Vencedora do Festival da Canção de Luanda apresenta primeiros projectos

Além do principal prémio, Heróide dos Prazeres foi considerada a melhor voz do ano do Festival da Canção de Luanda, mas não é só o timbre vocálico que chama atenção, ela também escreve, e foi com a sua própria composição que ultrapassou vozes de referência da música angolana.

A sua carreia começou na dança, hoje já conta com cinco músicas e vai aproveitar o dinheiro que recebeu do festival para gravar mais alguns trabalhos. A letra com que se destacou foi um poema escrito para o seu próprio consolo. Em entrevista à Carga Magazine, a grande vencedora do Festival da Canção de Luanda 2020 apresentou os seus projectos.

Ultrapassou artistas com nomes no mercado, é o caso de Aylasa e Gari Sinedima. Como conseguiu fazer isso?

Sim, foi possível porque houve muito trabalho e muita dedicação. Eu sabia que estava a competir com quem já tem estrada, então coloquei toda minha energia e fé em Deus.

A canção com que se destacou foi escrita por si, contrário dos outros dez concorrentes. Em que circunstâncias a escreveu?

A música “Só No Olhar” era uma poesia longa e sofreu muitas alterações ao ser transformada em música. Fui à procura de ajuda de quem conhece a matéria e, então, se deu esta transformação. 

Há quanto tempo tinha este poema escrito e até que ponto concorrer com a sua própria letra foi fundamental para a vitória?

Tinha ela dois meses antes do festival. Escrevi-a em Janeiro deste ano. Foi mais emotivo e com isso, aprendi a dar mais valor às minhas letras e  correr atrás do que realmente acredito.

Por que razão optou por concorrer com este tema? 

A primeira versão era um Soul, mas a direcção do festival pediu-nos que transformássemos num ritmo mais africano, então optei pela Rumba. Eu não tinha noção de quão bonita ela ficaria! 

Sabe que o prémio poderá exigir mais de si. Qual vai ser o próximo passo?

Vou trabalhar mais com música claro, tal como faço já há 4 anos. Em cada degrau, há quedas e também ganhamos maturidade. O público terá uma Heróide com mais de maturidade e será visível nas composições.

O quê gravou durante esses quatro anos ? 

Tenho cinco músicas gravadas e mais algumas a serem preparadas.  Duas delas “Morri” (já tem 4 anos) e “Desejo Ser (com 2 anos) já  estão disponíveis. 

Como é que começou o seu envolvimento com a  música?

Sou artista desde muito cedo, comecei na dança. A minha carreira será caracterizada por vários géneros musicais. 

Já tinha participado por duas vezes no Festival da Canção de Luanda, que posições tinha ficado?

Eu concorri três vezes, desde 2018 a 2020. No primeiro ano, eu não tinha noção da dimensão do festival. Eu só fui, porque queria me divertir. 

Em 2019, fui com a vontade de honrar um amigo e levei o segundo lugar, defendendo o prémio de Konstantino “Melhor Produção”, mas eu queria o grande prémio e mesmo sem saber se estava a fazer o certo, eu pedi conselhos de pessoas especiais, como minha mãe. “esses prémios são dela.  

O que vai fazer com os 1 milhão e duzentos mil Kwanzas que recebeu de recompensa?

Vou apostar na minha carreira e no meu negócio de restauração. Para além de artista sou pequena empresária.  

O quê e quando sai os seus próximos trabalhos? 

Sem data ainda a anunciar. Mas serão músicas e vídeos ao mesmo tempo. 

Onde é que quer chegar com a música? 

O meu maior sonho é ser uma das maiores referências do music hall a nível mundial, representado Angola e África.  

Quais são as suas influências artísticas? 

Yola semedo, Alice Keys, Adele, Asa, Kueno Aionda, Ivete Sangalo. 

as cargas mais recentes

Eddy Tussa solidário com artistas

há 1 ano
O espectáculo acontece a partir das 17 horas de hoje e o cantor far-se-á acompanhar de Yuri da Cunha. Designado “Show Live de Solidariedade aos Artistas”, o mesmo será transmitido no Facebook, Instagram e YouTube.

44 anos depois governo entrega certidões de óbito de Artur Nunes e David Zé

há 5 meses
Esta semana, o governo angolano decidiu entregar às suas famílias certidões de óbito, entretanto, os restos mortais dos artistas estão ainda por se identificar.

1º de Agosto “vende” Zito ao Cagliari de Itália

há 1 ano
O futebolista angolano Zito Luvumbo, que na temporada passada representou o 1º de Agosto, vai jogar pelo Cagliari da principal liga italiana (Calcio).

Arrancam hoje as aulas online de percussão corporal na Fundação Arte e Cultura

há 1 ano
As aulas serão leccionadas online no horário das 15 horas, de segunda a sexta, com Gideão Zumba, professor do Centro Cultural, da Fundação. Durante a formação, os alunos poderão ver módulos como- A bateria e sua história; Constituição da bateria; Como se sentar na bateria; Como controlar as baquetas; Rudimentos e Ritmos para tocar as primeiras músicas e serão demonstradas várias obras para que os alunos possam aprender com facilidade.

Afrikkanitha e Nanutu partilham o palco do ‘Conversas à Quarta’

há 3 semanas
Volvidos quatro meses após a paralisação, devido às restrições impostas pela pandemia da Covid-19, o evento de música ao vivo, que tem como casa o Palmeiras Club, em Luanda, retoma no próximo dia 6 de Outubro com Afrikkanitha e Nanutu, a abrir com chave de ouro a segunda temporada.

Wycleff Jean selecciona angolano Jeff Brown para o “Challenge”

há 1 ano
A selecção do rapper angolano foi confirmada pelo próprio Wycleff, na sua página do instagram, notificando o participante e deixando a seguinte questão: Acham que ele (Kota Kulanda) merece os 1000 dólares?

4ª fase da exposição `S.O.S ambiente´arranca no Huambo

há 1 ano
Esta iniciativa visa reunir jovens com talentos assinaláveis, cujo foco passa pela transformação do lixo inorgânico em perfeitas obras de arte, associando essas criações à Campanha de Responsabilidade Social do “Projecto Ambiente” do Xyami Shopping.

Banda Prontidão: A Banda do Futuro

há 1 ano
Surgiram quase do nada e actualmente já não passam despercebidos. Destacaram-se todos individualmente e decidiram formar uma banda, inspirando-se em conjuntos como Kiezos, Jovens do Prenda, Banda Maravilha e Banda Movimento.

Paul McCartney confessa que quase se tornou alcoólatra após separação dos Beatles

há 1 ano
Paul McCartney confirmou as informações por trás da separação dos Beatles. Em uma nova entrevista, o músico afirma que sofreu muito com as acusações sobre o fim da banda, que o levou a recorrer ao álcool e faltava pouco para ter calapso mental mais grave.

Lendária peça teatral `Hotel Komarka´ celebra 15 anos com ciclo de apresentações

há 6 meses

Vinis dos álbuns `Serviço Público´ e `Educação Visual´no Top 10 dos álbuns mais vendidos em Portugal

há 1 ano
Apenas um mês após editar as duas obras discográficas em Vinil, `Serviço Público´ e `Educação Visual´ já constam da lista de álbuns preferidos do público ouvinte português. Regozijado, Valete avançou a notícia, em primeira mão na sua página oficial do Facebook.

Impulsionadores do Bambarákatcha já contam 10 anos de estrada

há 2 anos
Staff Paulo é um grupo de músicos e bailarinos angolanos criado em 2010, e constituído por quatro elementos, artisticamente conhecidos por: Paulo Karbura, Paulo Gibele, Paulo Guedes e o Paulo Bruno. Inicialmente como um grupo só de dança de estilo afro beat (House).

Dybala testa positivo pela quarta vez

há 1 ano

Novo álbum de Paulo Flores será lançado no dia 30 deste mês

há 7 meses
“Independência” é um retrato sobre tudo o que o músico viu e sentiu. É a construção do ser de Paulo Flores. É sobre “tudo o que perdeu e tudo o que a perda gerou”.

Homem invade apartamento de Eminem e diz que foi “para matar o rapper”

há 1 ano
Um vídeo divulgado mostra que Mathew Hughes, o homem que no passado mês de Abril invadiu a mansão de Eminem, em Michigan, disse que estava lá para matar o rapper.

Livro “O bolseiro- Desafios pós formação” chega às bancas no 1ª Trimestre de 2021

há 1 ano