Sílvio Nascimento: “Produzir um filme infantil não é tão caro como promover concurso de miss”

Após vários anos no escuro, uma luz de esperança vislumbra o cinema infantil angolano, com surgimento de pequenas iniciativas como o canal de desenhos animados e maratona de animação (Bom Comix Con) do actor Sílvio Nascimento.

A programação abre a 14 de Julho próximo, no CineMax, em Luanda, e tem por objectivo devolver a infância às crianças e adapta-se, igualmente, à televisão, tal como já acontece com o Zimbinho, da TV Zimbo, produzido pelo actor e sua equipa.

No mundo da representação há anos, Sílvio reitera o compromisso com a televisão e o cinema angolano, apesar de não ter tido o apoio desejado das entidades competentes mas, conforta-se, porque ainda assim, consegue levar o nome de Angola ao mundo. Sua recente produção “Mwana Nkento” é a mais recente prova disso.

O que é mais dispendioso, produzir um filme ou desenhos animados?

Depende muito. Desenhos animados também não são caros. Principalmente, porque nós temos objectivos sociais. Aliás, é menos caro produzir boneco animado do que ter o que nós temos como consequência. É muito mais caro, porque teremos delinquentes e teremos um país manchado a todos os níveis. De forma directa, respondendo à sua pergunta, pode-se produzir um filme com 15 ou 20 milhões de kwanzas. Você consegue produzir um capítulo ou uma secção de cinema com 10 milhões de kwanzas. Estou a dizer isso ao nível do que nós podemos fazer e tem mais pessoas que podem fazer a outros valores, produzir um filme infantil não é tão caro como a promover um concurso de miss.

Tem clamado para o retorno da música infantil em Angola. O que poderia ter sido feito para ajudar a adiantar este processo?

Trazer os programas infantis de volta.

Atribui-se-lhe a autoria de uma carta, que circula nas redes sociais, endereçada ao Presidente da República. É o autor desta carta?

Sim, fui eu quem escreveu. Só não sei dizer, à altura, porquê que esta carta ainda volta em voga. Não sei.  Provavelmente as pessoas estão a ver mais as consequências disso. Mas eu não sei porquê. Porque esta carta já foi escrita há três anos. Esta carta é de Junho de 2019. Já fez três anos e eu não estou a entender porquê que muita gente está a partilhar isso agora.

Isso lhe preocupa?
Não. O assunto continua. A autoria é sim minha, confirmo e reitero, o problema agudizou-se, só não estou a entender porquê que estão a usar esta carta agora.

Que resposta obteve do Presidente da República?

Não obtive nenhuma resposta.

Que resposta espera do Presidente?

Eu escrevi a carta para ser entregue, respondida e tida em conta como cidadão. Por exemplo quando a primeira-dama disse que temos poucos conteúdos televisivos nacionais, começaram muitas telenovelas, muitos conteúdos angolanos. 

O que o levou a escrever tal carta ao Presidente da Republica, já que existe o Ministério da Cultura Turismo e Ambiente?

Na carta mostra exactamente isso. Que nalguns casos não são os ministérios que resolvem. Mas também um caso como este não é só o Ministério da Cultura que resolve. É um caso do INAC, do Ministério da Família e Reinserção Social, é um caso público de comunicação. É de todos nós. O Presidente da Republica é o orgão máximo para compreender a situação e pedir explicações a todos os outros. Aliás, é um fenómeno social. Somos todos culpados desta podridão social.

Já leva três anos desde que a escreveu e não foi respondido. O que pensa em fazer?

Eu já fiz algumas coisas, entre elas, criámos um canal de desenhos animados. Nós não somente apontamos os erros, como trouxemos uma solução. Mas este é o país que temos.

as cargas mais recentes

Covid-19: Matias Damásio testa positivo

há 2 anos
A informação surge em vários sites, que fazem também referência ao facto do angolano ter actuado recentemente nos programas “Casa Feliz”, da SIC, e “Em Familia” da TVI, nos dias 12 e 16 de Janeiro, respectivamente.

Lewis Hamilton revela que também é Rapper

há 2 anos
Afinal Lewis Hamilton também tem uma veia artística, a revelação foi feita na primeira pessoa. O hexacampeão usou a página oficial do Instagram para assume autoria da música “Pipe” em colaboração com Christina Aguilera, onde usa o codinome de XNDA e diz que insegurança motivou o anonimato.

Yuri da Cunha: “Eu podia ter nacionalidade portuguesa, mas nunca tive. Vou tentar ao máximo viver aqui”

há 1 ano
Sobre a garantia da sua reforma, uma vez que é visível o seu sucesso, o artista admitiu que, apesar de ganhar mais, tal como os demais angolanos, também lida com questões de água e luz, mas ama a sua terra e, embora tenha várias possibilidades de adquirir a nacionalidade portuguesa, nunca pensou nisso.

Prodígio faz dueto com Yuri da Cunha em nova música

há 2 anos
Yuri da Cunha (Semba) e Prodígio (Rap) fizeram dueto na nova música de Yuri, que será apresentada Domingo no Show em alusão ao seu aniversário, a ter lugar no Casino Estoril em Portugal.

50 cent recusou 1 milhão de dólares para aparecer na campanha de Trump

há 2 anos
Ao The Breakfast Club, o artista confessou que ganhou interesse em Trump após lhe ter sido proposto os valores, e não pelas políticas fiscais. Mas sublinhou que estava consciente de que votaria em Joe Biden.

Novo clip de Lil Nas X com culto a Demónio “explode” redes sociais

há 1 ano

Estrela de Missy Elliott já brilha na Calçada da Fama de Hollywood

há 9 meses
Aos 50 anos de idade, dos quais, mais de 25 dedicados ao Hip-Hop, Melissa Arnette Elliott mais conhecida como Missy ‘Misdemenor’ Elliott, acaba de ser honrada com a 2.708ª estrela da Calçada da Fama de Hollywood.

Jovens do Prenda no Show do Mês online

há 2 anos

Taylor Swift oferece o equivalente a 18 milhões de Kwanzas a uma estudante

há 2 anos
A cantora soube da história da estudante Vitória Mario através do site GoFundMe, e decidiu doar o montante que faltava para que a jovem pudesse concretizar o sonho de frequentar o curso de Matemática.

Morreu António Gonçalves, antigo secretário-geral da União dos Escritores Angolanos

há 2 anos
O escritor angolano António Gonçalves, ex-secretário-geral da União dos Escritores Angolanos, morreu na quarta-feira vítima de doença, soube a Revista Carga de uma fonte oficial.

Muhatu: 4ª edição da maior competição de spoken word no feminino acontece dia 29 de Setembro

há 2 anos
Já com o processo de inscrições a decorrer, para a edição `MUHATU 2020´, a competição anual, que já conta com 3 edições realizadas (2017, 2018 e 2019), vai adaptar-se ao “novo” normal social, tendo a 4.ª edição realizada completamente on-line.

Slam Tundawala “desafia” a pandemia e migra para televisão

há 2 anos
A IIIª edição do Slam Tundawala acontece daqui a 13 dias e contará com transmissão televisiva.

É oficial: Lionel Messi já não é jogador do Barcelona

há 1 ano

Eminem reconhece hegemonia de 2pac e chama-o de “maior compositor musical da história”

há 2 anos
A lenda hip-hop, Eminem tem 2pac como uma das suas maiores referências. Demonstrando respeito e admiração pelo finado artista sempre que pode, mais uma vez, voltou a enaltecê-lo.

Yanick cancela nove shows e dois contratos

há 2 anos
Por causa do Covid-19, o rapper Yanick Afroman teve que cancelar nove shows e dois contratos com marcas diferentes para publicidade.

NGA assume responsabilidade do Rap angolano nos Bet Awards

há 10 meses