Sábado à tarde sintonize Viana Cultural nos 92.8

Viana Cultural é um programa de variedade e orientação musical emitido todos os sábados, das 15 às 20 horas, na Rádio Viana (92.8), grupo RNA. Está no ar desde 2008 e foi criado para promover actividades culturais do município e educar os jovens para a boa música. O programa já foi o berço do apresentador Geovany Comandala e do jornalista Agnelo Bernardo. Conduzido por nove jovens, o espaço vai liderando audiência em meio a pandemia.

Porquê que criaram o Viana Cultural?
O Viana Cultural foi idealizado pelo jornalista Aires Francisco, para informar, entreter e divulgar as actividades culturais feitas em Viana e arredores.

Como era o programa nos seus primeiros dias de emissão?
O programa era constituído por várias rubricas de promoção de eventos, onde diversas actividades que aconteciam em Viana e não só eram promovidos.

Tínhamos o Top Rocha, onde eram analisados discos bons, mas que não faziam sucesso. O obectivo era despertar os artistas que tinham uma excelente produção, mas que falhavam em algum lado, por isso não faziam sucesso.

Havia ainda o Estrelas na Ribalta, uma rubrica onde trazemos um convidado para dar o seu testemunho de vida no sentido de incentivar outras pessoas e o Top Satélite, onde temos 6 músicas a competir. É Uma proposta com participação dos ouvintes via SMS ou telefonemas.

Quer falar um pouco mais sobre o Top Satélite?
O Top Satélite é composto por 6 músicas mais badaladas. É uma proposta escolhida pela equipa, para que os ouvintes votem numa das 6 para a primeira posição e votam na proposta para entrar ou não no top. De lembrar que este espaço é feito no final do programa e com participação inteira dos ouvintes por chamadas telefónicas ou SMS.

Como funciona o programa actualmente?
Continua a funciona como um programa de orientações, entretenimento e informação cultural. Não informamos apenas, procuramos também direccionar a juventude para as boas práticas.

Quer dizer que os jovens são o vosso público alvo?
Sim, o nosso público alvo é a juventude.

Como fazem para manter a fidelidade do público?
Mantendo o formato original do mesmo.

Disse que o vosso maior objectivo é promover a música, certo?
Não só a música, mas tudo que é cultura. Fazemos, dando oportunidade aos fazedores divulgando no programa.

Que critério têm em conta para que a música toque no programa?
Quase nenhum. Veiculamos todo o tipo de música, desde que não contenha conteúdos obscenos.

Lembro-lhe que o programa foi ao ar, pela primeira vez em 2008, ainda se lembram do primeiro elenco? Que mudanças já efectuaram?   
Não houve grandes mudanças, apenas implementamos novas rubricas, tais como a Caixa Mágica, onde fazemos brincadeiras com os convidados e o Back On Time, onde colocamos três músicas e o ouvinte liga para dizer que recordações essas quetas lhe trazem. Por cá já passaram o Geovany Comandala, Agnelo Bernardo e Timajo.

O quê que mudou no programa especificamente?
Actualmente já não temos a rubrica Top Rocha, que era apresentado pelo Geovany Comandala, que agora está na TV Zimbo.

Quanto à equipa de trabalho?
A nossa equipa é composta por Francisco Henriques (coordenador), Alfredo Julião (realizador e locutor), Melita Cunha, Maria 50, Neide Ferreira, Palson (produção), Romanos Vilar (técnico), Dj – Tino Fininho e Aires Francisco (locução).

Para além de veicular,também convidam artistas para os estúdios. Como conseguem fazer isso em meio a pandemia?
Em tempo de pandemia, temos como recurso às redes sociais para termos sempre a conversa com os convidados.

O que normalmente têm em conta para a elaboração dos conteúdos?
Os convidados e a profissão que exerce e o tema é escolhido e discutido e aprovado pela equipa. Os conteúdos são analisados e elaboramos durante a semana e discutidos pelo grupo de produção

Qual é o vosso maior sonho?
O nosso maior sonho é chegar ao topo das nomeações como um dos melhores programas radiofónicos de Angola.

Perfil do programa
Programa: Viana Cultural
Coordenador – Francisco Henriques
Locutor – Alfredo Julião
Produção – Melita Cunha, Maria 50, Neide Ferreira, Palson
Técnico de som – Romanos Vilar
Dj– Tino Fininho
Apresentador: Aires Francisco.

as cargas mais recentes

Show Do Mês venera cinco estrelas da música angolana que partiram este ano

há 8 meses
Os músicos Kweno Ayonda, Waldemar Bastos, Carlos Burity, Jivago e Teta Lágrimas, falecidos este ano por doença, serão homenageados pelo Show do Mês com um grande espectáculo.

Mestre Kapela é homenageado hoje no Sete & Meio

há 8 meses
Realiza-se hoje, a partir das 16 horas, uma exposicão e mesa redonda em homenagem a Mestre Kapela -in memoriam-, no Sete & Meio Bar Galeria. Denominada “Na capela do Kapela”, o encontro visa memorar o legado do Mestre da espiritualidade da arte nacional.

Rapper Meek Mill é processado por roubar letras de música

há 1 ano
O músico está a ser processado pela Dream Rich Entertainment por, supostamente, ter fugido com letras de duas músicas que fazem parte do álbum “Championships”, de 2018, com o qual foi indicado aos Grammy.

“Mário Gomes e Dalú Roger são elementos que me dão o resultado que preciso em palco”

há 1 ano
Instrumentistas revelam cumplicidade em palco.

Após sucesso da primeira edição Spoken Mais chega a Viana

há 4 meses

Por onde andam os Wonderful One?

há 1 ano
O Wonderful One iniciou com cinco rapazes nos anos 1993/94, na altura residentes em Cacuaco, na província de Luanda, onde faziam espectáculos no intuito de entreter o pessoal. Começaram o projecto do grupo Kaporal, Ikuma Ful e C-Lau. Depois integraram D-Latoy e Sérgio Ozone.

Escritor defende ruas com nomes de artistas angolanos

há 1 ano
O escritor João da Silva Cardoso sugeriu a revisão da toponímia angolana, passando a contar com nomes de artistas e outras figuras de referência, de formas a homenagear e valorizar os feitos de todos aqueles que contribuíram de algum modo para o bem do país.

Espectáculo das celebrações do 11 de Novembro com novo formato

há 1 ano
As actividades culturais alusivas as celebrações do 45.° aniversário da Independência sofreram reestruturações. As limitações abrangem também o espectáculo musical ao vivo, que já não será realizado na Praça da República.

Desfile de hits “acorda” o hip hop em plena quarentena

há 1 ano
A nação hip hop “parou” para testemunhar a exibição dos hits de Raiva e DH, numa noite com todas as condições para ficar na história deste género musical.

Maya Cool “dispara” indirectas e deixa músicos em alerta

há 1 ano
Depois das críticas de Mago de Sousa à Unitel, por não cumprir com o trabalho, acordado, de promoção do seu disco, é a vez de Maya Cool a juntar-se a causa, apelando aos fazedores de arte no geral a manifestarem-se a favor do colega.

Katy Perry proíbe que se cante a música “Watermelon Sugar” no American Idol

há 4 meses

6ix9ine e Meek Mill por pouco partem para briga à saída de uma discoteca

há 6 meses

Jay Pallmer apresenta-se ao mercado musical com EP `MySelf´

há 3 meses
Contrariando todas adversidades da época pandémica, o 2020 vem se revelando frutífero para muitos artistas e, a EP `MySelf´ é mais uma prova desta teoria.

Kanye West: “Ninguém pode me comprar. Tenho mais dinheiro que o Trump”

há 11 meses
Continua entre os norte-americanos as suspeitas sobre se West não está a ser uma marioneta ao serviço dos Republicanos, pago para ser uma mera “distração” nas eleições presidenciais de 3 de Novembro.

Anna Joyce: “Não existe a mínima possibilidade de parar de cantar”

há 10 meses
Após notícias em alguns sites sobre a intenção de pôr fim à sua carreira por motivos de saúde, Anna Joyce tranquiliza os fãs, esclarecendo que, apesar de estar acometida com uma doença do fórum neurológico, “não existe a mínima possibilidade de parar de cantar”.

Adelino Caracol: O pioneiro desconhecido do movimento Hip Hop angolano

há 9 meses
O 47° aniversário Hip Hop, que se comemorou na semana finda, trouxe ao de cima este facto irrefutável sobre a gene do movimento Hip Hop em Angola.