Steel Wonder: Mais um filho do Prenda que aspira ter sucesso no Rap

Filho do Prenda, Steel Wonder é mais um talento que pretende “emergir” no Rap. Polivalente, o canto e a dança sempre estiveram no sangue, inspirado em Bruno M, começou a compor em 2009 tendo o Kuduro como ponto de partida de uma caminhada que viria a conhecer um interregno prematuro, por questões religiosas.

A segunda “season” da sua história com a música, surge em 2013, ao identificar-se com a ideologia da Força Suprema. Actualmente no Rap, Steel aspira trabalhar com a Latino Records e vê no single `mamacita´, a sua ascensão musical.

A partir de que momento a música começa a ganhar espaço na sua vida?
Desde bem pequeno fui muito apaixonado pela música, 2009 foi o ano que escrevi os meus primeiros versos, sendo que foram versos de kuduro.

Como é que se define artisticamente?
Artisticamente me defino como um rapper versátil, consigo navegar em várias vibes, sendo que até já tenho uma track que lançarei dia 14/02 que não é rap, é kubeng, -mistura de rap com kuduro, mas sou um rapper de essência por ser o estilo que mas faço e me caracteriza.

Como foi a transição do Kuduro para o Rap?
A transição foi natural, sendo que na altura, 2012, já equilibrava entre Rap e Kuduro, acabei por me apaixonar pelo rap, um dos motivos foi por ter ouvido NGA.

Que assuntos normalmente explora nos seus temas?
Nos meus temas falo sobre tudo, sobre a minha vivência, sobre o que está ao meu redor, sendo até que nessa mesma track que lançarei dia 14/02 inspirei-me num momento passado entre amigos no ano novo.

Steel Wonder: Mais um filho do Prenda que aspira ter sucesso no Rap

O que preparou para este ano? 
Para este ano, especificamente para o primeiro semestre preparei três track’s, a primeira sairá próximo mês 14/02. Para outro semestre o pessoal terá de aguardar…

Largou a escrita por questão religiosas, quais as razões que o levaram a voltar à escrita?
Procurava algo ou alguém para desabafar, como os meus grandes amigos, não estavam por perto decidi canalizar os meus sentimentos no caderno.

O que pretende com a música?
Conseguir uma verdadeira emancipação, ajudar minha família e os jovens.

Sabe que o mercado está cada vez mais pequeno. Dia após dia surgem artistas, que vão ocupando o pouco público que há. Como fará para se impor?
Para me impor, farei simplesmente bem e melhor, a diferença e a consistência ( investimento e muita persistência ).

Nessa fase inicial com que nome gostaria de trabalhar, pessoas que acha que dariam um up à sua carreira?
Latino.

Porquê?
Não conheço o papoite mas curti da personalidade dele, pelo facto de ser um verdadeiro hustle, sinto que posso aprender bastante com ele, acompanho o trabalho do kota desde os mobbers até hoje com paulelson.

Que expectativa tem em relação a sua carreira?
Almejo chegar ainda esse ano, em grandes palcos da banda (assim que essa situação passar ), especialmente fazer o mamacita ser um hit.

Consegue medir o feedback?
Sim, tem sido bastante positivo.

Qual é o seu maior sonho?
Com a guita do rap, chegar a construir um império que me capacite a ajudar minha família e a sociedade em geral,

as cargas mais recentes

Adão Zina: o mercador da literatura angolana na Internet

há 7 meses

Sintoniza 91.7 MFM: ShowTime

há 1 ano
Leonel Manuel ou simplesmente Megga Skills, como é conhecido nas lides do Hip Hop, é a uma das vozes mais sonante da Rádio MFM, na condução do programa ShowTime todos os Domingos, as 18 horas. Saiba mais sobre este programa, que nasceu por inspiração do extinto “Big Show Cidade”, mas que se apresenta como o programa de Rap “mais inclusivo” da actualidade, pois além de promover o Hip Hop, a música Rap e os seus fazedores, “abraçou” também a missão de “educar, informar”.

Netflix adiciona categoria “Black Lives Matter”, que traz narrativas sobre experiência negra

há 1 ano
A Netflix a dicionou à colecção de 24 géneros o Black Lives Matter, uma nova categoria que vai trazer poderosas e complexas narrativas sobre a experiência negra. A mudança ocorreu após o icônico filme” The Help”se ter tornado o título mais transmitido na plataforma.

Atrium Cultural promove concerto para recordar momentos da construção da música popular angolana

há 6 meses

Ouvir música através de um implante no cérebro é a mais nova proposta da Tesla

há 1 ano
Elon Musk, CEO da marca de automóveis Tesla e da empresa aeroespacial SpaceX, que colocou recentemente dois astronautas em órbita, afirma que vamos deixar de precisar de auscultadores em breve, porque vamos passar a ouvir música através de um micro-chip no cérebro.

Morreu Pierre Cardin

há 7 meses
Nascido em Itália, mas naturalizado francês, Pierre foi o renovador da alta-costura francesa no pós-guerra, tendo mais recentemente dado nome a várias gamas de acessórios de moda.

Ronaldinho Gaúcho lança música nova e cria projecto musical

há 7 meses
O ex-jogador decidiu embarcar para um outro desafio. Abriu um estúdio e uma gravadora. Na última sexta-feira, o futebolista lançou sua segunda música e deverá lançar mais oito faixas até ao final do ano.

Joe Budden usa podcast para ajudar a desestigmatizar a saúde mental

há 3 meses
“Shaking the Tree” da semana passada, como o episódio 435 foi intitulado, apresentou os quatro directores do podcast, o apresentador Joe Budden e os companheiros Rory, Mal e Parks, num debate de algo que muitos homens adultos acham extremamente difícil: Uma conversa honesta sobre o relacionamento entre os quatro.

Jandir Three, o cantor angolano de Tarraxinha que soma fãs em Moçambique

há 1 ano
Jandir Three é um músico angolano que está a somar fãs em Moçambique, através do Gloom Channel. O jovem de Benguela canta Trap Tarraxinha há 10 anos e tem várias músicas e vídeo clipes disponíveis. Recentemente, assinou com uma nova produtora e está neste momento a preparar projectos e deixa suas impressões à Carga.

Kanye West: “Ninguém pode me comprar. Tenho mais dinheiro que o Trump”

há 11 meses
Continua entre os norte-americanos as suspeitas sobre se West não está a ser uma marioneta ao serviço dos Republicanos, pago para ser uma mera “distração” nas eleições presidenciais de 3 de Novembro.

Rodex Mágico, um artista plurivalente que caminha a passos firmes em direcção ao triunfo musical

há 4 semanas
O jovem artista vem dos Combatentes, o que parece justificar seus conteúdos e referências musicais como Bruno M. Tal como várias outras estrelas, Mágico é um daqueles talentos que trocou o mundo da delinquência pelo Kuduro ou Rap. Kuduro ou Rap, porque fica difícil se posicionar ante a tendência deste artista, que resulta da fusão entre o Kuduro, Funk, Rap e Afrobeat.

Ministro compara Anitta com personagem de desenho animado infantil

há 3 meses
O ministro do Meio Ambiente do Brasil, Ricardo Salles, chamou esta quarta-feira, a cantora Anitta de teletubbie-personagem de um programa infantil da década de 1990, durante uma troca de farpas nas redes sociais, desafiando-a a citar as capitais do Brasil.

Bethânia Silva grava primeiro disco Gospel

há 9 meses
O mercado angolano poderá contar com mais um disco 100% Gospel em 2021, da autoria de Bethânia Silva, a estrela de Cabinda que quer se impor em todo país.

Friday Lit: A apresentação do futuro de Alkinoos

há 10 meses
Já disponível em todas plataformas digitais, o tema “Friday Lit” abre as portas para o próximo EP da autoria de Alkinoos -Alcino Pascoal-, com cada uma das músicas dedicada a um dia da semana.

Nue Wave, a dupla que vai dar nova onda ao público

há 1 ano
Nue Wave é uma dupla nova formada por D.B e Mascy, ambos natural da Ingombotas, Luanda. Os dois amigos trazem uma proposta musical que resulta da mistura entre Hip Hop, R&B e Soul. Depois de longos anos de carreira a solo, D.B e Mascy querem atingir o nível mais alto da música angolana, através destes projectos.

Rock in Rio terá réplica na cidade de São Paulo

há 8 meses
A organização do Rock in Rio informou hoje que está a criar um festival semelhante na cidade de São Paulo. O mega evento chama-se The Town e será acolhido no Autódromo Interlagos, alternando com o Rock in Rio.