Lawilca almeja voltar ao auge

Lawilca já esteve no top do Hip Hop e R&B. Em 2005, depois de conquistar grande popularidade com o seu primeiro álbum “Se Diamé”, decidiu sumir para voltar a aparecer em 2014 com o CD “Não Sou o Mesmo Homem”. Desta vez reaparece reestruturado com novos estilos musicais e quer voltar a estar no auge.

Passaram-se seis anos desde que lançou “Não Sou o Mesmo Homem”. Quer justificar o seu regresso?

Sempre estive presente na música indirectamente, mas devo responder o que me fez afastar directamente da música foram as responsabilidades.

Encontrou o mercado mais forte ou mais fraco? 

Encontrei um mercado concorrido e aberto a novas gerações, com novos estilos musicais e artistas super versáteis. 

Em que aspectos esta mudança do mercado poderá influenciar nas suas abordagens?

Hoje como músico e produtor consigo estar em vários estilos e enquadrar-me neste novo contexto.

O quê que vai caracterizar esta nova fase da sua carreira? 

Gosto de surpreender os fãs. 

Sabe que parte de seus fãs o terão esquecido e será obrigado a dividir o público jovem, muitos dos quais estão acostumados com músicos da nova geração. Acha que conseguirá algum espaço?

Seria o mesmo que perguntar se os fãs escutam Prince na era de Justin Bieber (risos).

Eu penso que a música quando é boa, e marca uma época ou uma determinada geração, esta não é esquecida. Logo, cabe a minha geração (fãs), no qual acredito já terem constituído família, passarem testemunho a esta nova geração.

Havia agendado o lançamento de um novo CD para marcar o seu regresso. Onde o colocou?

Hoje com a nova forma de viver a melhor maneira em lançar um novo álbum será nas plataformas digitais. Tenho estado a pôr no mercado as músicas promocionais “Valores Psicólogo do Amor e Tentação”, sendo que estas estão disponíveis nas redes sociais.

É um álbum onde experimenta géneros como Guetho Zouk, Afrobeat e Kizomba. A que se deveu a mudança? 

Ao novo contexto actual do mercado, sendo estilos que também acabam por me identificar, sempre fiz para vários artistas e produtores, não esquecendo a minha essência em termos de estilo. Por outra, trago várias colaborações: Don Jaga e Mikell.

as cargas mais recentes

13 anos depois Celina Miranda regressa à música para deixar um legado

há 1 ano
Após ter sido considerada “o fenómeno de 2007”, por causa da obra discográfica ‘Angolano’, nunca mais se ouviu falar de Celina Miranda. Passados 13 anos, a cantora reaparece à Carga com uma nova música intitulada “Je t´aime” e quer fazer história.

JLO felicita músicos angolanos

há 1 ano
O Presidente da República, João Lourenço, felicitou, neste domingo, os músicos angolanos por ajudarem a população, com a realização de shows live, a suportar a solitude do confinamento social imposto pela pandemia da covid-19.

Geração 80 lança playlist para ouvir durante o Isolamento social

há 1 ano
A ideia é partilhar diferentes trabalhos que mostram a diversidade de produção e de parceria com artistas angolanos.

DJ Malvado e Nelo Paim juntam-se em homenagem a André Mingas

há 1 ano
Trata-se de uma música em tributo ao falecido músico angolano André Mingas, figura importante e incontornável na cena musical de língua portuguesa. Intitulada `Amingas´, o tema foi lançado hoje em todas as plataformas digitais.

Shakira quebra o silêncio e reaparece em grande estilo

há 3 meses
Após o jejum de pouco mais de três anos, a cantora regressou, esta sexta-feira, em grande com ‘Don’t Wait Up’, single cujo clipe já ultrapassa 4 milhões de vizualizações no YouTube.

Artista recebe ameaça de morte após sua música tocar no desfile de Rihanna

há 2 meses
Apesar de um pedido público de desculpas de Rihanna, após a repercussão, a lesada está a processar a marca Fenty e afirma que foi forçada a se esconder por causa das constantes ameaças.

Banda Maravilha: “O Semba goza de boa saúde”

há 1 ano
Fundada em 1993, a Banda Maravilha é uma das formações musicais mais profissionais da actualidade. Sua musicalidade é caracterizada pela mistura dos instrumentos tradicionais do Semba com os modernos. Em entrevista à Carga, explicam as participações de Irina Vasconcelos, Livongue e Karina Santos no novo álbum e fazem uma breve análise sobre o actual estado do Semba.

Bobby Brown quebra o silêncio após morte do filho

há 11 meses
Em comunicado, citado pela imprensa internacional, o músico pediu para rezarem pela família: “Por favor, mantenham a minha família nas vossas orações neste momento”.

16 anos de “Artes ao Vivo”

há 2 anos
A efeméride é marcada com uma exposição online que imprime a historiográfica do projecto, bem como um debate entre Lukenny Bamba e Kool Klever, cujo tema será a “Existência, persistência e a criação do Artes ao Vivo”, amanhã, a partir das 14 horas no Eclético FM.

‘Lose Yourself’ de Eminem atinge 1 bilhão de escutas no Spotify

há 8 meses

Young Buck explica os verdadeiros motivos e a génese da destruição da G-Unit

há 10 meses
Young Buck, ex-membro da G-Unit, decidiu abrir as copas e revelou que os verdadeiros motivos da destruição do grupo foram a demissão de Sha Money XL, o agente do grupo na época.

Músico Lawilca tenta a terceira

há 1 ano
Sete anos depois do lançamento do seu segundo disco, intitulado “Não sou o mesmo homem”, o músico Lawilca reaparece com o terceiro álbum, com lançamento previsto para este ano.

Cantor de 12 anos ganha contrato milionário por fazer a cappella durante protestos

há 1 ano
Keedron Bryant ficou conhecido por se destacar durante os protestos anti-racismo nos Estados Unidos da América. Um dia depois da morte de Floyd, o adolescente fez a cappella no Instagram de uma musica sua e, menos de três semanas, a canção gospel atingiu mais de três milhões de visualizações, obrigando a Warner Record’s a contratá-lo.

CNU-Angola concede oportunidades de emprego a Especialista do Sector Cultural

há 4 meses
Com uma periodicidade anual, os candidatos bem-sucedidos darão, assim, início a uma entusiasmante carreira na UNESCO.

10 anos depois Diff regressa ao game para revolucionar o Rap

há 1 ano
É dos rappers mais modernos da actualidade e só não deu cartas porque esteve dez anos fora do mainstream, mas, está de volta e desta vez com um EP de 4 faixas musicais, incluindo os respectivos vídeoclips. Além da obra, o músico preparou uma “bomba” com Anselmo Ralph e fala à Carga sobre o seu regresso.

Luso resume problemas intra-familiares em álbum de Rap

há 6 meses
A obra intitula-se “Laços de Família” e será lançado em formato físico e digital em Junho e Dezembro deste ano. É um retrato dos principais problemas vividos nos lares africanos assolados por brigas e influências sociais.