Papekas: “Quero mostrar que o Rap pode ser a mistura certa para todo o tipo de género musical”

Papekas é um rapper que ganhou notoriedade nos freestyles da escola e hoje invade os  mercados moçambicano e sul-africano. O artista tem se dedicado ao Rap acústico. A partir de Johannesburg, deixa os primeiros registos de uma proposta inovadora para Rap angolano.

Como é que entra para a música?
Não tenho a certeza devido ao facto que comecei a fazer o meu nome com o freestyle no colégio, depois nas ruas e comecei a entrar em estúdio fazendo participações, mas sei que já lá vão uns 10 e poucos anos.

Quando é que começa a ganhar notoriedade profissional?
A minha primeira música a solo tem 4 anos, daí é o momento que considero pois daí comecei a ter mais notoriedade.

Como é que foi parar na África do Sul?
Vivo na África do Sul há 5 anos, mas nasci em Portugal. Os meus pais São angolanos mas nasci e cresci lá e fui para Angola com 13 ou 12 anos de idade.

Esta a se preparar para apresentar o seu primeiro projecto musical. Conte-nos um pouco sobre isso…
Não é o primeiro. Já apresentei dois Projectos musicais: a mixtape “Bars”, que foi um projecto principiante a nível de produção, consistia em mandar uma faixa toda a sexta-feira do mês de Julho de 2018 e a mixtape “Consumo Obrigatório”, que tem menos de um ano e é um projecto mais completo.

E agora, o que vai apresentar propriamente?
Este é um projecto acústico com mistura de Rap. Acredito que seja algo único em Angola, pelo menos com isso espero levar a música angolana para outros horizontes como muitos têm feito, mas do meu jeito. Quero mostrar que o Rap pode ser a mistura certa para todo o tipo de género musical, daí o formato diferente, a ousadia e até os temas serão bem abrangentes.

Quando é que será publicado?
Planeio fazer isso em Dezembro, publicar em todas as plataformas digitais de fácil acesso.

Que estratégia adoptou para a produção?
Ainda por anunciar mas só gente com talento. Um deles será o “Dj Flaton Fox” que é um dos melhores Dj’s Angolano residente na Africa do Sul.

Qual será o título do EP?
“Eu, uma viola e o Zé Bonitinho”, terá  5 faixas musicais.

Depois disso, o que se segue?
Lançarei algumas tracks, a parte do projecto. Algumas delas, tenciono fazer videoclipes, mas num formato para o YouTube.

A que produtora está associado?
De momento oficialmente a nenhuma.

Como consegue trabalhar desta maneira?
Não é fácil, mas quem corre por gosto não se cansa, acho que o momento chegou para fazer isso ate porque já tive muita preguiça com relação a isso e por outra “campeões sabem que grandes objectivos não se conseguem de forma fácil então gere-se”.

Que artistas angolanos gostaria partilhar uma letra?
Muitos, muitos mesmo. Como a lista é muito grande citarei o Anselmo Ralph.

Que outros projectos  participou?
Surpresas a caminho.

Que palcos se tem apresentado normalmente?
Bares, shows grandes a convite de outros cantores, festas temáticas, outros países de momento só Moçambique.

Quando é que vem a Luanda protagonizar um espectáculo?
Vou fazer um show intimista se Deus quiser ainda esse ano, mas grande show so para quando fizer bigger things.

O que seus seguidores podem esperar de si?
Contem com muito que venho com tudo extra e esquebra.

as cargas mais recentes

Linkin Park: Reeditam “Hybrid Theory”, 20 anos depois do lançamento

há 1 ano
Ao longo de hora e meia de conversa Mike Shinoda, Brad Delson, Dave Farrell e Joe Hahn responderam a questões oriundas dos quatro cantos do mundo – da Tailândia e Indonésia aos Estados Unidos e Austrália, passando por Portugal – e falaram especialmente sobre o álbum que deu início ao percurso dos Linkin Park.

`TerraATerra´ junta Dog Murras e Matias Damásio em debate

há 4 meses
O “Programa Pensar Angola com Dog Murras” recebe amanhã o músico Matias Damásio para uma conversa aberta à moda angolana e sem filtros.

FS lança vídeo surpresa e anuncia projecto ‘Quarentena Rija”

há 2 anos
Tal como já é da praxe, a Força Suprema lançou mais um vídeo sem aviso prévio, tratando-se de uma música inédita intitulada ‘4 ou 5’, onde figuram os rappers Prodígio, NGA e Monsta.

Sankofa representa Angola no concurso Internacional de Rap Slam

há 1 ano
Em companhia de Zola Kuzedíua, vencedora da última edição do ‘Luanda Slam’, Sankofa vai representar o país no Festival Internacional de Rap Slam do espaço lusófono, a ser acolhido pelo Brasil no próximo dia 29 de Julho a 2 de Agosto deste ano.

Telma Lee lança música surpresa em dia de aniversário

há 6 meses
Intitulada ‘Efatá’, o tema foi lançado na primeira hora do dia de hoje, em comemoração ao seu 28° aniversário. Por agora, a música está apenas disponível no canal oficial do YouTube de Telma Lee.

Consultor do ‘Bohemian Rhapsody’ declara-se contra a sequência do filme

há 1 ano
Lançado em 2018, a cinebiografia da estrela do rock Fredy Mercury obteve elogios da crítica e do público e arrecadou 903,7 milhões contra os 55 milhões investidos. Além disso, arrebatou quatro estatuetas do Óscar 2019, incluindo o prêmio de Melhor Actor, mas o amigo do vocalista dos Queen não quer que o filme tenha sequência.

Apple investe 50 milhões de dólares em plataforma de artistas independentes

há 7 meses
A distribuidora independente de música UnitedMasters anunciou que recebeu uma “rodada” de investimentos liderada pela Apple, que visa ajudar artistas independentes a ganhar uma posição e estabelecer uma carreira no negócio da música.

J. Cole lança novo álbum próxima sexta-feira

há 6 meses
O aguardado álbum The Off-Season de J. Cole chega ao mercado na próxima sexta-feira (14). O anúncio foi feito pelo próprio, na tarde de ontem. A obra estava em construção há anos.

Desengane-se, liberdade provisória não foi concedida a R. Kelly

há 5 meses
Foi ontem posta a circular no Twitter, uma foto que deu azos a especulações, sobre a possível soltura de R. Kelly, o que não corresponde a verdade. O artista continua no Metropolitan Correctional Center de Chicago, onde permanecerá até ser julgado.

“Abençoado”, Nikko lança mais uma EP

há 3 semanas
Depois da EP Kuzola Planet, Niiko apresentou há uma semana o seu novo trabaho intitulado ‘Abençoado’ feito de temas inéditos que reafirmam o seu voo solo, com abordagem musical distinta.

Enlightened Path: Quarto álbum de DJ Djeff já está disponível em Angola

há 11 meses
Este que é o seu quarto álbum de originais, foi desenvolvido ao longo deste último ano, e muito, influenciado pelas inúmeras actuações por este mundo fora e subsequente experiências.

DreamKiller promete dois projectos musicais para 2020

há 2 anos

Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente lamenta morte de Sarah Maldoror, pioneira do cinema africano

há 2 anos
O Ministério da Cultura, Turismo e ambiente lamenta, em comunicado, a morte, em Paris, por doença, aos 91 anos, de Sarah Maldoror, viúva de Mário Pinto de Andrade, co-fundador e primeiro presidente do partido no poder em Angola.

Piqué compra direitos de transmissão da liga francesa para assistir Messi

há 2 meses
O defesa central do Barcelona, Gerard Piqué, através da sua empresa Kosmmos, com a Enjoy Television, adquiriu os direitos de transmissão da Ligue 1 e Ligue 2 francesas até 2024.

O reencontro: músicos recordam auge da carreira

há 1 ano
Há quase 10 anos que Fedy Kalupeteka, Tivine Flay, Hélvio e Sukumula já não pisavam um palco, aliás, apenas dois deles vêm se apresentadando como cantor. Este domingo, voltaram a subir ao palco e protagonizaram três horas de emoções.

Clássico “O padrinho” de volta às telas

há 1 ano
A NBCUniversal anunciou que o seu próximo serviço de streaming assinou um contrato de licenciamento de conteúdo com a ViacomCBS. A grande novidade é que a trilogia “The Godfather” e “O Talentoso Sr. Ripley”, “Ray Donovan”, “Undercover” Chefe “,” Todo mundo odeia Chris “e” Maridos reais de Hollywood “, estarão disponíveis a título exclusivo de 2021 até 2023.