Nélia Dias: Do Top Rádio Luanda rumo ao topo da música angolana

Nélia Dias é um nome a se ter em conta no music hall nacional, por ser das poucas que conseguiu colocar o seu nome no Top Rádio Luanda com a música de estreia. A sua carreia ficou marcada por  duetos com Young Double, Mona Nicastro, mas agora tem em carteira um novo projecto musical com o qual se quer lançar ao mundo.

Como é que se dá o seu envolvimento com a música?
O meu pai sempre consumiu muita música e, de alguma forma, sofri influência dele. Comecei a ouvir muita música antilhana e principalmente pelo estilo que faço.

Que momentos marcaram esta fase?
O meu grande sucesso “Vem Cá”, a minha primeira nomeação no Top Rádio Luanda, ter sido convidada pela Diva Ary para abrir todos os seus Show.

Depois disso, que projectos musicais seguiram?
Seguiram-se 11 faixas musicais: Ilusão, Vem Cá, Eu Vou Te Amar, Onde Estavas, Amor Miúdo, Meu Bruxo, Vai Doer, Teu Toque 2, Bênção, Gatuno, Tribunal do Amor e Todo Grosso.

De que forma é que trabalha?
Trabalho por conta própria, e nunca estive associada a nenhuma produtora.

Está a promover duas canções. Quando é que pensa apresentar o seu próximo projecto?
Sim, estou, as músicas Bênção” e “Tribunal do Amor”,mas ainda este ano, no final de 2020, vou lançar novos projectos.

Que projecto serão estes?
Pretendo tirar os videoclipes das minhas músicas “Bênção” e “Tribunal do Amor”, que são as que venho promovendo.

Das músicas que possui, que participações traz?
Tenho 4 participações. Ma música ” Meu Bruxo” trago Jakilssa, em “Vai Doer”  participou o Young Double,  já no “Teu Toque 2 tem Mona Nicastro” e  Gatuno” trago D-Koll.

O quê que tem feito nesta fase do Covid-19?
Durante a pandemia tenho me dedicado mais a minha profissão de formação “Arquitetura”. Como gosto de dizer “Arquitectura de profissão e Cantora de Paixão”. E tenho aumentado a divulgação digital dos meus trabalhos.

Que planos traçou para carreira no pós-Covid?
Aumentar as parcerias musicais, fazer uma apresentação dos meus trabalhos existentes e, possivelmente, a oficialização de um trabalho discográfico.

Nélia Dias: Do Top Rádio Luanda rumo ao topo da música angolana

Ouvindo as suas músicas, sente-se uma mistura de Kizomba ou Guetho Zouk com RnB. Como é que se caracteriza como artista?
Como cantora do estilo Kizomba. Por ser um estílo Nacional e de que realmente gosto muito, apesar de ter tido muita influência de música antilhana, me enverguei mais para o estílo Kizomba.

Pelo percurso artístico que tem, em que fase considera estar a sua carreira?
Apesar de já ter seis anos de carreira e ter tido  algumas conquistas consideráveis, ainda sinto a necessidade de expandir mais a minha carreira a nível nacional.

É onde gostaria de estar neste momento?
Por estranho que pareça, eu estou aonde devia estar. Confesso que gostaria de já ser muito mais reconhecida, mas as coisas são por algum motivo. Tudo tem seu tempo.

De que são feitas suas composições musicais?
Eu falo de amor, paixão, decepção, traição e outros… Sou uma artista e estou sempre aberta a novos temas e estilos, desde que sejam por uma boa causa.

A sua música fez algum sucesso. Que ganhos seguiu com este single?
A música “Vem Cá” foi sim um grande sucesso inesperado, uma vez que estava a dar os primeiros passos na minha carreira de forma profissional e foi o que me fez continuar com a minha carreira artística. Fiz contactos com grandes músicos, fui nomeada por mérito e cresci muito como cantora de modo geral.

Que palcos se tem apresentado?
Apresento-me mais em casamentos e festas. Tenho sido recebida com muito amor, carinho. Isto é o maior reconhecimento da minha carreira artística.

Qual é o seu maior sonho?
Olha, eu não sou uma pessoa de grandes sonhos, eu sou muito mais de desejar, correr atrás e conquistar. Ser artista nunca foi um sonho. foi sempre um grande desejo, fui atrás e conquistei.

Pelo que tem feito, onde vê a sua carreira daqui a 5 anos?
Ainda no princípio deste ano podia dizer que daqui há 5 anos já teria conseguido um melhor reconhecimento no music hall angolano e começar a expandir de forma internacional. Mas agora com esta pandemia, tudo que vier estarei no lucro. Infelizmente com esta pandemia os artistas têm sido os mais afectados e tem sido muito difícil fazer planos, uma vez que nem se sabe quando é que está situação irá realmente terminar.

as cargas mais recentes

Mamy disponibiliza Kit Kitchã em animação gráfica

há 4 meses
Após ter lançado o E.P. Trap Queen, que teve uma óptima aceitação do público em geral, MAMY lança o videoclipe em animação gráfica da música Kit Kitchã.

“Kings Of Afro House” completa um ano de existência

há 7 meses
O projecto MUSIC BOX, criado pela Sodiba e patrocinado pela Sagres, dedicou uma atenção especial neste último ano ao género do Afro House, e produziu e realizou, com o apoio da BMWorkz, o documentário Kings of Afro House, que junta alguns dos melhores Djs e produtores do género no mundo.

50 cent recusou 1 milhão de dólares para aparecer na campanha de Trump

há 2 meses
Ao The Breakfast Club, o artista confessou que ganhou interesse em Trump após lhe ter sido proposto os valores, e não pelas políticas fiscais. Mas sublinhou que estava consciente de que votaria em Joe Biden.

`Da lama para o topo´, Júnior Boyca está sempre a subir

há 7 meses
É um dos elementos d’Os Boyca e acaba de lançar o seu primeiro trabalho a solo, “Da Lama Para O Topo”, um single que vai dar nome ao seu próximo álbum, onde Júnior se apresenta e faz uma descrição daquele que é, ou pretende que seja, o seu percurso.

Sabia que existe uma igreja que detém direitos das musicas de Rihanna e Beyonce?

há 2 meses
De acordo com uma matéria explicativa da BBC, a Igreja da Inglaterra é apenas uma das investidoras de uma empresa chamada Hipgnosis.

Segunda parte dos “recuerdos” do Sons do Atlântico já tem data

há 1 mês
No dia 19 de Dezembro as 22:00, o ZAP Viva exibe a segunda parte do sétimo festival “Sons do Atlântico” que aconteceu a 4 de Maio de 2019, na Baía de Luanda.

Phathar Mak “pede” socorro

há 9 meses
O vídeo da nova música do rapper Phathar Mak, intitulada “Socorro”, estreia hoje na página do músico no Youtube. A música é um pedido de socorro a Deus, apelando a sua intervenção na salvação da humanidade, além de passar a mensagem de igualdade entre os seres humanos, de forma a deixar de lado o complexo de superioridade.

Forbes revela que Travis Scott factura anualmente 100 milhões de dólares só em parcerias

há 2 meses
Travis Scott cedeu uma entrevista à Forbes e falou sobre os cifrões impressionantes que entram na sua conta anualmente, contabilizados apenas em colaborações criativas.

Artistas plásticos realizam corrente solidária a favor de Mestre Kapela

há 3 meses
Dez artistas plásticos vão apresentar-se na Galeria Tamar Golan com “Paz e Amor”, uma exposição colectiva a inaugurar no próximo dia 7 de Novembro, num acto que decorrerá entre as 12 e as 19 horas.

Bobby Brown quebra o silêncio após morte do filho

há 2 meses
Em comunicado, citado pela imprensa internacional, o músico pediu para rezarem pela família: “Por favor, mantenham a minha família nas vossas orações neste momento”.

Demarte Pena: “Ser da família Savimbi, não significa que tinha de seguir a política”

há 4 meses
O atleta é dos melhores lutadores de MMA em África e mantém a invencibilidade no EFC com 13 títulos. The Wolf (O Lobo), como é conhecido nos ringues, fala à Carga sobre os seus projectos, sonhos e motivações.

Disco que John Lennon assinou para seu próprio assassino vai a leilão

há 2 meses
Uma cópia do LP Double Fantasy , lançada em 1980 por John Lennon , vai a leilão por um valor inicial de 2 milhões de dólares. O disco, com autógrafo do ex-Beatle, pertencia a Mark David Chapman, que se encontra a cumprir prisão perpétua.

Desporto norte-americano em “stand by”

há 5 meses
O boicote dos Milwaukee Bucks ao duelo com os Orlando Magic, no quinto jogo dos play-offs na NBA, motivou um protesto colectivo no universo desportivo norte-americano contra a injustiça racial e levou ao adiamento de todos os jogos da noite na NBA, estendendo-se à MLS, beisebol e ao ténis.

Críticas forçam Cardi B a excluir a sua conta do Twitter

há 3 meses
A cantora apagou a sua conta oficial no Twitter, após ter-se dirigido de forma meio agressiva aos fãs, durante um directo no Instagram este final de semana, onde também se insurgiu contra Ariana Grande.

Prodígio completa “30 e Tal” anos e oferece um presente aos fãs

há 3 semanas
A prenda chama-se “30 e Tal”, uma música com Paulo Flores, circunstancialmente lançada no dia em que Prodígio assinalou o 32° aniversário. Não os trinta e dois anos de carreira, mas de idade, pois o rapper rima há 21 anos.

Lenda do rock and roll, Little Richard morre aos 87 anos

há 9 meses
Morreu Little Richard, um dos pioneiros da primeira vaga de rock and roll nos EUA. O músico tinha 87 anos e não foram ainda reveladas as causas de morte do autor de “Tutti Frutti”.