Vencedora do Festival da Canção de Luanda apresenta primeiros projectos

Além do principal prémio, Heróide dos Prazeres foi considerada a melhor voz do ano do Festival da Canção de Luanda, mas não é só o timbre vocálico que chama atenção, ela também escreve, e foi com a sua própria composição que ultrapassou vozes de referência da música angolana.

A sua carreia começou na dança, hoje já conta com cinco músicas e vai aproveitar o dinheiro que recebeu do festival para gravar mais alguns trabalhos. A letra com que se destacou foi um poema escrito para o seu próprio consolo. Em entrevista à Carga Magazine, a grande vencedora do Festival da Canção de Luanda 2020 apresentou os seus projectos.

Ultrapassou artistas com nomes no mercado, é o caso de Aylasa e Gari Sinedima. Como conseguiu fazer isso?

Sim, foi possível porque houve muito trabalho e muita dedicação. Eu sabia que estava a competir com quem já tem estrada, então coloquei toda minha energia e fé em Deus.

A canção com que se destacou foi escrita por si, contrário dos outros dez concorrentes. Em que circunstâncias a escreveu?

A música “Só No Olhar” era uma poesia longa e sofreu muitas alterações ao ser transformada em música. Fui à procura de ajuda de quem conhece a matéria e, então, se deu esta transformação. 

Há quanto tempo tinha este poema escrito e até que ponto concorrer com a sua própria letra foi fundamental para a vitória?

Tinha ela dois meses antes do festival. Escrevi-a em Janeiro deste ano. Foi mais emotivo e com isso, aprendi a dar mais valor às minhas letras e  correr atrás do que realmente acredito.

Por que razão optou por concorrer com este tema? 

A primeira versão era um Soul, mas a direcção do festival pediu-nos que transformássemos num ritmo mais africano, então optei pela Rumba. Eu não tinha noção de quão bonita ela ficaria! 

Sabe que o prémio poderá exigir mais de si. Qual vai ser o próximo passo?

Vou trabalhar mais com música claro, tal como faço já há 4 anos. Em cada degrau, há quedas e também ganhamos maturidade. O público terá uma Heróide com mais de maturidade e será visível nas composições.

O quê gravou durante esses quatro anos ? 

Tenho cinco músicas gravadas e mais algumas a serem preparadas.  Duas delas “Morri” (já tem 4 anos) e “Desejo Ser (com 2 anos) já  estão disponíveis. 

Como é que começou o seu envolvimento com a  música?

Sou artista desde muito cedo, comecei na dança. A minha carreira será caracterizada por vários géneros musicais. 

Já tinha participado por duas vezes no Festival da Canção de Luanda, que posições tinha ficado?

Eu concorri três vezes, desde 2018 a 2020. No primeiro ano, eu não tinha noção da dimensão do festival. Eu só fui, porque queria me divertir. 

Em 2019, fui com a vontade de honrar um amigo e levei o segundo lugar, defendendo o prémio de Konstantino “Melhor Produção”, mas eu queria o grande prémio e mesmo sem saber se estava a fazer o certo, eu pedi conselhos de pessoas especiais, como minha mãe. “esses prémios são dela.  

O que vai fazer com os 1 milhão e duzentos mil Kwanzas que recebeu de recompensa?

Vou apostar na minha carreira e no meu negócio de restauração. Para além de artista sou pequena empresária.  

O quê e quando sai os seus próximos trabalhos? 

Sem data ainda a anunciar. Mas serão músicas e vídeos ao mesmo tempo. 

Onde é que quer chegar com a música? 

O meu maior sonho é ser uma das maiores referências do music hall a nível mundial, representado Angola e África.  

Quais são as suas influências artísticas? 

Yola semedo, Alice Keys, Adele, Asa, Kueno Aionda, Ivete Sangalo. 

as cargas mais recentes

Filmes da Geração 80 seleccionados 8ª edição do Arquitecturas Film Festival Lisboa

há 2 anos
Os documentários Do Outro Lado do Mundo de Rui Sérgio Afonso, Para Lá dos Meus Passos de Kamy Lara e o filme Ar Condicionado do realizador Fradique, os três produzidos pela Geração 80 estão selecionados para a 8ª edição do Arquitecturas Film Festival Lisboa, a realizar-se entre os dias 1 a 6 de Junho de 2021.

De Young Double a RZA, confira os lançamentos de ontem

há 11 meses
As sextas-feiras têm sido o dia de eleição de alguns artistas para “liberar” projectos novos, ou apenas faixas para a manutenção da carreira. Como tem sido da praxe, as plataformas de streaming receberam ontem, novos trabalhos hoje, desta vez com os artistas Young Double e Anna Joyce, Hostil & Marcial, o americanos RZA, bem como o lendário grupo Onyx.

BET Awards 2020 acontece online

há 3 anos
De acordo com a Revista Variety, a BET celebrará o 20º aniversário da premiação no dia 28 de Junho, por meio de “uma variedade de técnicas inovadoras e conteúdo gerado por artistas”.

Filme ‘King Richard’ dá a Will Smith o primeiro Globo de Ouro da sua carreira

há 1 ano

Verzuz anuncia batalha épica entre KRS-One vs. Big Daddy Kane

há 1 ano
KRS-One e Big Daddy Kane, são tidos como gigantes do rap e representam com pompas e circunstâncias a Era de Ouro do Hip-Hop, pelo que, já foram taxados pelo público, como precursores de um novo nível de ‘Verzuz battle’.

Cinema Para Todos: Mwana Nketo em exibição hoje no Auditório Wyza

há 1 ano
A Geração 80 informou esta tarde, que Mwana Nketo dará início ao certame cinematográfico itinerante `Cinema para todos´ .

Star One Rapper & Caro Kelson: a dupla que está a invadir grupos de WhatsApp

há 2 anos
A dupla já lançou um EP. A obra intitula-se “Noites Em Claro” está disponível nas principais plataformas digitais e, brevemente, estará também no SoundCloud e Spotify. Os dois amigos surgem como uma lufada de ar fresco para o trap angolano, porque cada um tem a sua particularidade.

Chakuisa, um filho da Huíla com versatilidade para conquistar Angola

há 2 anos
Começou no Hip Hop/ Rap e tem dois trabalhos no mercado, incluindo participações de peso, só que desta vez, reestruturou sua carreira e anuncia “O Filho da Mapunda”, um Ep rico sonoridades e com uma variedade de línguas, que homenageia o bairro onde nasceu, na Huíla.

Jay-Z afirma que gostaria de ser lembrado como Bob Marley

há 2 anos
Durante uma rara entrevista ao The Times, sobre raça, família e seus momentos de maior orgulho, o lendaráio rapper norte-americano disse que gostaria que fosse lembrado como “Bob Marley e todos os grandes”

Anime sobre o rapper XXXTENTACION poderá ser lançado brevemente

há 2 anos
O lançamento do novo anime foi noticiado por diversas páginas de rap internacionais, mas até ao momento nada foi confirmado oficialmente.

Porquê que Angola celebra o 8 de Janeiro como Dia da Cultura Nacional?

há 2 anos
As celebrações abriram no dia 4 e terminam a 31 deste mês. A jornada contempla exposições, concertos, debates e hoje será marcada por um acto central, com outorga de diplomas de mérito personalidades que mais se destacaram no sector cultural no ano passado.

Soulja Boy compra briga com lutadores após afirmar que o “Rap está mais falso que o WWE”

há 2 anos
O facto é que a troca de Twittes ofensivos não determina que a rivalidade vai se desenrolar futuramente, mas os lutadores não descartaram uma luta corpo a corpo se Soulja Boy não for cuidadoso.

Ex-campeão de boxe acusa 50 Cent de roubar-lhe mais de 1 milhão de dólares

há 2 anos

Partiu para a eternidade Jacob Desvarieux

há 1 ano
O guitarrista e fundador da banda antilhana Kassav, Jacob Desvarieux, de 65 anos, morreu nesta sexta-feira vítima de covid-19, num hospital universitário de Guadalupe, anunciou a produtora do grupo.

O Convidador de pirilampos: Peça teatral adaptada da obra de Ondjaki será apresentada em Luanda

há 9 meses
A editora Kacimbo apresenta pela primeira vez em Angola a peça teatral “O CONVIDADOR DE PIRILAMPOS”, um espetáculo infanto-juvenil com textos de Ondjaki e desenhos do ilustrador António Jorge Gonçalves.

Como está o mundo 11 anos após a morte de Michael Jackson?

há 2 anos
Passados 11 anos após a sua morte, o sucesso de Michael Jackson é ainda um mistério, se estivesse em vida, Jackson estaria a celebrar 62 anos.