Irina Vasconcelos: “As nossas crianças estão a morrer na vossa governação”

Ultimamente, tem sido frequente no seio da comunidade artística angolana manifestações públicas contra o agravamento dos problemas sociais, provocados pela pandemia do Covid-19. Depois de Ndaka Yo Wini, na semana passada, agora foi a vez de Irina Vasconcelos.

A cantora angolana está preocupada com o número de crianças que morrem de fome, mesmo depois da autorização do governo da transferência monetária às famílias vulneráveis através do programa Kwenda, criado para reforçar o combate à fome e à pobreza nas zonas mais impactadas.

“Os 8500, kota? As nossas crianças estão a morrer na vossa governação, fome e desemprego tatuados na velha e nova geração” contestou a artista.

Irina reagia ao passamento físico, na madrugada desta terça-feira (9), da pequena Lúcia Pedro, cujos pais encontram-se desempregados e, segundo notícias, a menina terá morrido por causa da fome, algo que Irina não percebe, uma vez que a ajuda financeira do governo, já foi autorizada.

“É impossível a tranquilidade na morte nem caixão nem canção, ela se foi”, lamentou a cantora, através de uma publicação nas suas redes sociais.

Nos últimos tempos, tem sido frequente a comunidade artística angolana sair à público em protesto contra o agravamento das condições sociais devido a situação causada pelo Covid-19.

as cargas mais recentes

Bú Cherry: Do Kuduro para Kizomba

há 8 meses
A cantora, se apresenta num formato diferente daquele que as pessoas acostumaram-se a vê-la. Nesta nova versão, Bú Cherry demonstra uma grande evolução musical, uma artista multitalentosa, que tenciona “tocar” corações.

Músico Lawilca tenta a terceira

há 1 ano
Sete anos depois do lançamento do seu segundo disco, intitulado “Não sou o mesmo homem”, o músico Lawilca reaparece com o terceiro álbum, com lançamento previsto para este ano.

Taylor Swift oferece o equivalente a 18 milhões de Kwanzas a uma estudante

há 11 meses
A cantora soube da história da estudante Vitória Mario através do site GoFundMe, e decidiu doar o montante que faltava para que a jovem pudesse concretizar o sonho de frequentar o curso de Matemática.

Akon revela planos de construção para segunda cidade futurista inspirada em Wakanda

há 4 meses
Após dar início à construção da primeira `Akon City´ no Senegal, o multimilionário de 47 anos, aproveitou as conexões, arregaçou as mangas e já começou a projectar a segunda `Akon City´ no Uganda e perspectiva concluí-la até 2036.

Oluali Records: A label que promete conectar Angola ao mundo

há 12 meses
O ano 2020 está a ser marcado por várias adversidades a todos os níveis, obrigando os artistas e produtoras a reinventarem-se e a procurarem novas formas de trabalhar. E é neste um contexto que nasce a Oluali Records, uma label que se propõe a prepõe a criar pontes entre Angola e o mundo.

Obras dispersas de Urbano de Castro e David Zé já começaram a ser resgatadas

há 7 meses
Ainda não se sabe sobre o número exacto das músicas a serem resgatadas, mas os países onde encontrá-las estão identificados, incluindo já se começou a resgatar e catalogar as canções de David Zé, cujos rendimentos vão para a família.

Public Enemy anuncia novo álbum

há 11 meses
A banda Public Enemy está de regresso com um novo álbum, cujo alinhamento conta com uma extensa e luxuosa lista de convidados. Com 17 faixas musicais, a obra será publicada ainda este mês.

Arrancam hoje as aulas online de percussão corporal na Fundação Arte e Cultura

há 1 ano
As aulas serão leccionadas online no horário das 15 horas, de segunda a sexta, com Gideão Zumba, professor do Centro Cultural, da Fundação. Durante a formação, os alunos poderão ver módulos como- A bateria e sua história; Constituição da bateria; Como se sentar na bateria; Como controlar as baquetas; Rudimentos e Ritmos para tocar as primeiras músicas e serão demonstradas várias obras para que os alunos possam aprender com facilidade.

Música ‘Old Town Road’ de Lil Nas X agora tem certificado de diamante

há 9 meses
A Associação da Indústria Fonográfica da América (RIAA) anunciou que o hit ‘Old Town Road’, agora foi certificado como Diamante. E é a música mais rápida da história a alcançar a certificação.

Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente lamenta morte de Sarah Maldoror, pioneira do cinema africano

há 1 ano
O Ministério da Cultura, Turismo e ambiente lamenta, em comunicado, a morte, em Paris, por doença, aos 91 anos, de Sarah Maldoror, viúva de Mário Pinto de Andrade, co-fundador e primeiro presidente do partido no poder em Angola.

Rihanna é “cancelada” por fãs muçulmanos

há 10 meses
Durante o último desfile de moda Savage X Fenty, que espelhou mais uma vez a diversidade e inclusão de embaixadores da marca, Rihanna foi criticada por uma das músicas tocadas durante o evento, sendo acusada de estar a se apropriar culturalmente do Islã ao tocar uma versão de um hadith.

Akon investe seis bilhões de USD para construção de uma “Wakanda” no Senegal

há 1 ano
O rapper senegalês Akon garantiu um contrato de USD 6 bilhões, para construir sua cidade temática no Senegal, com objectivo de ajudar no desenvolvimento da sua terra natal.

Nos Alive anuncia reembolso dos bilhetes

há 1 ano
Quem comprou bilhetes para a edição de 2020 do festival anual de música em Portugal “Nos Alive”, adiada para 7 a 10 de Julho de 2021, devido à pandemia, vai poder pedir o reembolso do valor dos ingressos “a partir de 25 de Julho de 2021.

Projecto “Angola 45” aguarda grande espetáculo em Lisboa com edição de um álbum

há 9 meses
O “encontro da liberdade” visa celebrar a nossa independência. Além de Bonga, participam ainda Yola Semedo, Don Kikas, Eduardo Paim, Kyaku Kyadaff, Mago de Sousa, Klaudio Hoshai, Hélvio e instrumentistas como Carlitos Xiemba, Galiano Neto, Betinho Feijó, entre outros.

Documentário reapresenta Reino do Kongo na óptica africana

há 1 mês
Nas palavras do autor Ne Kunda Nlaba, o filme não ficcional chega para “desconstruir” tudo o que nos foi ensinado sobre o Reino do Kongo, intitula-se “Reino do Kongo: Em busca do reino destruído” e vai estrear no próximo sábado, dia 26 de Junho, na Mediateca de Luanda.

Paulo Flores na lista dos curadores da Apple Music

há 1 ano
Paulo Flores faz parte da limitada lista de músicos africanos convidados pela Apple para curadoria da playlist do aplicativo Apple Music. Disponível desde hoje, a lista de reprodução de Paulo Flores inclui músicas de artistas como Franco, Tubarões, Carlitos Vieira Dias e André Mingas.