Kazuza, o Dj que virou “contador de sonhos”

Da sua versatilidade saíram dois álbuns, um dos quais com participações de Daboless, Mister K, Dr. Romeu e Jay Lourenzo, mas é com mesa misturadora que Djkazuza quer atingir o apogeu. Na música há dez anos, o deejay apresenta-se como um dos principais promotores da música eletrónica no país.

Com várias estórias para contar, já se estabeleceu como dj, cantor e compositor e, durante o seu percurso artístico, produziu dois álbuns nos estilos R&B, Soul e Afro House, com predominância para o Rap. Como dj, teve passagem em palcos com Black Coffee e vários festivais em angola.

À Tudo isso, acrescenta-se as habilidades radiofónicas. É locutor de um programa de rádio, o Hip Hop Está Vivo, exibido todos os domingos na Rádio Cazenga. Em entrevista à Carga, o disc jokey apresenta o potencial e fala sobre o seu mais recente trabalho “Contador de Sonhos vol.2”

É dj, canta Rap, Soul e R&B, além de apresentar um programa de rádio.  O meu maior desafio como artista é poder mudar a vida das pessoas com a arte; poder mostrar às pessoas que é possível, principalmente para quem é do gueto. Quero fazer perceber que nós também podemos ser e chegar lá.

Diferente do primeiro, o segundo álbum apresenta uma variedade de estilos. Que tipo de mensagens quer transmitir com isso?
Lancei sim o Djkazuza: Contador de Sonhos vol.2 totalmente diferente do vol.1. Trago uma sonoridade e uma musicalidade muito diferente, tive produções do Artistic Soul, produtor dá África do Sul; o Total Bio, do Congo, Lil Jorge entre outros. Como sempre, eu conto sonhos de pessoas ou histórias de gente que gostaria de contar e não conta eu trago temas que ajudam as pessoas a se encontrarem e mudarem de ideia sobre alguma situação.

Pelo que contou, vê-se que é um artista versátil. Até onde vão os seus limites na música?
Não tenho limite, mas… sim, tento fazer uma leitura do tipo de actividade, porque nem todas as músicas são para todas as actividades.

Como é que começa a sua “aventura” e se tivesse que escolher com que ficaria?
Nasci para isso, ou melhor, a música é quem me escolheu. Tudo porque o meu irmão Leleco ficava a ouvir música em casa e fui ganhando gosto por ela, mas ela já vivia em mim só faltava um impulso para se manifestar. Mas ficaria com o lado de dj, porque, na mesma, vou lidar música.

Que memórias guarda de quando começou a carreira?  
O meu primeiro salário: 10 dólares que troquei e dividi para a minha mãe e meu pai, o resto comprei algumas coisas para mim é comprei também discos.

Ser convidado para tocar no Big Brother Angola-Moçambique, que aconteceu na Africa do Sul, onde fui um dos melhores dj que passou na casa e fui convidado a ficar durante uma semana, até o final do Big Brother. Normalmente, os dj só tocam dois dias-sábado e domingo- e voltam para o seu país. Eu toquei quatro e fiquei mais uma semana até o final do concurso e isso nunca esqueço.

Partilhou a mesma música com nomes com Djeff Brown, EC, Jay Lourenzo. Que outras referências gostaria de cantar?
Tem muitos artistas que eu gostaria de trabalhar, mas minhas músicas surgem num processo muito estranho e natural. Tudo depende muito da energia do artista. Eu acredito muito no poder da energia que cada um tem. Mas, falando de um artista, seria o NGA. Nós falamos, mas nunca lhe disse isso. Era um segredo que eu escondia e ele vai ficar a saber.

Que projectos programou para o próximo?
É segredo. Tenho uma para o próximo ano, só sei que as pessoas não vão entender nada. Será algo diferente do Contador de Sonhos. Será uma abordagem diferente das letras até dos beats.

Durante esses anos todos de actividade, que experiências lhe mais marcaram?
A pior tive um acidente de carro quando ia tocar numa festa foi uma situação muito difícil para mim, fiquei quase dois anos afastado de tudo mais graças à Deus conseguimos voltar.

as cargas mais recentes

Dr. Dre diz que redes sociais destroem a mística da música e dos artistas

há 11 meses
Dre foi mais longe ao afirmar que, se estivesse no início de carreira, talvez odiasse as redes sociais, por elas destruírem a mística, que é a principal característica da música. “É prazeroso esperar o que está por vir”, disse.

João Lourenço felicita projecto “Live no Kubico”

há 9 meses
Durante o Live da dupla Gabriel Tchiema e Mito Gaspar, referente ao projecto “Live no Kubico”, da TPA, uma mensagem centralizou as atenções. Na sua página no twitter, o Presidente da República de Angola, João Lourenço, elogiou o projecto e felicitou os organizadores por “manterem viva a nossa cultura”.

Amostra colectiva `Expansão de Mentalidades´ é inaugurada amanhã na Galeria Tamar Golan

há 3 meses
Os artistas angolanos Ananias, Cris, Rafa, Lord Cave e Neemias vão apresentar-se na Galeria Tamar Golan com “Expansão de Mentalidades”, uma exposição colectiva a inaugurar na próxima sexta-feira, dia 8 de Janeiro de 2021, pelas 18 horas.

Keanu Reeves pode ser o próximo Wolverine

há 11 meses
Uma foto de Keanu Reeves, nas “vestes” de Wolverine, deixou eufóricos os fãs da saga X-Man e mais ainda os da Marvel, uma vez que o personagem agora pode fazer parte dos filmes da Marvel.

Após comunicar que testou positivo para o Covid-19, Lizha James tranquiliza fãs

há 7 meses
Lizha voltou a recorrer às redes sociais para informar que o empresário Bang (seu marido), e a sua filha testaram negativo para o novo coronavírus.

“Pagam para os nossos vídeos não passarem nas televisões”,

há 2 meses

Live de Marília Mendonça bate recorde mundial 3,2 milhões de espectadores em simultâneo

há 12 meses
A cantora celebrou o recorde com um post no Twitter com a foto do exacto momento em que atingiu a marca de 3,2 milhões de views, superando o recorde mundial do Youtube anteriormente conquistado pela dupla Jorge e Mateus com 3,1 milhões.

Dinheiro da FIFA já está em posse da Federação Angolana de Futebol

há 8 meses
Dos valores 216 mil dólares serão entregues às associações desportivas das 18 províncias e servirá para assistir e aliviar os efeitos do Covid-19.

Hip Hop Tuga se veste de camisolas desportivas

há 11 meses
A comunidade Hip Hop Tuga conta desde esta semana com uma marca de T-shirts desportivas, que representam álbuns de Rap. A iniciativa de um jovem designer gráfico já recebeu reacções positivas dos rappers.

Luan Santa assina com a Sony Music: “Quero conquistar o mundo”

há 2 meses

Tropa Yogaa apresenta último vídeo da saga “Tá Rebolar”

há 6 meses
No próximo sábado, a dupla vai apresentar o último dos três videoclipes do novo projecto “Tá Rebolar”, um projecto em que pretende provar que é muito mais fácil combinar o fisioculturismo à música e à dança.

Já em contagem decrescente, show dos Versáteis é aguardado com enorme expectativa

há 8 meses
Os Versáteis continuam vivos e sabe-se que vão protagonizar, amanhã uma grande apresentação na televisão pública de Angola.

Petro “rouba” Aníbal ao 1º de Agosto

há 8 meses
O Petro de Luanda garantiu a contratação do técnico Aníbal Moreira, que até a semana pertencia ao quadro técnico do 1º de Agosto, num contrato válido por quatro anos.

Morreu Serginho Trombone

há 1 ano
O artista era tido como um dos instrumentistas mais importantes da Música Popular Brasileira.

`Ar Condicionado´ chega às telas angolanas

há 11 meses
O filme angolano `Ar Condicionado´ foi seleccionado para o `We Are One: A Global Film Festival´, festival de cinema online gratuito em todo mundo através do youtube, de 29 de Maio a 7 de Junho.

Kalibrados actuam amanhã no `Notas Soltas´

há 5 meses
O evento que acontece habitualmente às quartas, vai excepcionalmente realizar um “Brunch Edition”, em vésperas do dia da Dipanda cujos convidados são os Kalibrados.