Invisíveis: “O que nos caracteriza é um Rap sem preocupação com os holofotes”

Lançaram ontem o álbum `O Culto´, uma obra no verdadeiro sentido da palavra, que além de quebrar o silêncio de 8 anos, é uma viagem às origens do Hip Hop e um compromisso com o “abandonado” Boom Bap. O quarteto constituído por Denéxl, Aluno Mestre, Levell Khróniko e Xtygmaxx traz mensagens que se enquadram no tempo que quisermos e conserva as características do underground, e de afronta numa perspectiva da diferença de filosofias de vida que se pode notar na abordagem de cada um dos elementos do grupo.

A propósito porquê `Invisíveis´?
Invisíveis porque o que nos caracteriza é um rap sem preocupação aos holofotes. Um rap mais preocupado em expor a beleza das palavras e do pensamento com a música rap, sem ter que necessariamente vender a imagem.

A que se deveu o interregno de 8 anos?
O álbum foi gravado maioritariamente em 2012. Após as gravações tivemos um problema técnico com o HD onde tínhamos todo projecto do álbum e isso deixou-nos de alguma forma desmoralizados. Só conseguimos depois de 8 anos recuperar alguns dos ficheiros e assim levamos o projecto para os arranjos, mistura e masterização.

Consideram este momento o mais certo para quebrar o silêncio?
Sim, cada momento é um momento e este em particular que estamos confinados e com algumas limitações decidimos oferecer aos amantes da cultura Hip Hop e de boa música este álbum que esteve engavetado por tantos anos. Na verdade, a forma como nós escrevemos este álbum ele poderia ser lançado a qualquer momento, mesmo dentro de outros 8 anos, as nossas letras são intemporais e os instrumentais boom bap nunca deixarão de ser RAP.

Que filosofia norteia o quarteto?
O quarteto é liberal, cada um tem a liberdade de escrever e dropar o que sente nas suas letras. 

Do que é feito o álbum `O Culto´?
O Culto é um álbum de rap Hip Hop underground. Todos os sons foram escritos no estúdio e gravados naquele mesmo momento, mas nem por isso deixamos de preocupar-nos com a qualidade do que dropamos. Falamos da nossa afirmação no rap, falamos do nosso comprometimento com o Hip Hop, falamos da sociedade, falamos de introspecção, falamos de África.  A instrumentalização é totalmente boom bap rap.

Ao ouvir `O culto´ o que nos remete? 
O culto é uma viagem às origens do Hip Hop um compromisso com o Boom Bap que tem se tornado cada vez mais escasso na questão de produção, a predominância do Trap e outros estilos diante da influência mainstream internacional tem norteado a sonoridade do Rap. O Culto vem justamente prestar culto a esta sonoridade ao compromisso que o Hip Hop tem com a consciência social, artística  e cultural.


Individualmente mantém um estatuto respeitável no Hip Hop angolano. Qual o segredo desta longevidade?
O segredo é simplesmente ser nós mesmos dentro daquilo que nos propusemos a fazer, fora de estereótipos e de seguir ondas. Procuramos actualizar a nossa sonoridade e a estética do que escrevemos, mas sem esquecer que temos uma cultura, fãs e um legado que devemos respeito.

De que modo podemos distanciar esta individualidade no `O culto´?
Cada membro do quarteto Invisíveis tem a sua própria característica e essa diferença é que faz com que o álbum sucedesse desta forma majestosa e habilidosa. 

Disponibilizaram o álbum ontem, já é possível avaliar o feedback?
Sim, muito bom feedback do pessoal. O número de download é positivo para a pouca promoção feita e até já estamos a receber exigências de shows e videoclipes. 

Ficarão apenas nos áudios ou já prevêem alguns vídeos? 
Faremos vídeos sim, bem underground risos.

E quanto a versão física, faz parte dos vossos objectivos também?
Já pensamos nisso. Acreditamos que quando apresentarmos o álbum ao vivo teremos cópias físicas, embora que limitadas, para o pessoal poder ter literalmente o álbum em suas mãos.

Voltaremos a aguardar por 8 anos para ver um mais trabalhos dos Invisíveis?
Risos, o tempo dirá.

as cargas mais recentes

Diff volta a badalar o Rap Game com “Génio”

há 2 anos
Diff regressou no passado dia 16 de Agosto com o EP “Deixo Cair”, dez anos depois de se ausentar do Rap Game. Ontem, colocou mais uma faixa musical no mercado.

Filme sobre Aretha Franklin chega às salas de cinema já amanhã

há 9 meses
O filme que tinha a estreia em standby desde o passado mês de Janeiro, chega finalmente às salas de cinema, esta sexta-feira, dia 13 de Agosto.

Romantismo estará em alta no Show do Mês Live com Pedrito

há 2 anos
O mais romântico de todos os músicos angolanos, José Manuel Pedrinho “Pedrito”, será o próximo cartaz do Show do Mês Live, sábado (26), depois do músico ter anunciado o “adeus” aos palcos.

Covid-19 força adiamento da cerimónia dos Grammy

há 5 meses
A cerimónia de entrega dos Grammy, edição 2022, prevista para o dia 31 de Janeiro, foi adiada por causa do elevado número de casos de Covid-19 nos Estados Unidos da América.

Black Coffee apresenta set especial para o famoso concerto Tiny Desk da NPR

há 1 ano

Vado Poster: De bate-chapa a principal referência do Afro House da actualidade

há 3 meses
Vado Poster integra a geração vanguardista do Afro House e é hoje uma das principais referências do estilo em Angola. Com uma carreira já coroada de êxitos, o DJ e produtor prepara-se para colocar a sua primeira obra discográfica no mercado.

Patrícia Faria é o novo rosto da Zap Viva

há 2 anos
Depois de três anos a dirigir o “Calientíssimo”, na rádio MFM, Patrícia Faria prepara-se para mais um desafio. Brevemente, a cantora vai conduzir um novo programa de TV, no canal Zap Viva.

China decide “castigar” Lady Gaga, Justin Bieber e BTS

há 12 meses
Os músicos Justin Bieber, Lady Gaga e a banda BTS terão sido ‘castigados’ por causa de atitudes em relação a assuntos considerados sensíveis pela China.

Disfarçado, Paul Pogba aparece em palco e canta com Burna Boy

há 8 meses
Ontem, momento depois da retumbante vitória do Manchester United sobre o Newcastle, Paul Pogba mostrou o seu lado rapper ao aparecer disfarçado em palco e interpretar `Focus´ com Burna Boy.

Ashanti e Keyshia Cole aceitam desafio de estar cara a cara num desfile de hits

há 1 ano
Os trabalhos das divas da música americana são amplamente conhecidos pelos angolanos. As cantoras vão confrontar-se, no próximo sábado, 12 de Dezembro, num desfile musical, que será transmitido no Instagram.

Jiffer Mc analisa a`Crise´em novo single

há 1 ano
Inspirado no facto social mais que mais pesa actualmente, Jiffer Mc, brinda os fãs com uma nova faixa musical, cujo abordagem abrange todas as classes sociais.

A Konono Soul Music apresenta “Coisas Simples”, o novo single do A’mosi Just A Label

há 9 meses
Disponível a partir dia 17 de setembro. O single antecede o álbum Konono Soul, que está previsto a ser lançado no dia 22 de Outubro.

C4Pedro é destaque no Times Square, o maior espaço de exposição do mundo

há 6 meses
Após ter sido seleccionado para integrar a lista de reproduções de afrobeats do mundo, C4Pedro mereceu o destaque do principal e mais importante espaço de entretenimento do planeta, o Tmes Square.

Num dia como hoje, há 10 anos, Whitney Houston partia para a eternidade

há 3 meses
No passado dia 11 de Fevereiro de 2012, Whitney Houston foi encontrada morta na banheira do quarto de um hotel em Beverly Hills. Os paramédicos tentaram reanimá-la, mas sem sucesso. Foi declarada morta em torno das 15h55min, hora local de Los Angeles.

Orquestra Camerata de Luanda e governo da Venezuela organizam Festival de Música Clássica em Angola

há 5 meses
Após regressar aos palcos, no passado mês de Setembro, vindo de um interregno, a orquestra angolana prepara-se para realizar um festival de música clássica, no próximo ano, e que contará com o apoio do governo venezuelano.

A partir de agora filmes angolanos passarão a ser premiados com até 13 milhões de Kwanzas

há 10 meses