Globo aposta na união de estilos musicais de Angola e do Brasil na nova campanha de comunicação

Há sensivelmente um mês, a Globo pôs a circular nos meios de comunicação locais, a campanha ‘Emoção Globo’. O objectivo é aproximar, cada vez mais, os talentos e produtos Globo ao público angolano com mensagens que lembrem personagens icónicas das novelas e programas de entretenimento e informação. A campanha visa despertar nos angolanos as suas paixões, atitudes e inspirações.   

Para associar criatividade ao projecto, oferecer ritmo e movimento abrangente às famílias angolanas e incentivar tendências, estilo e beleza, o cantor e produtor musical brasileiro, João Brasil, concebeu uma produção musical com a união de estilos característicos de Angola e do Brasil.

O Funkduro, uma fusão entre o Funk brasileiro e o Kuduro, traz retratada a alegria dos dois povos na música que tem sido o hino da marca e continuará durante os três meses de duração da campanha. 

João Brasil não é novato na produção de ritmos africanos, tendo já trabalhado, com base no kuduro, em mistura de vários ritmos onde incluiu a batida “Tá maluca”, música de Nacobeta e Puto Português e outras, como referência, algumas músicas do repertório da banda portuguesa ‘Buraka Som Sistema’.

Considerado por muitos ‘O rei dos Mashups’ no Brasil, João sempre esteve ligado à música. “Não consigo separar a música da vida. Para mim é uma coisa só”, afirma o artista. Questionado sobre a simbiose dos estilos Funk e Kuduro, disse: “O BPM do Funk carioca aumentou de 130 para 150 BPMs nos últimos anos, chegando perto do tempo do Kuduro, que gira em torno de 140 BPMs. Os ritmos ficaram muito próximos, nunca estivemos em tamanha sintonia”. 

A campanha ‘Emoção Globo’ está em curso e já a podemos observar em outdoors; na televisão; bem como ouvir, também na rádio, a mistura da música que faz o hino do projecto. Pode aceder aos produtos e conteúdos Globo em Angola nas posições 10 (Globo HD) e 72 (Globo On) da ZAP.  

João Brasil fala sobre a experiência e os momentos que nortearam todo o processo de concepção da música

Que dificuldades teve na concepção da música? Já tinha produzido um kuduro antes? 
Na verdade, tive mais facilidades do que dificuldades. O BPM (tempo da música) do Funk carioca aumentou de 130 para 150 BPMs nos últimos anos, chegando perto do tempo do Kuduro, que gira em torno de 140 BPMs. Os ritmos ficaram muito próximos, nunca estivemos em tamanha sintonia. Já tinha feito alguns Mashups (colagem de duas músicas) usando a batida do Kuduro. É um ritmo fascinante que me encanta muito. 

Que referências do estilo tem em Angola? Conhece algum artista? 
Eu conheço bem o trabalho da Titica, inclusive já toquei em um festival onde ela também se apresentou, o Lusotronics. Conheço bem o trabalho do Buraka Som Sistema, que apesar de portugueses, exploraram bastante o som do Kuduro. Um dos Mashups que mencionei que fiz de Kuduro era com a batida da música do Puto Português e Nacobeta chamada “Tá maluca”, adoro essa sonoridade. 

Qual a sua relação com produtores musicais angolanos? Conhece algum? 
Gostaria muito de estreitar mais os meus laços com os produtores angolanos. A mistura do Funk brasileiro com o Kuduro de Angola pode render excelentes frutos. 

O que mais admira na cultura angolana? 
O que mais admiro é a proximidade com a cultura brasileira. Estamos muito próximos culturalmente, porém distantes geograficamente. A cultura angolana soa muito familiar para mim. Adoro Semba também, por exemplo. Angola, para mim, é uma extensão do Brasil. Precisamos de mais pontes entre as duas culturas. 

Já tinha colaborado num projecto assim com a Globo ou é o primeiro? 
Foi a minha primeira experiência, e achei fantástica. Foi bem emocionante. 

Qual a sua trilha de eleição nas novelas da Globo? 
Lembro muito da trilha de abertura da novela ‘Rainha da Sucata’, amava aquela abertura, a Lambada estava no auge. A música era “Me chama que eu vou” de Sidney Magal. 

Que importância dá às trilhas sonoras? 
As trilhas sonoras dão toda a emoção das cenas. Elas são a parte vital. Faça o teste, assista uma cena no “mute” e veja a diferença. 

Que significado tem a música na sua vida? 
Não consigo separar a música da vida. Para mim é uma coisa só.

as cargas mais recentes

Muhatu: 4ª edição da maior competição de spoken word no feminino acontece já este sábado

há 1 mês
O campeonato feminino de Spoken Word “Muhatu” que para o ano 2020 adaptou-se as condições do novo normal social, teve o seu tiro de largada, “disparado” a 6 de Agosto.

Emicida disponibiliza novo EP intitulado ‘Quem Tem Um Amigo Tem Tudo’

há 6 meses
A obra está disponível desde ontem e conta com participações de Wilson das Neves, Zeca Pagodinho, Prettos, Tokyo Ska Paradise Orchestra, Rashid e Denise de Paula.

Justin Bieber exige 10 milhões de dólares por cada acusação de abuso sexual

há 4 meses
Justin Bieber processou as mulheres que, nas redes sociais, o acusaram de violência sexual. Para indemnização por cada uma das acusações de que foi alvo, o cantor quer 10 milhões de dólares.

Para além do 4, haverá “Jonh Wick 5” em 2022

há 3 meses
A saga protagonizada por Keanu Reeves, ‘John Wick’, terá dois novos filmes a partir de 2022, ou seja, contará, para além de Jonh Wick 4, com uma quinta parte, o John Wick 5, informou esta quinta-feira John Feltheimer, CEO da Lionsgate.

Novo single revela versatilidade de Beatoven

há 4 meses
O single tem uma sonoridade arrojada e mais uma vez mostra a versatilidade de Beatoven e do seu álbum, no que toca a produção, juntou EDM com alguns apontamento West Coast.

Anitta, Ivete Sangalo e Black Eyed Peas no Rock in Rio 2021

há 4 meses
As cantoras “Anitta”, “Ivete Sangalo” e o grupo “Black Eyed Peas” garantiram presença na edição 2021 do Rock In Rio Lisboa. Os nomes foram anunciados na edição especial televisiva que assinala as datas do festival que, este ano, não aconteceu por conta do Covid-19

Vencedor do prémio literário ‘Sagrada Esperança’ é conhecido dia 15 de Setembro

há 1 mês
Foi instituído em 1980 em homenagem póstuma ao Dr. António Agostinho Neto, ilustre homem de cultura e das letras angolanas.

Carlitos Viera Dias em concerto no `Show do Mês´

há 4 meses
O músico Carlitos Viera Dias, filho do mítico Liceu Viera Dias, vai cantar no Live do Show do Mês, no próximo dia 11 de Julho (sábado).

Concerto dos Guns N´Roses já tem nova data

há 3 meses
Adiado este ano, devido à pandemia de covid-19, o espectáculo está agora agendado para 2 de Junho de 2021.

Bob da Rage Sense: Na linha da frente dos protestos

há 5 meses
Ao contrário de muitos artistas que se limitam a “protestar” nas redes sociais, o rapper saiu às ruas para também dar voz às palavras de ordem: “Vidas Negras Importam”, “Justiça, justiça, nós queremos justiça” e “Só queria respirar, mas até para isso tenho que suplicar”.

Rapper britânico Ty morre de Covid-19

há 6 meses
Após um mês de internamento hospitalar, Ty, rapper britânico de origem nigeriana, morreu quinta-feira aos 47 anos, vítima de Covid-19, segundo noticiou o Mirror.

Xutos e Pontapés testam prontidão dos fãs pós confinamento

há 4 meses
Depois da paragem por conta da pandemia do Covid-19 o Teatro Tivoli (Lisboa/Portugal) reabre as portas em Julho, com destaque para o concerto dos Xutos e Pontapés, no dia nove (9).

´Emerging Painting Invitational´ para ver on-line até ao dia 19 de Outubro

há 1 semana

Filme de Mawete Paciência entra no Amazon Prime Video

há 2 semanas
O filme “Rasto de Sangue” do realizador Mawete Paciência estará disponível no Amazon Prime Video, tornando-se a primeira película nacional na plataforma de streaming.

Luso: “Os rappers acabam por depender das acções do político para poder fazer música”

há 4 meses
Luso está no Hip Hop desde os seus 15 anos. Tem um álbum e um EP lançados e está a concluir o segundo álbum. Além disso, o músico desenvolve o projecto “Ilusionista”.

Após ser interna por trombose, Anitta tranquiliza os fãs

há 4 meses
A cantora foi internada ontem depois de ter sido diagnosticada com trombose. A informação inicialmente difundida pela imprensa brasileira foi confirmada pela própria, tranquilizando que se sente bem e receberá alta hospitalar ainda hoje.