Manifestação de sábado divide classe artística: “Sou figura pública e não vão me ver na rua desta forma”

No seio da classe artística as opiniões divergem quanto à manifestação deste sábado, que visou exigir ao governo angolano soluções para o elevado índice de desemprego entre os jovens.

Depois das imagens difundidas nas redes sociais sobre o caos instalado horas antes da marcha dos cerca de 2500 cidadãos, que pretendiam sair do Cemitério da Sant’Ana para o largo 1.° Maio, as opiniões dos músicos não se fizeram esperar.

Laton dos Kalibrados, por exemplo, não concorda com a forma como as reivindicações são feitas. O rapper foi decisivo nas declarações, dizendo que não apoia.

“Eu sou figura pública e não vão me ver na rua desta forma… Eu não apoio. Eu vou dar a cara e corpo por Angola, mas não assim. Eu sei que há outras formas de conseguir o que queremos”, disse.

Diferente das anteriores, a manifestação deste final de semana acabou por sensibilizar mais músicos nas redes sociais. Mas, se por um lado, Anselmo Ralph, Ndaka Yo Wini, Eva RapDiva, Preto Show, Yannick Afroman, Irina Vasconcelos, Nsoki apoiam as reivindicações, por outro, há quem não concorda.

Á sua maneira, Kid MC lembra que o músico tem o seu papel social. Para o rapper, o artista não é obrigado a sair às ruas porque, critica, até os principais apoiantes da marcha ficaram em casa.

“Não nos apontem o dedo, porque não fomos nós que roubamos o dinheiro”, lembrou Kid MC.

Contudo, Anselmo Ralph discorda. O autor de “A Dor do Cupido” pensa que a “coragem de poucos irá beneficiar a todos, essa é a verdade”. Já Preto Show promete marchar, também, nas próximas manifestações.

“(…) chorei por não ter ido à manifestação lutar para contribuir para a mudança do país. Há muita fome e miséria no país. Estou preparado para lutar convosco em todo o lado”, disse o músico.

as cargas mais recentes

Alicia Keys: “Era suposto me tornar prostituta”

há 6 meses
Alicia Keys deu uma entrevista ao jornal britânico The Guardian, onde destacou algumas das suas próprias canções e inspiração para alguns sucessos, assim como a possibilidade de se tornar prostituta.

Poeta Momentâneo apresenta projecto de fusão de Rap e poesia declamada

há 5 meses
A estética da palavra associada ao ritmo já é descrita como Rap. O “Fusionismo” resulta da combinação entre a poesia declamada, a música e o desempenho, afirma o “seu criador” Poeta Momentâneo.

Joker: Joaquin Phoenix em negociações para protagonizar mais dois filmes

há 6 meses
Fontes próximas das negociações, citadas pelo britânico “Mirror”, dão conta que o actor está a negociar dois possíveis novos filmes envolvendo a personagem -e a confirmar-se será mesmo o contrato mais bem pago da carreira do actor.

Playlist de Mara D’Alva em 2020

há 2 meses
A radialista Mara D’Alva enviou-nos a sua playlist de 2020, onde constam os seus temas preferidos, ou sejam as músicas que mais ouviu este ano.

`Placa do Naná´ chega ao Sambila

há 3 meses
Dois meses após a inauguração da primeira dependência, localizada no Kilamba, mais propriamente no KK 5.000, o Spot mais democratizado da actualidade chega ao Sambizanga, município do qual Nagrelha é oriundo.

Do piano aos instrumentos de sopro: Adimaldo, o autodidacta que Tok’Aki

há 3 semanas

Lady Gaga revela que por pouco quase tirou a própria vida

há 5 meses
A cantora falou sobre um período difícil e de profunda depressão por que atravessou. Afirmou que odiava o seu alter ego, e pensou diversas vezes em tirar a própria vida. O apoio de Elton Jonh e de Ariana Grande foram fundamentais.

NGA: “Nós não somos um grupo. Somos uma universidade que forma niggas”

há 3 meses
O músico está neste momento em estúdio a preparar o próximo álbum, obra da qual extraiu duas das três faixas lançadas em Novembro. Em entrevista à Carga, NGA falou dos projectos seus filantrópico para Angola, sonhos, e dos artistas angolanos com os quais gostaria de ter participações.

Ivete Sangalo e Cláudia Leite acusadas de apropriação cultural

há 7 meses
As acusações foram feitas por Maicon Rodrigues, o actor brasileiro publicou um longo texto afirmando que mulheres brancas tentam tomar o lugar de negros na indústria da música, “duas pessoas brancas levam o nome da música axé no Brasil e são chamadas de ‘rainhas’”. Na mesma ocasião, Anitta também levou por tabela, sendo apontada como intriguista.

Linkin Park: Reeditam “Hybrid Theory”, 20 anos depois do lançamento

há 5 meses
Ao longo de hora e meia de conversa Mike Shinoda, Brad Delson, Dave Farrell e Joe Hahn responderam a questões oriundas dos quatro cantos do mundo – da Tailândia e Indonésia aos Estados Unidos e Austrália, passando por Portugal – e falaram especialmente sobre o álbum que deu início ao percurso dos Linkin Park.

Cantor de 12 anos ganha contrato milionário por fazer a cappella durante protestos

há 9 meses
Keedron Bryant ficou conhecido por se destacar durante os protestos anti-racismo nos Estados Unidos da América. Um dia depois da morte de Floyd, o adolescente fez a cappella no Instagram de uma musica sua e, menos de três semanas, a canção gospel atingiu mais de três milhões de visualizações, obrigando a Warner Record’s a contratá-lo.

DJ Nelasta: “Sofri bloqueio do DJ Malvado”

há 11 meses
Durante um “live” (conversa ao vivo nas redes sociais), terça-feira, o Dj Nelasta afirmou que foi bloqueado pelo DJ Malvado, para não tocar na festa da “Bohemia”, alegando que não tem estrutura para o efeito.

House Dance, o improviso perfeito

há 10 meses
Afro-house é frequentemente comparado ao estilo Kuduro, pela sua forma de expressão, movimentos e ritmos. Podemos dizer que na classificação de dança, o Afro-house é um grupo de dança mais abrangente e engloba o Kuduro e outros estilos de dança africana, sendo o Kuduro daça especificamente angolana e tem as suas características diferenciadoras.

Mestre Kapela é homenageado hoje no Sete & Meio

há 3 meses
Realiza-se hoje, a partir das 16 horas, uma exposicão e mesa redonda em homenagem a Mestre Kapela -in memoriam-, no Sete & Meio Bar Galeria. Denominada “Na capela do Kapela”, o encontro visa memorar o legado do Mestre da espiritualidade da arte nacional.

Já está disponível a obra “Ressurreição” de Helena Dias

há 2 semanas

Idoso de 100 anos arrecada o equivalente a 30 mil milhões de Kwanzas ao cantar uma música

há 10 meses