Jay-Z torna-se o artista com mais indicações na história dos Grammys

O rapper acumula um total de 23 troféus e é agora o mais indicado de todos os tempos na história dos Grammys, ultrapassando Quincy Jones, com quem dividia a liderança de 80 indicações duarante anos.

Apesar de não ter lançado álbum este ano, JAY-Z está mais activo revelou-se este ano mais presente na indústria cultural, aparecendo com três indicações aos Grammys do próximo ano, o  que colocam no primeiro lugar da história das premiações.

De acordo com dados do Rap Mais, os trabalhos com Kanye West, DMX, Drake, especialmente a participação na faixa “Jail” e na canção “Bath Salts” de DMX, colocaram o músico e empresário na posição número 1 em todas as indicações ao GRAMMY.

O veterano Quincy Jones não foi nomeado este ano, embora tenha contribuíro para o álbum de Jon Batiste, este que, por sua vez, recebeu o maior número de indicações neste ano, entre todos os nomeados.

Outro realce vai para Paul McCartney, que ultrapassou Beyoncé no segundo lugar da história das nomeações, com duas indicações, nas categorias de rock, somando agora 81 indicações, e Beyoncé não foi indicada este ano.

as cargas mais recentes

A playlist de eleição de Luísa Damião em 2020

há 2 anos
Ano 2020 está no fim e chegou o momento, em várias áreas, de cada um indicar os melhores do ano. Sendo a Carga uma revista de música e natural apresentarmos os temas preferidos de algumas figuras durante o ano.

Capicua celebra 10 anos do seu álbum de estreia em concerto

há 12 meses
No passado dia 13 de Fevereiro, o álbum homónimo da cantora completou uma década desde que foi apresentado ao público. Para celebrar os temas que marcaram o seu percurso, a rapper vai, nos dias 25 de Fevereiro e 4 de Março, apresentar-se em concerto no Plano B (Porto) e Music Box (Lisboa) respectivamente.

Soulja Boy compra briga com lutadores após afirmar que o “Rap está mais falso que o WWE”

há 2 anos
O facto é que a troca de Twittes ofensivos não determina que a rivalidade vai se desenrolar futuramente, mas os lutadores não descartaram uma luta corpo a corpo se Soulja Boy não for cuidadoso.

“Tá a bater” volta às telas amanhã

há 3 anos
Após um interregno em virtude do actual estado de emergência, o “Tá a barter” estreia, a partir deste fim-de-semana, uma nova temporada que será marcada por duas horas de emissão, em directo, e com novas rubricas.

Banda Maravilha: “O Semba goza de boa saúde”

há 3 anos
Fundada em 1993, a Banda Maravilha é uma das formações musicais mais profissionais da actualidade. Sua musicalidade é caracterizada pela mistura dos instrumentos tradicionais do Semba com os modernos. Em entrevista à Carga, explicam as participações de Irina Vasconcelos, Livongue e Karina Santos no novo álbum e fazem uma breve análise sobre o actual estado do Semba.

Novas revelações sobre o Pantera Negra 2

há 6 meses

Nazarina Semedo se reinventa para atingir mercado internacional

há 3 anos
Não se pode falar de back vocals em Angola sem mencionar o nome de Nazarina Semedo. A cantora também leva a carreira a solo e já lançou dois CDS, só que mais tarde foi forçada a ausentar-se do mercado. Agora, regressa com a produtora MTC, traz um novo estilo de música e apresenta projectos focados ao mercado internacional.

Netflix lança teaser do documentário sobre Kanye West

há 1 ano
Seis meses após noticiarmos que um documentário sobre Kanye West vem sendo produzido há duas décadas, a Netflix confirmou o facto com o lançamento do teaser e divulgação do título, Jeen-Yuh.

Spotify lança plataforma que permitirá valorizar o compositor, produtor e editoras

há 2 anos

Nucho: “É muito estranho não termos agências que consigam apanhar um artista do anonimato e fazê-lo crescer”

há 2 anos
“O que se vê nas nossas produtoras é que, basicamente pegam artistas que já estão feitos e que já têm fama na rua e depois apenas metem mais algum combustível. E também sinto que falta um bocado de originalidade. Acho que poderíamos ter artistas mais ousados. resumindo, acho que temos uma cultura saudável, acho que temos muito talento, mas acho que falta um bocado de coragem e abertura e limar algumas arestas para atingir o nível seguinte, como o da Nigéria ou da África do Sul, não só na gravação das músicas, mas essencialmente nos espectáculos ao vivo que proporcionamos ao nosso público, acho que os nossos espectáculos ainda deixam muito a desejar”.

Babu Santana: “Tenho muita curiosidade de conhecer Angola, e de chegar no meu ancestral africano”

há 3 anos
A presença marcante de Babu Santana na última edição do reality show despertou a atenção e curiosidade dos internautas sobre os pontos de vista relactivos a “pretitude”, tal como o próprio o diz, e às questões relaccionadas a identidade cultural dos povos negros que habitam o Brasil. Babu defende a necessidade de se conhecer o percurso da ancestralidade para a afirmação dos povos: ”hoje eu tenho um projecto pessoal que é fazer a pesquisa da minha ancestralidade”, afirmou. Uma vez ter conquistado a simpatia de muitos telespectadores do canal Globo, quer pela participação exitosa no BBB20, bem como a interpretação de Jacinto em ’Novo Mundo’, Babu Santana concedeu uma entrevista de abordagem variada onde manifesta o interesse de trabalhar em Angola.

Kanguimbo Ananás promete honrar memória de Nagrelha em livro

há 2 meses
Kanguimbo Ananás, madrinha e conselheira de Nagrelha desde o tempo em que o músico “lutava” para romper os estereótipos culturais e o padrão de firmamento imposto no mercado angolano, recordou as vivências com que tive com o kudurista. “O Nagrelha era um homem romântico, porque eu frequentava a casa. Continuarei a honrar a sua memória”, tal como já tenho feito, disse, sublinhado que o artista era uma grande pessoa.

DJ René Bombástico desafia quatro vozes do Rap feminino angolano

há 3 anos
O DJ e produtor juntou as vozes representativas do rap feminino nacional num único projecto musical. A obra é o protótipo do terceiro álbum do disc jockey intitulado ‘Ideias Malucas Vol. 3’.

Artistas poderão registar obras em Angola a partir de Maio

há 3 anos
A Sociedade Angolana dos Direitos de Autor (SADIA) apresenta no dia seis (6) de Maio a sua plataforma online, onde os artistas poderão registar as suas obras e protegê-las da pirataria e não só.

Vado Poster: De bate-chapa a principal referência do Afro House da actualidade

há 12 meses
Vado Poster integra a geração vanguardista do Afro House e é hoje uma das principais referências do estilo em Angola. Com uma carreira já coroada de êxitos, o DJ e produtor prepara-se para colocar a sua primeira obra discográfica no mercado.

WU-TANG CLAN leva “36 Chambers” ao Brasil em Abril

há 3 anos