Mi Mosquito: “ Uns preferem assinar com quem já é consagrado, eu não. Senão, o projecto é do artista e tem apenas o meu financiamento”

Imagem: João Victor

O comprometimento de Mi Mosquito com a música já não é algo de que se espera contar, basta ver a forma como o empresário leva “pelas costas” a nova geração. Nas suas mãos, passaram várias gerações. A música para Mi deixou de ser um simples negócio e passou a ser algo mais pessoal. Para sustentar esse gosto, fundou a Milionário Records, empresa com várias subsidiárias e que actua no ramo da música.

Dentro da Milionário Records, encontram-se a Fantástico Records, a Milionário Gospel, Milionário Eventos e daqui algum tempo vai nascer a Milionário Film, que se dedicará a produção cinematográfica. A produtora tornou-se numa casa de oportunidade de vários talentos. Congrega vozes emergentes como Tennaz, Alice Júlio, Liriany, Mister H, Ngoma, Mónica, Bú Cherry, NGM, Yci Water, Soldier e Beto, um produtor talentoso de 14 anos.

“Não sou um investidor em artistas com base em pagar e já está. Eu vou mesmo ao estúdio, e fico a ouvir, e dou opinião. É mesmo uma envolvência nisso. Aí eu sinto que o projecto é nosso”.

Mi Mosquito: “ Uns preferem assinar com quem já é consagrado, eu não. Senão, o projecto é do artista e tem apenas o meu financiamento”
📷 : João Victor

O amor que tenho pela música faz com que aqueles que estudaram música não tenham a visão que tenho”.

O empresário esteve recentemente no podcast “É Precioso Falar”, onde apresentou uma das suas mascotes Tennaz. O cantor é uma voz promissora e versátil do Ghetto Zouk. Durante a conversa, Mi explicou que prefere investir em artistas que ainda não têm a carreira consolidada, porque gosta de participar na construção dos seus músicos. Senão, sente que o projecto é do artista e tem apenas o seu financiamento.

“É muito importante tornar o projecto nosso”, defende. “Normalmente o artista que já consolidado vem com várias expectativas, o que muitas vezes, a sua contratação acaba apenas numa transição financeira”, continua. Mas isso não significa que não está aberto a vozes já consagradas, desde que tenham este grau de humildade de permita que a Milionário também participe na sua gestão.

“Temos modos operandis diferentes, mas eu não critico. Há uns que preferem assinar com quem já tem um caminho, eu, não. Eu não estudei música, mas o amor que eu tenho pela música faz com que, se calhar, aqueles que estudaram música não tenham a visão estratégica e a intuição que eu tenho”, observa.

Na opinião do empresário, há em Angola produtoras focadas, organizadas, que estão a fazer o seu caminho. E, neste quesito, a sua também está na linha da frente, no que concerne ao sistema de organização e nos estamos a inteirar para estarmos melhor a nível estrutural.  Acho que há boa vontade de muita gente dentro do mercado.

Nos últimos anos, pensa Mi Mosquito, o Ministério da Cultura deu alguns passos, a nível da questão dos direitos autorais. “Eu hoje olho para o negócio da música não só porque a produtora tem artistas, o marchandising, a estratégia de venda como é que o digital está”, entende.

as cargas mais recentes

Francisco Vidal enaltece Bruno Candé na exposição `Maka´

há 2 anos
`MAKA Lisboa´ é uma conversa construtiva sobre o assassinato racialmente motivado do actor Bruno Candé, na qual, o artista plástico Francisco Vidal, ajuda a percepcionarmos o trabalho e a sua presença de Bruno.

Dia da Criança Africana é assinalado com tarde cultural na Fundação Arte e Cultura

há 1 ano
Alunos das Escolas de Música e de Arte da Fundação Arte e Cultura protagonizam tarde cultural no Dia da Criança Africana.

Ludmila antecipa-se sobre o seu álbum que será lançado terça-feira

há 4 meses

Documentário ‘Para Lá dos Meus Passos’ vence a 1°edição do DOCLuanda-Festival Internacional de Cinema Documental

há 8 meses

Influência de Liceu Vieira Dias e os Ngola Ritmos na música popular angolana é retratada em documentário

há 2 anos
No mês de Novembro, o canal ZAP Viva celebra a independência de Angola com a exibição de documentários com o foco na sua herança cultural, e dia 4 de Novembro a partir das 21:30, poderá acompanhar “O Lendário Tio Liceu e os Ngola Ritmos”.

Morreu Joe Lara, actor do filme “Tarzan”

há 2 anos
Joe Lara tornou-se famoso ao interpretar o célebre Tarzan In Manhattan, aventura épica dos anos 90, depois participou na série “rei da selva” entre 1996 e 2000, actuando num total de 22 episódios.

Segundo P. Diddy o R&B perdeu a sua essência e morreu

há 3 meses

Idris Elba anuncia lançamento de livros infantis inspirados na sua filha

há 2 anos
O actor britânico assinou um contrato global com a HarperCollins para publicar vários livros infantis, ainda sem título e data especifica, fez saber que serão lançados em 2022.

SENADIAC realiza Fórum Provincial sobre a Protecção da Propriedade Intelectual por via do Sistema dos Direitos de Autor e Conexos

há 1 ano
O Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente, através do Serviço Nacional dos Direitos de Autor e Conexos (SENADIAC), realiza até ao dia 19 de Novembro de 2021, o segundo ciclo de divulgação do funcionamento efectivo do sistema nacional dos direitos de autor e conexos, desta feita, nas províncias do Cuanza-Norte (Ndalatando), Malanje (Malanje), Uíge (Uíge), Zaire (Mbanza Congo) e Bengo (Caxito).

Ary arrecada mais de um milhão em concerto online

há 3 anos
Em pouco mais de uma hora de show, na sua página do Instagram, a cantora Ary conseguiu arrecadar um milhão e 295 mil Kwanzas, que será encaminhado para o centro de acolhimento El Betel, informou o agente da artista Agnelo Henriques.

Criadora de Matrix revela verdadeira origem do filme

há 2 anos
Em entrevista ao Hollywood Reporter, a cineasta que com a irmã criou a franquia Matrix disse que a vontade de fazer a saga surgiu da “opressão” que sentia antes de assumir a sua verdadeira natureza transsexual.

1.ª mão: José Agualusa vai lançar livro sobre a vida do músico Pedrito do Bié

há 1 ano
O escritor voltou adicionar, esta segunda-feira, mais um galardão à sua coleccção de prémios, ao vencer o Prémio Pen Clube de Narrativa 2021, com a sua recente obra “Os Vivos e os Outros”. José Eduardo Agualusa revelou hoje à Carga que está a escrever um livro sobre a vida do músico Pedrito do Bié.

Rapper Yunami representa Angola num projecto de unificação dos artistas africanos na Hungria

há 2 anos

Neide Van-Dúnem lança projecto de teatro musical para crianças e adolescentes

há 4 meses

Filho de Trump difunde fotografia manipulada de Ice Cube e 50 Cent

há 2 anos
Uma foto dos músicos Ice Cube e 50 Cent, com chapéus em que aparecem a apoiar Donald Trump, circulou terça-feira nas redes sociais, alimentada, em parte, pela sua redistribuição no Twitter pelo filho do candidato republicano.

Soprano Sibongile Khumalo morre após derrame

há 2 anos
A cantora de ópera e jazz sul-africana Sibongile Khumalo, que recebeu a segunda maior honraria nacional do país, morreu ontem, informou a família em um comunicado.