Segundo P. Diddy o R&B perdeu a sua essência e morreu

Está ou não “morto” o R&B? Diddy e Timbaland reuniram-se, na passada quarta-feira, para discutir sobre o assunto num live do Instagram. Diddy concluiu que o género perdeu o seu propósito. O produtor lançou recentemente uma produtora para registar o estilo.

Para Diddy, o R&B morreu e perdeu o seu verdadeiro propósito, que é apelar para o sentimento, e não deve se parecer como um “cãozinho”.

“Não, não. É um sentimento. Quem faz R&B tem que ser capaz de cantar…dizer a verdade. R&B não é uma agitação. O R&B é sobre sentir sua vulnerabilidade.”, returquiu ao amigo, continuando que o estilo tem que ser capaz de fazer chorar quem ouve. ” Ele tem que ser capaz de trazer sua namorada de volta”, defende.

O artista reconheceu, no entanto, ter meia culpa pelo que se faz actualmente por terem aceitado qualquer coisa de alguém que usa um microfone. “Eu sinto que houve uma morte lenta do R&B, e eu faço parte daqueles que devem trazê-lo de volta!”, emendou.

Por seu turno, Timbaland discorda com Diddy, e quando questionado para citar apenas cinco artistas de R&B que poderiam cantar sem Auto-Tune, o produtor teve dificuldade de encontrar nomes, pelo que P. Diddy respondeu: “O R&B não soa muito vivo. Vê que nem conheces ninguém.”, disse Diddy.

Depois, entrou Mary J. Blige, que, na sua  opinião, Chaka Khan, Etta James, Sam Cooke, Aretha Franklin, Jazmine Sullivan e SWV. 

as cargas mais recentes

Artistas plásticos da nova geração recriam trabalho de Ruy Duarte de Carvalho

há 1 ano
O Laboratório de Crítica e Curadoria e a Galeria Movart apresentam no próximo dia 25 do corrente, em Luanda, uma exposição colectiva inspirada na obra “Como Se O Mundo Não Tivesse Leste”, de Ruy Duarte de Carvalho.

Bruno Fernando apresenta fundação direccionada à inclusão social

há 2 anos

Banda vencedora do Festival Eurovisão da Canção 2021 está a ser investigada

há 2 anos
O grupo italiano Måneskin está a ser investigado por suspeito uso de drogas em palco e, apesar de já ter categoricamente rejeitado as alegações, o seu vocalista será submetido a testes de despistagem, caso se confirme a suspeita, o prémio pode vir a ser anulado.

Pink 2 Toques e Bruno Samora juntos contra o Covid-19

há 3 anos
O criador do conceito FitKuduro, Bruno Samora juntou-se ao grupo de kuduro Pink 2 Toques, para enviar a sua mensagem de prevenção sobre o Corona Vírus.

Razões e Rimas: O super Herói de Todos os Tempos

há 2 anos
A EP é da autoria do também integrante do lendário grupo “New Joint”, Kamané Kamas, que tem vindo a dar cartas dentro do movimento hip hop lusófono, assumindo a posição de um dos mais influentes da actualidade de moçambique.

Astronauta apresenta `Uma Noite de Lua Cheia´

há 1 ano
Depois do espetáculo `Sobre Luz e Trevas´, o poeta e slammer Frederico Costa regressa para protagonizar o seu segundo espetáculo solo, `Uma Noite de Lua Cheia´.

Kid MC: “Os unders têm de deixar a mania de odiar, quando alguém no seu circuito atinge certo nível”

há 2 anos
Os rappers precisam ser mais justos. Os unders têm de deixar a mania de, quando alguém no seu circuito atinge certo nível odiá-lo.

Rubro Stone vence 1.ª edição do Exercício Mental Batalha de freestyle Bates ou Levas

há 11 meses
Diferente de qualquer outro concurso ou batalha verbal, o ‘bates ou levas’ é um exercício mental em que os concorrentes fazem freestyle com temas criados no momento.

Por onde anda o Bruno M?

há 2 anos
Da mesma forma que surgiu, Bruno M “desapareceu” do mapa musical sem dar satisfações. Nos últimos anos especulou-se muito sobre os motivos da sua ausência dos grandes palcos e de um disco novo, como resposta apareceu em pequenas actividades (sun7) em 2019, mas nada daquilo que os fãs esperavam.

Heloisa Jorge revisita legado de Njinga Mbade no Dia da Consciência Negra

há 2 anos
A história de Angola terá vez e voz no “Falas Negras”, o evento brasileiro que comemora o Dia da Consciência Negra e cuja primeira edição, memora célebres personagens de 1600 aos dias de hoje, pessoas que lutaram contra a escravidão, a segregação racial, o racismo e a intolerância.

Bonga: “Sinto-me um kota realizado”

há 3 anos
O dia 28 de Junho de 2020 será lembrado como um dos dias mais importante da cultura nacional, tudo por causa de Bonga, Paulo Flores e Yuri da Cunha. A Carga traz as reacções do espectáculo.

Né Gonçalves apresenta vídeoclip promocional do seu novo álbum

há 1 ano
Após ter começado 2021 em grande, o músico e compositor prossegue com a apresentação, hoje, no Palácio de Ferro, em Luanda, de um vídeoclip promocional do seu próximo álbum. O tema intitula-se “Undenge Wetu” e traz a participação de Yuri da Cunha.

Agentes criam associação de defesa dos interesses dos negros na indústria musical

há 3 anos
Um grupo de mais de 30 principais agentes, advogados e gestores da indústria da música criou uma associação que estará a manter e actualizar os interesses de artistas, produtores, compositores e executivos negros ligados à indústria da música.

Carregadores de caixão “ameaçam” dançar para quem não ficar em casa

há 3 anos
Os dançarinos fúnebres ganenses, responsáveis pelo “meme” mais viral no mundo, durante a quarentena, fizeram um apelo para as pessoas ficarem em casa, sob pena de pagarem com a vida.

Afinal vidas angolanas também importam

há 3 anos
A classe artística angolana quebrou o silêncio e decidiu dar um basta à indiferença perante a brutalidade e violência policial que, vezes sem conta, resultaram em mortes, como foi o mais recente caso de José Manuel, morto à tiro no Prenda.

Micasa está disponível para fazer participações com artistas angolanos

há 2 anos