Rafael Gonçalves: A voz do Ghetto Zouk que todos deviam ouvir

Tem poucos anos de estrada e, apesar de ainda não pisar grandes palcos, Rafael Gonçalves já começou a atrair as tençãoes do público. Seus temas “Cobrar” e “Juntos P’ra Sempre” acabam por ser incorporados nas referências do Ghetto Zouk feito em Angola.

O artista está na música desde a infância, por influência do pai. Fez algum sucesso no Gospel ao lado de Guy Destino e Betinho Feijó. Em 2018, decidiu abraçar a carreira profissional e agora projecta uma carreira de sucesso.

Rafael Gonçalves não só canta, intrepreta e é um letrista que se recomenda, basta ouvir “Cobrar”, da sua própria autoria.

A música leva qualquer um acreditar que muito se poderá ouvir falar sobre o cantor de 23 anos, tal como se apresenta nesta entrevista.

Quando é que começou a se perceber de que valia a pena apostar na carreira profissional?

Já desde muito pequeno quis levar uma vida de músico profissional, mas tive que respeitar alguns processos.

E em que circuntâncias passa a acreditar mais em si?

Quando comecei a fazer música gospel profissional, com direção artística de Guy Destino e produção do guitarrista internacional Betinho Feijó.

Rafael Gonçalves: A voz do Ghetto Zouk que todos deviam ouvir

Proximamente, que novidades teremos?

Brevemente lançarei uma música com o tema “Vamos Nos Casar”

O quê que lhe caracteriza como artista?

Pretendo viajar na questão de sonoridade e, posteriormente, interpretar grandes clássicos da música angolana, e tornar a minha arte cada vez mais madura.

Parte dos artistas emergentes narram nas suas músicas experiencias de vida. O que canta tem tem a ver consigo?

Não. (risos). Não escrevo pensando em mim, mas de alguma forma , acabo me identificando (sou humano). Na verdade, penso em variar meu conteúdo, sei que posso ir mais além, tudo começa na minha criatividade.

Até onde vão suas habilidades artisticas e que intrumentos pode tocar?

Não só interpreto, mas também escrevo minhas próprias canções. Penso em me profissionalizar mais ainda, tocar guitarra quem sabe.

Quando pensa para onde tenciona chegar e olha para onde se encontra neste momento o que lhe ocorre à cabeça?¹

Penso em me tornar num grande ícone da música no mundo, mas por enquanto estou descobrindo meu público e entendendo como posso convencer o público com minha arte.

Rafael Gonçalves: A voz do Ghetto Zouk que todos deviam ouvir

Com que artista gostaria de ter alguma parceria e porquê?

Anselmo Ralph, identifico- me bastante com a arte dele.

Qual é o seu maior sonho?

Me estabelecer no mercado, e ser um ícone da música não só em Angola, mas no mundo.

as cargas mais recentes

Consumidores processam Universal Studios por publicidade enganosa

há 4 meses
《Queremos nosso dinheiro》é a palavra de ordem que se ouviu, esta semana, na boca de alguns cinéfilos que se sentem enganados pela Universal Studios, depois de assistirem ao filme “Yesterday”, lançado em Julho de 2019.

Avanços e recuos da cultura nacional em 45 anos de Independência

há 2 anos
A cultura é a expressão sublime da essência de um povo manifestadas através da língua, música, dança, pintura, literatura ou teatro. Em Angola, o sector musical é o que mais cresce, seguido das artes cénicas.

Fela Kuti entre os nomes da disputada lista do Rock and Roll Hall of Fame

há 1 ano
Até ao dia 7 de Maio, os fãs poderão votar diariamente para cinco dos 16 candidatos ao Rock and Roll Hall of Fame. Actualmente com 493 mil votos, o pioneiro do afrobeat, só perde para a autora do ‘Private Dancer’, Tina Turner com 533 mil votos, nos dados de hoje.

Há 10 anos, morria André Mingas

há 7 meses
Foi precisamente a 11 de Outubro de 2011, quando o relógio marcava 20 horas, que a Rádio Nacional de Angola dava conta do falecimento do músico e compositor André Mingas, no Brasil aos 61 anos de idade.

Concerto Musical Infanto-Juvenil marca celebrações do Dia Internacional da Música na Fundação Arte e Cultura

há 8 meses
A Banda Musical da Escola de Música da Fundação Arte e Cultura vai protagonizar no dia 01 de Outubro, Sexta-feira, pelas 18horas o grande Concerto Musical Infanto-Juvenil, para saudar o Dia Internacional da Música.

Will Smith no papel de escravo fugitivo

há 2 anos
O renomado actor, será o protagonista de ‘ Emancipation’, um filme de época, baseado na história real de Peter, -um escravo fugitivo que incentivou o Exército da União a combater os racistas no sul dos Estados Unidos-. O director do filme Antoine Fuqua, acredita que Smith foi a escolha perfeita, pois gosta de aprofundar o assunto, tanto que se propôs a produzir com os seus parceiros do Westbrook Studios James Lassiter e Jon Mone.

Peça teatral ‘Devaneio’ em cartaz no próximo dia 5 de Maio

há 3 semanas
Devaneio passa-se num universo onírico, abalado constantemente pela violência do mundo real. Às temáticas subconsciente e sonho, acrescenta-se trauma e racismo, assim como pinceladas sobre feminismo interseccional e universo queer.

Taylor Swift acusada de plagiar no último álbum

há 2 anos
O álbum surpresa de Taylor Swift foi lançado na última sexta-feira (24) e vendeu mais de 1,3 milhões de cópias em 24 horas. A capa do disco, segundo a banda de metal Emperor, é um plágio da obra “Stridig” e apresenta evidências.

Conheça Roger Linn, o responsável pela revolução do Hip-Hop

há 2 anos
Aos 22 anos, Roger Linn inventou o LM-1 Drum Computer, a primeira bateria eletrônica para sampler de bateria real. Depois criou o MPC, amostrador que viria revolucionar toda a história do Hip Hop.

Morreu Astro, vocalista dos UB40

há 6 meses
O cantor e multi-instrumentista morreu este sábado, subtamente aos 64 anos. Protagonista de hits como “Red red one”, a banda britânica já esteve em Angola e para um grande espectáculo.

A voz que representa o Rap angolano em Moscovo

há 2 anos
Chama-se Massoxy’h e chegou a Rússia há quatro anos, para estudar Engenharia Informática, e está a conquistar vários palcos.

Emicida em destaque no Grammy Latino

há 1 ano
O álbum “AmarElo” de Emicida, lançado em Outubro de 2019, ficou considerado o melhor de rock ou de música alternativa em Língua Portuguesa, numa cerimônia virtual em que também se destacaram Paula Fernandes, Céu, Aline Barros, João Bosco, Mariana Aydar e Toninho Horta.

Vocalista do “Roupa Nova” internado com Covid-19

há 2 anos
Após enfrentar um câncer e passar por um transplante de medula, o vocalista do grupo “Roupa Nova”, Paulinho, enfrenta uma nova batalha pela vida.

Rapper Raz Simone acusado de ser um”senhor de guerra”

há 2 anos
Vídeos postados nas redes sociais provam o alegado envolvimento de Raz Simone com uma gangue armada na Zona Autônoma de Seattle, em Washington, um quarteirão de protesto sem influência policial. O rapper é apontado como uma espécie de “senhor da guerra”.

“O país está a pedir a presença do Rap crítico e intervencionista”

há 2 anos

Jay-Z vence o prémio ‘Hip-Hop’s Humanitarian of the Year’ da XXL Awards 2022

há 4 meses
Em nota, a XXL informou que atribuiu a Jay-Z o galardão de hiphopper humanitário do ano, pelo grande impacto que teve ao longo do último ano nas iniciativas em que se associou, promovendo mudanças positivas.