Rodex Mágico, um artista plurivalente que caminha a passos firmes em direcção ao triunfo musical

Em Angola são vários os talentos que o Rap ou Kuduro ajudou a tirar do mundo do crime e hoje tornaram-se nas principais referências da música angolana, por isso não receamos em afirmar que, Rodex Mágico pode vir a ser a próxima grande referência da nossa música.

É um prognóstico arriscado, se olharmos para a concorrência do mercado, onde se encontram revelações como Pitt Kelson ou Os Séketxe. Mas Rodex traz um estilo próprio, com mensagens directas sobre motivações humanas e busca constante pela paz do espírito.

O jovem artista vem dos Combatentes, o que parece justificar seus conteúdos e referências musicais como Bruno M. Tal como várias outras estrelas, Mágico é um daqueles talentos que trocou o mundo da delinquência pelo Kuduro ou Rap. Kuduro ou Rap, porque fica difícil se posicionar ante a tendência deste artista, que resulta da fusão entre o Kuduro, Funk, Rap e Afrobeat.

O músico angolano de 24 anos canta profissionalmente desde 2018. Baptizado com nome de Alexandre Teodorax da Costa ColSoul, esteve envolvido no mundo do crime e hoje está totalmente transformado o seu talento indiciam-no como a próxima referência da música nacional.

Com um álbum no mercado e um EP, os seus temas “Vou Falar” e “Makongo”, este último com participação de Pitt Kelson, são seus cartões de visita. Acompanhe suas impressões.

Rodex Mágico, um artista plurivalente que caminha a passos firmes em direcção ao triunfo musical

Quem o acompanha desde o EP Exploração Musical e ouve agora temas como “Vou Falar” ou Hino dos Xcomba, nota uma grande transformação na sua musicalidade. A que se deveu e como se processou esta mudança?
Bem, a minha mudança deveu-se ao passado triste e sombrio que eu vivi quando outrora andava pelo mundo do crime, distante de Deus e da sua palavra, longe da paz interior e busca pelo conhecimento e sabedoria.

É isso que transmite nas suas músicas?
Sim. Porque me sinto na necessidade de crescer sabiamente e permanecer para sempre no livro da vida.

O que canta é algo que tem a ver consigo?
Sim, canto o que vivo e faço de tudo para viver o que eu canto.

De que forma a sua música lhe caracteriza?
Como único e autêntico, mas que outrora bebia de certas fontes.

Sua música é uma fusão entre Kuduro, Rap e Afro, com evangelho. Que estilo é esse?
Esse é o estilo do ‘Deu Certo’. 

Como artista em que estilo de música se enquadra melhor?
Como artista o estilo de música que me enquadro melhor é o estilo do Deu Certo.

Não receia que seja dado como antiquado, por trazer essas mensagens, uma vez que para a nova geração o ‘eu sou’, ‘eu posso’ e ‘eu faço’ é mais fácil de bater?
Na verdade não.  Por uma simples razão: Não vivo segundo o padrão e ideologia deste presente século. 

Olhando para a qualidade da sua música e pelos anos de estrada, parece que devia estar um pouco mais distante. O que tem faltado? 
Sinto que não me falta nada, porque o mais essencial de tudo eu tenho: Um Deus Todo- Poderoso que cuida e me protege sempre; e uma mãe que ora por mim. No momento certo e na hora certa, o leme” estará aonde Deus o colocará.

O que se pode esperar de si para os próximos dias?
Neste momento estou a preparar lançamentos de novos vídeos e abertura do meu espaço para tratamentos de dreadlocks (Mundo Rasta).

as cargas mais recentes

Totó St “traz” novamente luz para o próximo álbum

há 6 meses
O músico Totó St apresenta no próximo dia 07 de Janeiro, na sua página no Youtube, o single “Sunshine” (Luz do sol), o primeiro do seu quinto trabalho discográfico, com saída prevista para 2022.

16 anos depois, Sagrada volta a bater Petro na última jornada do Girabola

há 11 meses
Com estilos de jogo completamente diferentes, as duas equipas entraram no jogo igualadas a 67 pontos nas primeiras posições, sendo que na final da jornada o Sagrada levou o melhor com 70 pontos, com golo apontado aos 22 minutos por Luís Taty, ainda na primeira parte.

“A Nossa Kizomba” está de volta

há 2 anos
Com um cartaz irresistível, os amantes do estilo Kizomba, um dos ritmos mais consumido no nosso país, poderão reviver momentos marcantes, com artistas de peso, durante o mês de Outubro.

Iron Heart: Nova heroína da Marvel fará primeira aparição no filme Pantera negra 2

há 9 meses
Interpretada por Dominique Thorne, a personagem herdeira do legado de Tony Stark, fará sua a estreia na sequência do Pantera Negra, de título original `Black Panther: Wakanda Forever´, cuja estreia está marcada para o próximo dia 8 de Julho de 2022.

Wake Me When I’m Free: Projecto expositivo explora o legado de Tupac Shakur

há 8 meses
A Shakur Estate, entidade detentora do direito de comercialização da obra intelectual do Tupac Shakur, anunciou a estreia mundial do projecto `Tupac Shakur. Wake Me When I’m Free´, uma experiência de museu totalmente envolvente e instigante que explora a vida e o legado do aclamado artista e activista.

Wizkid esgota em 12 minutos estádio de Londres com capacidade para 23 mil pessoas

há 11 meses

Estrela de Missy Elliott já brilha na Calçada da Fama de Hollywood

há 8 meses
Aos 50 anos de idade, dos quais, mais de 25 dedicados ao Hip-Hop, Melissa Arnette Elliott mais conhecida como Missy ‘Misdemenor’ Elliott, acaba de ser honrada com a 2.708ª estrela da Calçada da Fama de Hollywood.

FreeBritney: Movimento de libertação da cantora Britney Spears “reacende” nas redes sociais

há 2 anos
O movimento existente desde 2019, manifesta a vontade que Britney volte a tomar as rédeas da sua própria vida, uma vez que há mais de uma década é mantida sob tutela pelo pai, James Spears, que controla quase tudo da cantora – incluindo o dinheiro, saúde e até a rotina diária.

União Africana e AFRIMA abrem formação grátis sobre como ganhar dinheiro na música

há 8 meses
A organização dos prémios africano de música e (AFRIMA) e a União Africana iniciam, a partir do dia 19 desde mês, um ciclo de conferências para capacitação de músicos, agentes musicais e empreendedores do sector, sobre como ganhar dinheiro no mundo da música.

Mais de 5 mil pessoas assistem diariamente o filme de produção nacional ‘Ar Condicionado’

há 2 anos
O filme começou a conquistar audiência muito cedo. Logo no primeiro dia de estreia foi seleccionado para concorrer às categorias “Audience Award” e “Fipresci Award” no Festival Internacional de Cinema de Roterdão, Holanda. A longa-metragem angolana soma e segue no festival We Are One: A Global Film, no YouTube, com um registo de 26 mil e 225 visualizações em menos de cinco dias.

Andrea Bocelli canta para uma catedral sem público

há 2 anos
O concerto a solo denominado Music for Hope realiza-se a 12 de Abril (Dia da Páscoa) na Duomo, a catedral de Milão e será transmitido, em directo no canal do YouTube do músico.

Restos mortais de Pzee Boy vão hoje a enterrar

há 1 ano
Os restos mortais de Pzee Boy descem hoje ao campo santo enterrar por volta das 10h no Cemitério do Benfica, em Luanda. A cerimónia de condolências à família está reservada para as 12h no Club Emirais.

Amosi Just A Label e Paulo Flores representam o país no Sons de África

há 2 anos
Descrita como a primeira série regular de concertos ao vivo pan-continental a emergir em África, o espectáculo reúne artistas de 17 países africanos e Angola estará representada por Amosi Just A Label e Paulo Flores.

Ex-craque do futebol mundial Drogba rendido ao talento de Cleyton M

há 9 meses
Cleyton M volta a ser notícia na revista angolana de música, porque este sábado, arrancou elogios do ex- internacional do futebol costa marfinense, Didier Drogba, pelo seu último lançamento “Girl Friend’.

Duetos N´avenida: “É um projecto inclusivo, que dá o palco a quem tem qualidade”.

há 2 anos
Projecto musical reafirma inclusão e valorização artística na abertura da 4ª temporada.

Kool Klever dá voz à saga dos ‘Poetas de Bairro’

há 2 anos
O rapper Kool Klever junta-se a Mamy, Duc, Lizzy, Soldier, Luso e Nucho para dar corpo à saga do projecto Poetas de Bairro. Os sete artistas estão em estúdio a gravar o tema “Se Eu Morrer Amanhã”, cujo videoclipe estreia brevemente no YouTube da Carga.