Se estivesse em vida, Agostinho Neto completaria 99 anos hoje

Nascido aos 17 de Setembro de 1922, em Caxicane, aldeia banhada pelas águas do rio Kwanza, na região de Catete em Ícolo e Bengo, a 60km de Luanda. A data foi consagrada como Dia do Herói Nacional em 1980, pela então Assembleia do Povo, um ano após o seu falecimento, dia 10 de Setembro de 1979, na antiga União das Republicas Socialistas Soviéticas.

Em alusão ao 99ª aniversário natalício do patrono da Nação, várias actividades vêm sendo realizadas desde o dia primeiro de Setembro, mas é em Menongue que acontece hoje o acto central do 17 de Setembro, presidido pela ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, sob o lema “Com os ideais de Neto, Honremos a Pátria Angolana”.

Mais do que um homem da política, o Fundador da Nação é hoje relembrado pelo lado humanista, como poeta maior e sobretudo, um homem de artes.

Actividades Complementares da Exposição `António Agostinho Neto na Primeira Pessoa´ patente no Belas Shopping até ao dia 30 de Setembro
Dia 18: Palestras sobre a vida e obra de Agostinho Neto
Dia 19: Recital de poesia e trova
Dia 11: Recital com canto Coral
Dia 25: Recital Instrumental com a Academia Yellen

Sobre António Agostinho Neto
Envolvido desde muito cedo com movimentos estudantis revolucionários, foi voz activa contra a política colonialista onde destacou-se a nível internacional. A sua dedicação à causa de libertação dos povos africanos da supremacia europeia acompanhou-o até ao final da sua vida e conduziu-o aos mais diversos palcos políticos internacionais para fazer da sua voz, a voz dos povos oprimidos.

Além de concluir o curso do liceu com elevada classificação, foi estudante da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra onde conheceu Lúcio Lara, que foi o seu companheiro de trajectória. Neto foi também membro fundador do Centro de Estudos Africanos em conjunto com Amílcar Cabral, Mário Pinto de Andrade, Marcelino dos Santos e Francisco José Tenreiro.

Devido à sua tenacidade e participação activa nos movimentos estudantis foi preso diversas vezes pela PIDE, dando origem a campanhas internacionais de solidariedade para a sua libertação. Esta manifestação vai ser fortemente reprimida causando a morte de 30 pessoas e mais de 200 feridos, passando a ser conhecido como “o massacre de Icolo e Bengo”. Em consequência desta agitação vai ser transferido para Lisboa e depois é deportado para Cabo Verde em Outubro do mesmo ano.

A sua influência a nível internacional cresceu na década de 60, onde teve a oportunidade de participar em diferentes conferências em Tunes, Léopoldville, Adis Abeba (conferência constitutiva da OUA), Brazzaville, Paris, Genebra (Congresso Mundial da Paz e OIT) entre outras. Na década de 70 liderou as actividades políticas e de guerrilha do MPLA e o processo de descolonização (1974/75) a partir de Argel e Brazzaville até ao seu regresso a Angola para a proclamação da independência em Novembro 1975 e assumir as funções de 1º Presidente da República Popular de Angola.

A vida política de Agostinho Neto intensificou-se forçando-o a dividir o seu tempo entre a família e a política até ao dia da sua morte a 10 de Setembro, por complicações durante uma cirurgia a um cancro do fígado, em Moscovo.

as cargas mais recentes

Rádios observam semana de Artur Nunes

há 2 anos
De 20 a 26 deste mês, o músico foi o principal destaque nas rádios do país. Não só foi o artista mais tocado, mas também o seu tema “N’gola Tua Itambula” foi o mais ouvido nas mais de 50 rádios nacionais.

Ascenção Music e MC Cabinda anunciam tournée pelo país

há 12 meses
Numa primeira fase, têm agendado para Outubro e Novembro concertos na Estação do Nova Vida e depois seguem para Viana, Cacuaco, Bengo, Kwanza Norte e Malanje. Mais tarde, visitam Cabinda, Zaire (Soyo) e outras partes do país.

Espectáculo `Se esses pés falassem´ volta a estar em cartaz para terceira temporada

há 1 ano
“Se esses pés falassem” é uma criação que homenageia heróis da guerra civil. A ser exibido pela terceira vez, em Luanda, com este espectáculo de dança, objectiva₋se reacender a esperança nos corações dos angolanos e não apontar quem está certo ou errado.

Escritos de Luís Mendonça seleccionados para integrar “antologia africana”

há 11 meses

Novo clip de Lil Nas X com culto a Demónio “explode” redes sociais

há 2 anos

Zap exibe programa que promove diferentes correntes musicais

há 2 anos
Denominado Jamming, o referido programa é exibido, em exclusivo, todas as sextas-feiras no canal Zap Viva (posição 4) e explora a musicalidade de doze artistas, incluindo bandas, de diferentes gerações e expressões artísticas.

Após ser interna por trombose, Anitta tranquiliza os fãs

há 2 anos
A cantora foi internada ontem depois de ter sido diagnosticada com trombose. A informação inicialmente difundida pela imprensa brasileira foi confirmada pela própria, tranquilizando que se sente bem e receberá alta hospitalar ainda hoje.

Making Of: Single `Tamu a gerir´ junta Yuri Dumba e Rick Baby

há 1 ano

JP da Maika disponibiliza “Um Pouquito Para Cá Por Favor”

há 2 anos
A finalizar os últimos temas do álbum “DaMaika Season”, traz-nos uma versão mais moderna e arrojada da sua kizomba, sensual, urbana e atrevida.

Cee Lo Green é acusado de misoginia após criticar hipersexualização de Cardi B, Megan The Stallion e Nicki Minaj

há 2 anos
Para o também rapper, que falava em entrevista à Far Out Magazine, deveria haver um “tempo e um lugar” para o “conteúdo adulto” na música, lembrando que “muita música hoje é lamentável e decepcionante em nível pessoal e moral”.

Conheça Skit Van Darken, o autor de “Angola Não Me Diz Nada”

há 1 ano
O músico quase não é visto nos media convencionais, mas goza de boa popularidade considerável na Internet e, à surdina, vai se transformando na principal referência deste subgénero do Hip Hop.

Mayra Andrade é voz da trilha sonora de filme co-produzido por Jay-Z

há 12 meses
A cantora cabo-verdiana deu voz à trilha sonora de ‘The Harder They Fall’, um filme co-produzido por Jay-Z, e que estará disponível a partir de 3 de Novembro na Netflix.

Eva RapDiva: “Dou bons conselhos nas minhas músicas e não vejo a maior parte das jovens a seguirem”

há 2 anos

Iza: Entre os 100 negros mais influentes do mundo

há 2 anos
A eleição é reconhecida pela Organização das Nações Unidas Internacional e engloba todas as áreas de actuação, como arte e cultura, além dos empreendimentos de negros ou não que sejam voltados para o público negro.

FIFA pretende alargar para 100 os minutos de jogo ainda este ano

há 6 meses

Morreu o último sobrevivente do Bob Marley & The Wailers

há 2 anos