Globo aposta na união de estilos musicais de Angola e do Brasil na nova campanha de comunicação

Há sensivelmente um mês, a Globo pôs a circular nos meios de comunicação locais, a campanha ‘Emoção Globo’. O objectivo é aproximar, cada vez mais, os talentos e produtos Globo ao público angolano com mensagens que lembrem personagens icónicas das novelas e programas de entretenimento e informação. A campanha visa despertar nos angolanos as suas paixões, atitudes e inspirações.   

Para associar criatividade ao projecto, oferecer ritmo e movimento abrangente às famílias angolanas e incentivar tendências, estilo e beleza, o cantor e produtor musical brasileiro, João Brasil, concebeu uma produção musical com a união de estilos característicos de Angola e do Brasil.

O Funkduro, uma fusão entre o Funk brasileiro e o Kuduro, traz retratada a alegria dos dois povos na música que tem sido o hino da marca e continuará durante os três meses de duração da campanha. 

João Brasil não é novato na produção de ritmos africanos, tendo já trabalhado, com base no kuduro, em mistura de vários ritmos onde incluiu a batida “Tá maluca”, música de Nacobeta e Puto Português e outras, como referência, algumas músicas do repertório da banda portuguesa ‘Buraka Som Sistema’.

Considerado por muitos ‘O rei dos Mashups’ no Brasil, João sempre esteve ligado à música. “Não consigo separar a música da vida. Para mim é uma coisa só”, afirma o artista. Questionado sobre a simbiose dos estilos Funk e Kuduro, disse: “O BPM do Funk carioca aumentou de 130 para 150 BPMs nos últimos anos, chegando perto do tempo do Kuduro, que gira em torno de 140 BPMs. Os ritmos ficaram muito próximos, nunca estivemos em tamanha sintonia”. 

A campanha ‘Emoção Globo’ está em curso e já a podemos observar em outdoors; na televisão; bem como ouvir, também na rádio, a mistura da música que faz o hino do projecto. Pode aceder aos produtos e conteúdos Globo em Angola nas posições 10 (Globo HD) e 72 (Globo On) da ZAP.  

João Brasil fala sobre a experiência e os momentos que nortearam todo o processo de concepção da música

Que dificuldades teve na concepção da música? Já tinha produzido um kuduro antes? 
Na verdade, tive mais facilidades do que dificuldades. O BPM (tempo da música) do Funk carioca aumentou de 130 para 150 BPMs nos últimos anos, chegando perto do tempo do Kuduro, que gira em torno de 140 BPMs. Os ritmos ficaram muito próximos, nunca estivemos em tamanha sintonia. Já tinha feito alguns Mashups (colagem de duas músicas) usando a batida do Kuduro. É um ritmo fascinante que me encanta muito. 

Que referências do estilo tem em Angola? Conhece algum artista? 
Eu conheço bem o trabalho da Titica, inclusive já toquei em um festival onde ela também se apresentou, o Lusotronics. Conheço bem o trabalho do Buraka Som Sistema, que apesar de portugueses, exploraram bastante o som do Kuduro. Um dos Mashups que mencionei que fiz de Kuduro era com a batida da música do Puto Português e Nacobeta chamada “Tá maluca”, adoro essa sonoridade. 

Qual a sua relação com produtores musicais angolanos? Conhece algum? 
Gostaria muito de estreitar mais os meus laços com os produtores angolanos. A mistura do Funk brasileiro com o Kuduro de Angola pode render excelentes frutos. 

O que mais admira na cultura angolana? 
O que mais admiro é a proximidade com a cultura brasileira. Estamos muito próximos culturalmente, porém distantes geograficamente. A cultura angolana soa muito familiar para mim. Adoro Semba também, por exemplo. Angola, para mim, é uma extensão do Brasil. Precisamos de mais pontes entre as duas culturas. 

Já tinha colaborado num projecto assim com a Globo ou é o primeiro? 
Foi a minha primeira experiência, e achei fantástica. Foi bem emocionante. 

Qual a sua trilha de eleição nas novelas da Globo? 
Lembro muito da trilha de abertura da novela ‘Rainha da Sucata’, amava aquela abertura, a Lambada estava no auge. A música era “Me chama que eu vou” de Sidney Magal. 

Que importância dá às trilhas sonoras? 
As trilhas sonoras dão toda a emoção das cenas. Elas são a parte vital. Faça o teste, assista uma cena no “mute” e veja a diferença. 

Que significado tem a música na sua vida? 
Não consigo separar a música da vida. Para mim é uma coisa só.

as cargas mais recentes

Kamesu: “O rapper é um artista que não tem nenhum compromisso com a cultura”

há 4 meses
Durante 20 anos, o rapper viu-se obrigado a trancar-se no estúdio para preparar o seu primeiro disco, uma obra interventiva e afro-centrada, que traz participações de Kid MC, Kool Klever, Ndaka Yo Wini, Loromance, Mono Stereo e a poetisa Sankofa. O álbum será autografado já este sábado, no Elinga Teatro, em Luanda.

Taylor Swift cancela toda a digressão pela Europa

há 1 mês

David Bowie segue vivo com o seu legado musical

há 11 meses
Só este ano, já foram lançados três álbuns a título póstumo do cantor, cujo último tornado público no passado dia 15 de Maio, -LiveAndWell.com -, é conhecido por ter sido disponibilizado unicamente no provedor de internet criado por Bowie, em 1999. O lançamento representa a primeira vez na qual o disco é disponibilizado com fácil acesso e em grande escala.

Landrick abre produtora e anuncia o primeiro agenciado

há 7 meses
Atrás dos holofotes dos media, Landrick vai projectando um futuro promissor. Para além da sua carreira, o músico criou uma produtora e prepara-se para anunciar o primeiro agenciado.

Rapper Houdini é morto durante tiroteio

há 11 meses
Com uma carreira em ascensão, Houdini de 21 anos foi morto esta terça-feira, durante um tiroteio em Toronto, no Canadá. O rapper foi atingido por tiros no hotel onde se encontrava.

Afinal o que é um “OG” Original Gangster?

há 3 meses
O termo “Original” foi usado pela primeira vez por Crips, em 1972, e significava “nós somos os primeiros”. A seguir passou a ser usada por todos, independentemente da idade e estatuto.

Elias Dya Kimuezo fala sobre a função que sua música desempenhou no Início da Luta Armada

há 2 meses

Morreu Papa Bouba Diop, herói da selecção do Senegal no Mundial de 2002

há 4 meses
Diop morreu hoje aos 42 anos, em França, onde vivia, em consequência de esclerose lateral amiotrófica (ELA), enfermidade degenerativa nervosa que enfraquece os músculos e diminui a sensibilidade nas mãos, braços e pernas.

Música autobiográfica revela dissabores da trajectória de Halison Paixão

há 3 meses
Superação é o título da mais recente faixa musical de Halison Paixão, trata-se de testemunho cantado, que visa reforçar a esperança de todos que têm poucas possibilidades mas almejam alcançar algum sonho.

Lil Nas X lança linha de ténis ” Satan Shoes”

há 2 semanas

Denzel Washington é eleito o melhor actor do século XXI

há 4 meses
O prestigiado diário norte-americano The New York Times elegeu Denzel Washington como o melhor actor do século. O actor de 65 anos está acima dos 25 outros da lista, posicionando-se em primeiro lugar.

Tupac, Ice Cube, Snoop Dogg apresentados em versão animada

há 12 meses
A última criação do animador Alex Alvarado nos permite imaginar como o ícone do Hip-Hop Tupac Shakur ficaria se entrasse no mundo da Disney.

Na primeira tentativa de cobrança Sadia arrecada 10 milhões de Kwanzas

há 1 mês

Heloisa Jorge revisita legado de Njinga Mbade no Dia da Consciência Negra

há 5 meses
A história de Angola terá vez e voz no “Falas Negras”, o evento brasileiro que comemora o Dia da Consciência Negra e cuja primeira edição, memora célebres personagens de 1600 aos dias de hoje, pessoas que lutaram contra a escravidão, a segregação racial, o racismo e a intolerância.

Idris Elba anuncia lançamento de livros infantis inspirados na sua filha

há 2 semanas
O actor britânico assinou um contrato global com a HarperCollins para publicar vários livros infantis, ainda sem título e data especifica, fez saber que serão lançados em 2022.

Beyonce revela planos para desacelerar a carreira

há 5 meses
Beyoncé é a figura de capa da mais recente edição da Vogue britânica, que nas bancas colocou três capas diferentes.