Lenda do Jazz sul africana será enterrada com honras de chefe de Estado

Jonas Gwangwa foi um trombonista e compositor sul africano, cuja música impulsionou a luta contra o apartheid. A lenda do jazz morreu este sábado aos 83 anos por implicações cardíacas.

 O lendário músico já foi indicado ao Oscar pelo tema musical do filme “Cry Freedom”, de 1987. Gwangwa era tido como o gigante do movimento cultural revolucionário e das indústrias criativas democráticas da África do Sul.

O presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, orientou que se fizesse homenagens ao gigante da música sul africana.

“Trombone que vibrou com ousadia e bravura, e igualmente aqueceu os corações com a melodia suave”, disse Ramaphosa.

De acordo com o filho do, Gwangwa morreu de complicações cardíacas. O renomado trombonista perdeu a vida duas semanas depois da morte da sua esposa.

as cargas mais recentes

Vanda Pedro: “O teatro é ciumento, precisas de tempo para viver e aprender intensamente”

há 1 ano
“Uma mulher de acção e artista de grande potencial”, é como quer ser lembrada a profissional de 38 anos de idade, 25 dos quais dedicados a arte da representação. Uma trajectória que nas palavras de Vanda, foi pautada por muita intensidade entre “choros e risos” que, será imortalizada no livro.

Partiu para a eternidade Jacob Desvarieux

há 1 ano
O guitarrista e fundador da banda antilhana Kassav, Jacob Desvarieux, de 65 anos, morreu nesta sexta-feira vítima de covid-19, num hospital universitário de Guadalupe, anunciou a produtora do grupo.

Rihanna pode finalmente estar a preparar o seu retorno musical

há 1 ano
A espera de cinco anos, pode finalmente estar a chegar ao fim, quem o diz é o jornal The Sun, que noticiou com exclusividade que Rihanna contratou recentemente o director britânico Raja Virdi, para gravar um novo videoclipe em Julho.

Toty Sa’med

há 3 anos
Parece ter chegado o momento de Toty Sa’med brindar os fãs com um álbum, depois de um percurso de mais de 10 anos.

Jay-Z e dono do Tweeter criam fundo Bitcoin para ajudar África e Índia adoptarem a criptomoeda

há 2 anos

Tina Turner despede-se da vida pública:” Não foi uma vida boa”

há 2 anos

Ndaka Yo Wini lança críticas à governação

há 2 anos
Ndaka Yo Wini destaca-se por transpostar para os maiores palcos de Jazz fusões do género tradicional “Lundongo no Luandu” com o Jazz e o Bossa Nova. Na manhã desta sexta-feira, o músico mostrou-se indignado pela forma como o povo é governado.”a vossa velha ignorância não pode continuar a transpor a condição humana”, continuou.

BET Awards 2021 anuncia tributo especial para o lendário rapper DMX

há 1 ano
O tributo que teve a curadoria do produtor Beatz, amigo de longa data de DMX, também incluirá uma performance de uma nova canção do álbum póstumo de X, Exodus, que foi lançado pela Def Jam Recordings em 28 de Maio.

Álbum de Paulo Flores e Prodígio é o 23° Melhor Álbum de Portugal

há 2 anos
Bênção e a Maldição foi lançado em Novembro deste ano e ocupa o vigésimo terceiro lugar na lista dos melhores álbuns de Portugal lançados em 2020, numa selecção de 50 trabalhos, de acordo com Blitiz.

Novo álbum de Dj Khaled já está disponível e traz participações de Nas e Jay-Z

há 1 ano
Oficialmente disponível desde hoje, “Khaled Khaled” comporta 14 faixas musicais. O famoso dj lançou seu 12º álbum sem um single principal e quase sem aviso prévio.

Carlos Ruiz Zafón, um dos mais lidos da literatura espanhola, morre aos 55 anos

há 2 anos
A notícia sobre a morte do escritor catalão foi confirmada esta tarde através do Twitter do autor. Carlos Ruiz Zafón, autor de obras como “O Jogo Do Anjo” e “A Sombra do Vento” lutava há dois anos contra um cancro, em Los Angeles.

Supergroup Mount Westmore anuncia data de lançamento do 1° álbum

há 4 meses
O Supergroup Mt. Westmore fez a sua estreia pública com uma actuação no ‘Triller Fight Club’, no passado dia 17 de Abril de 2021, com o primeiro single colaborativo “Big Subwoofer”. Passado um ano, o quarteto old school, confirmou o primeiro primeiro álbum para o dia 7 de Junho, terça-feira, mas não adiantou detalhes sobre a obra.

Num dia como hoje, há 10 anos, Whitney Houston partia para a eternidade

há 8 meses
No passado dia 11 de Fevereiro de 2012, Whitney Houston foi encontrada morta na banheira do quarto de um hotel em Beverly Hills. Os paramédicos tentaram reanimá-la, mas sem sucesso. Foi declarada morta em torno das 15h55min, hora local de Los Angeles.

Fã de 10 anos pede batalha de bateria a Dave Grohl dos Foo Fighters

há 2 anos
Nandi Bushell, de 10 anos, pediu um desafio de bateria a Dave Grohl, músico de 51 anos da banda de Rock Foo Fighters. A batalha foi aceite e durou 30 segundos.

Influência de Liceu Vieira Dias e os Ngola Ritmos na música popular angolana é retratada em documentário

há 2 anos
No mês de Novembro, o canal ZAP Viva celebra a independência de Angola com a exibição de documentários com o foco na sua herança cultural, e dia 4 de Novembro a partir das 21:30, poderá acompanhar “O Lendário Tio Liceu e os Ngola Ritmos”.

Quarteto Fantástico apresenta “tour Palavras, palavrinhas, PALAVRÕES para voz”

há 11 meses
A Art Sem Letra informa que o Quarteto Fantástico da poesia falada em Angola, regressa aos palcos quatro meses depois com mega tour Palavras, palavrinhas, PALAVRÕES para voz, nos dias 05, 13, 20, 26 de Novembro e 02 de Dezembro, no Camões, Casa da Juventude, Casa Rede, Zap Cinemas e Centro Cultural Brasil Angola, todos os espectáculos às 18 horas. Nas palavras dos protagonistas, “a tuor é resultado da reflexão de que as palavras são coisas vindas da boca e outras vindas do papel… os olhos e os ouvidos podem não concordar, mas insistimos. No papel as Palavras são sempre PALAVRINHAS já vindas da boca são PALAVÕES. Porque a voz lhe dá tamanho, a voz não tem a obrigação de economizar como as gráficas Conforme Fernando Carlos, um dos rostos do grupo “PALAVRÕES não é um espetáculo de PALAVRAS e PALAVRINHAS obscenas ou pornográficas… Não vamos sujar a boca nem envenenar ouvidos. PALAVÕES é uma matemática gramatical que nós decidimos experimentar aonde várias PALAVINHAS somadas umas com as outras resultarão em PALAVRAS energéticas, provocadoras, aliciantes e analgéticas como os verdadeiros PALAVRÕES” Com passagem nas principais salas de espetáculos de Luanda, o grupo Spoken Mais, formado por Irene A mosi, Fernando Carlos, Nzola Kuzidíua e Willi Ribeiro, encontra nesta tour de cinco (5) noites de poesia e performance a oportunidade ideal para fechar o ciclo que teve início à 26 de Fevereiro ano de 2021 de um projecto que redefiniu a poesia como um meio de atuação e cria um mundo onde a arte da palavra faça parte da vida diária e seja apreciada por todos e todas. Kiaco Zambo, produtor executivo do evento, falou para os nossos microfones que a “TOUR PALAVRÕES” é mais uma iniciativa inédita da Agência Criativa Art Sem Letra, que tem de forma constantes apresentar projectos de encher os olhos. “Teremos uma das melhores ou se não a melhor experiência artística em um espetáculo de poesia e performance produzida em Angola com várias razões para com solidar a poesia falada. O evento é uma produção da Art Sem Letra, Agência Artística e Criativa, educacional e sustentável, centrada na economia criativa com objectivo de ligar e libertar mentes por meio da arte.