televisão Pública de Angola (TPA) Edgar Cunha, um dos principais rostos dos serviços noticiosos na estação.

Aumenta tensão entre Snoop Dogg e 6ix9ine – Tekashi

há 6 meses
Preso em 2018 por diversas acusações de crimes relacionados às actividades de gangues, 6ix9ine – Tekashi chegou a acordo com governo para aliviar sua pena, testemunhando sobre caso contra a “Nine Trey Gangsta Bloods” nos tribunais. Com esta decisão, o rapper ganhou o rótulo de “Snitch/Traidor” e tem sido alvo de diversos insultos da parte de Snoop Dogg, desde que foi preso.

Fãs revoltados com Madonna por causa de uma fotografia

há 4 meses
Após o lançamento de “Madame X” (2019), a “Rainha do Pop” teve várias aparições. Há alguns meses, Madonna esteve em silêncio devido à pandemia do Covid-19. Esta segunda-feira, a autora de “Papa Don’t Preach” voltou a aparecer e causou revolta a alguns internauras, tudo por causa de uma fotografia em topless.

John Dolmayan: “Black Lives Matter não passa de ferramenta de propaganda política”

há 4 meses
O baterista da banda de rock System Of A Down, John Dolmayan, considera o movimento Black Lives Matter ilegítimo e que não passa de uma “ferramenta de propaganda” política do Partido Democrata.

Yunami: O rapper que representa Angola nos palcos da Hungria

há 2 meses