#Personagensnegrxsimportamportugal: O desabafo de Hoji Fortuna

O actor luso-angolano Hoji Fortuna apelou a todos os amigos na lusofonia a solidarizarem-se com a causa anti-racista, particularmente em Portugal, com a hashtag “Personagensnegrxsimportamportugal”.

Numa mensagem no Facebook, o actor mostrou-se agastado com a situação, apontando exemplo de eventos onde a descriminação racial imperou, particularmente a nível da televisão, como foram os casos de algumas premiações.

“Estamos neste momento todos solidários com o que está a acontecer nos EUA. Somos todos anti-racistas. Mas é fácil ser-se anti-racista quando o racismo acontece na casa alheia. Quero convidá-los a serem anti-racistas na nossa própria casa: Portugal”.

#Personagensnegrxsimportamportugal: O desabafo de Hoji Fortuna

“E quero que sejam anti-racistas em relação a um meio que visualmente determina ou perpétua a forma como a diversidade cultural é vista em Portugal: o áudio-visual. Há anos que me tenho dado conta do apagamento de pessoas negras no audiovisual, nomeadamente nos prémios, que são um reflexo do que se produz no audiovisual em Portugal”, frisou, sublinhando que foi um dos motivos que o fez emigrar para os EUA em 2008.

Explicou que com o tempo acreditou que a situação havia mudado, mas foi surpreendido, em 2018, num evento de premiação na televisão em que constatou a escassa representação de nomeados de raça negra

“Quis fazer barulho na altura, mas tive medo das repercussões sobre a minha carreira. E sei que muitos são os actores negros com medo de fazer barulho publicamente em relação ao racismo predominante no audiovisual, com medo que se vejam privados do pouco trabalho que vai aparecendo”.

Referiu ainda que tomou conhecimento de mais uns prémios do audiovisual português onde, das mais de 81 nomeadas, apenas uma é de raça negra, referindo-se a Igor Regalla, na categoria de Melhor Actor Principal em cinema.

“Isto parece-vos normal, num país multicultural, multi-étnico, não-racista, com uma história de mais de 500 anos de relação com África e do qual os cidadãos nascidos nos seus países de Língua Portuguesa eram Portugueses?”, questionou

“Então, senhores anti-racistas, convido-os a manifestarem a vossa indignação por esse estado de coisas a acontecer dentro da nossa própria casa, Portugal. Somos solidários com as vítimas de racismos perpetrados além-mar, vamos também ser solidários com as vítimas de racismo sistémico perpetrados no nosso próprio solo”, acrescentou.

as cargas mais recentes

Drake quebra o seu próprio recorde no Billboard Hot 100 com 9 músicas no TOP 10

há 1 ano
O álbum Certified Lover Boy fez a sua estreia nos charts em primeiro lugar vendendo 613 mil unidades equivalentes de álbuns, é o projecto com maior estreia em 2021, tendo 700 milhões de streams. Lançado a 3 de Setembro, o álbum garantiu ao rapper novos recordes que ele mesmo detinha.

Killuanji: “Os fazedores do Rap gospel em Angola andam distraídos e tornam o estilo frágil e fraco ao ponto de ninguém os ouvir”

há 2 anos
Lançou recentemente o EP Apocrypha e embora esteja na música há mais de uma década, Killuanji considera que agora sim, a sua carreira começou. O rapper que faz da crença o seu sacerdócio assume-se como o “novo rosto do Rap Gospel em Angola”, e garante que chegou para dar uma lufada de ar fresco ao estilo.

Ricky Martin surpreende fãs com novo EP

há 2 anos
Ricky Martin surpreendeu os fãs ao lançar sexta-feira (29) o seu novo EP, criado durante a quarentena. O trabalho, intitulado “Pausa”, conta com seis músicas e colaborações de nomes como Sting, Bad Bunny, Pedro Capó entre outros.

Pela primeira vez em 93 anos de Óscares, uma mulher não-caucasiana recebe o prémio de Melhor Realização

há 1 ano
Um ano após o cancelamento da premiação presencial, substituída por videochamadas no Zoom, os astros voltaram a desfilar na passadeira vermelha para prestigiar a 93.ª edição dos prémios da Academia de Hollywood.

Quarteto Fantástico apresenta “tour Palavras, palavrinhas, PALAVRÕES para voz”

há 12 meses
A Art Sem Letra informa que o Quarteto Fantástico da poesia falada em Angola, regressa aos palcos quatro meses depois com mega tour Palavras, palavrinhas, PALAVRÕES para voz, nos dias 05, 13, 20, 26 de Novembro e 02 de Dezembro, no Camões, Casa da Juventude, Casa Rede, Zap Cinemas e Centro Cultural Brasil Angola, todos os espectáculos às 18 horas. Nas palavras dos protagonistas, “a tuor é resultado da reflexão de que as palavras são coisas vindas da boca e outras vindas do papel… os olhos e os ouvidos podem não concordar, mas insistimos. No papel as Palavras são sempre PALAVRINHAS já vindas da boca são PALAVÕES. Porque a voz lhe dá tamanho, a voz não tem a obrigação de economizar como as gráficas Conforme Fernando Carlos, um dos rostos do grupo “PALAVRÕES não é um espetáculo de PALAVRAS e PALAVRINHAS obscenas ou pornográficas… Não vamos sujar a boca nem envenenar ouvidos. PALAVÕES é uma matemática gramatical que nós decidimos experimentar aonde várias PALAVINHAS somadas umas com as outras resultarão em PALAVRAS energéticas, provocadoras, aliciantes e analgéticas como os verdadeiros PALAVRÕES” Com passagem nas principais salas de espetáculos de Luanda, o grupo Spoken Mais, formado por Irene A mosi, Fernando Carlos, Nzola Kuzidíua e Willi Ribeiro, encontra nesta tour de cinco (5) noites de poesia e performance a oportunidade ideal para fechar o ciclo que teve início à 26 de Fevereiro ano de 2021 de um projecto que redefiniu a poesia como um meio de atuação e cria um mundo onde a arte da palavra faça parte da vida diária e seja apreciada por todos e todas. Kiaco Zambo, produtor executivo do evento, falou para os nossos microfones que a “TOUR PALAVRÕES” é mais uma iniciativa inédita da Agência Criativa Art Sem Letra, que tem de forma constantes apresentar projectos de encher os olhos. “Teremos uma das melhores ou se não a melhor experiência artística em um espetáculo de poesia e performance produzida em Angola com várias razões para com solidar a poesia falada. O evento é uma produção da Art Sem Letra, Agência Artística e Criativa, educacional e sustentável, centrada na economia criativa com objectivo de ligar e libertar mentes por meio da arte.

Rick Ross e 2 Chainz preparam-se para a próxima batalha de ‘Verzuz’

há 2 anos
Está confirmado Rick Ross e 2 Chainz vão protagonizar a próxima batalha do Verzuz na quinta-feira, 6 de agosto. O anúncio foi feito na conta do Instagram da VerzuzTV, a batalha será transmitida gratuitamente pelo Instagram e também pelo Apple Music para os assinantes do serviço.

A’mosi Just A Label disponibiliza ‘Dinâmica Mecânica’

há 3 anos
‘Mechanical Dynamics’ estabelece um diálogo em áudio individual e conta com a parceria de Tony Cassanelli e poderá fazer parte dos próximos projectos de A’mosi.

Está aprovado: Break Dance será modalidade desportiva dos Jogos Olímpicos

há 2 anos
O COI, Comité Olímpico Internacional, confirmou que o Break Dance será uma das modalidades desportivas dos Jogos Olímpicos, e fará já parte das próximas Olimpíadas de 2024, em Paris.

Njila Yami: Nelo Carvalho apresenta “toda a sua angolanidade” em novo álbum

há 7 meses
Diferente de “Encontros”, “Reencontros” e “Las Voces e Los Cantos”, o novo álbum de Nelo de Carvalho traz apenas um tema partilhado com Prince Wadada, no estilo reggae. Reúne composições de Paulo Flores, Carlos Baptista, Paulo Abreu de Lima, Alberto Monteiro “Beto” e Armindo Monteiro “Mindo”.

Sandra Cordeiro anuncia EP mais comercial e menos clássico

há 2 anos
Trata-se de um maxi single com quatro faixas musicais nos estilos Kizomba, Afro Folclórica, Balada e Semba, que seria publicado no mês passado, mas que, devido à pandemia, estará à disposição dos fãs, por via digital, depois do levantamento do Estado de Emergência.

Faz hoje um mês desde que Carolina Deslandes e Jimmy P surpreenderam os fãs com o projecto colaborativo “Mercúrio”

há 2 anos
Um ano após lançarem a primeira música juntos, Carolina Deslandes e Jimmy P reafirmaram o gosto por trabalhar em conjunto. Com um total de 5 músicas, o EP Mercúrio foi todo idealizado durante o período de confinamento e disponibilizado a 31 de Julho.

Novo Samurai: Mixtape em homenagem a DJ Samurai já está disponível

há 8 meses
A compilação de 21 músicas foi revelada na tarde de hoje, tendo sido disponibilizada apenas o lado A, com 16 faixas. Enquanto se espera pelo lado B, Deejay Soneca dá destaque às participações de Uncle J e Leonardo Wawuti, além de congregar outros nomes da nova e velha escola do Rap lusófono.

Supergroup Mount Westmore anuncia data de lançamento do 1° álbum

há 4 meses
O Supergroup Mt. Westmore fez a sua estreia pública com uma actuação no ‘Triller Fight Club’, no passado dia 17 de Abril de 2021, com o primeiro single colaborativo “Big Subwoofer”. Passado um ano, o quarteto old school, confirmou o primeiro primeiro álbum para o dia 7 de Junho, terça-feira, mas não adiantou detalhes sobre a obra.

Álbum póstumo de DMX reúne participações de Alicia Keys, Jay-Z e Nas

há 1 ano
O álbum intitula-se Exodus, contém 13 faixas musicais e reúne, entre outras, as participações de Jay-Z, Nas, Snoop Dogg, Bono, Lil Wayne, Alicia Keys. A obra é totalmente inédita, segundo Swizz Beatz.

GTA 6: Aumentam rumores sobre a estreia da primeira protagonista feminina

há 2 anos
Tom Henderson, conhecido por “furos” com novidades do Call of Duty e tido como um “vazador” confiável, informou que pela primeira vez na história da franquia, um dos protagonistas será uma mulher e que o GTA VI será lançado em 2022.

Allen Halloween reedita Híbrido em vinil com takes inéditos

há 2 anos
Um ano após anunciar a sua retirada da música, rumo a devoção a Deus, a bruxa volta a dar sinal de vida vida com o lançamento surpresa de 500 vinis do álbum Híbrido, o terceiro da carreira.